Páginas

sábado, 11 de junho de 2016

Primeiro aninho

Nesta sexta-feira, 10 de junho, para a felicidade dos avós Ângela Maria Soubhia Garcia Pontél e Jacir Pontél, a princesinha Heloise Pontél (foto com os avós), comemorou seu primeiro aninho. São seus papais Vitor Garcia Pontél e Vanessa Ricardo Pontél

Jovens são os mais afetados pelo desemprego

O Grupo de Conjuntura (Gecon) da Diretoria de Estudos e Políticas Macroeconômicas do Ipea publicou nesta sexta-feira, 10/06, a análise sobre os números do mercado de trabalho e lançou ainda o blog da Carta de Conjuntura. O documento mostra que a população mais afetada pelo desemprego é a de jovens com idade entre 14 e 24 anos e indica um aumento do desemprego entre esse grupo: era de 15,25% no 4° trimestre de 2015 e passou para 26,36% no 1° trimestre de 2016.

Já a redução do rendimento salarial foi maior para a parcela dos trabalhadores que recebem menos de um salário mínimo. Para estes, a redução do salário chegou a mais de 10% nos últimos 12 meses. A queda generalizada de rendimentos e na ocupação resultou em uma massa salarial de R$ 173 bilhões entre fevereiro e abril deste ano, mesmo patamar que se encontrava há três anos.

A seção Mercado de Trabalho é a primeira parte da nova Carta de Conjuntura do Ipea (n°31) e faz análises sobre emprego e renda analisando os microdados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNADC) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED).

Ilustre aniversariante

Um dos parlamentares mais combatentes do Poder Legislativo em prol de sua querida Urânia, o vereador João Jovino Batista, carinhosamente chamado de João Pega Lebre, recebe nesse sábado, 11 de junho, os cumprimentos de seus familiares, amigos e correligionários pelo aniversário que está festejando.

Acreditam

Acreditam A 39ª rodada da pesquisa do Sindicato da Micro e Pequena Indústria (Simpi), encomendada ao Datafolha, realizada entre os dias 13 e 30 de maio, aponta que, apesar do cenário critico, a mudança no quadro político trouxe uma reversão de expectativas nas micro e pequenas indústrias. 76% dos dirigentes das MPIs acreditam que o presidente interino, Michel Temer, fará, de maneira geral, um governo melhor do que a presidente afastada, Dilma Rousseff.

Em relação à área econômica, 77% acreditam que o atual governo terá desempenho melhor, e em relação ao setor de atividade das empresas dos entrevistados, 63% avaliam que o peemedebista terá um desempenho melhor. A avaliação de 37% dos dirigentes da categoria é que o peemedebista fará um governo ótimo ou bom, e para 45% ele fará um governo regular. Apenas 12% acreditam em um governo ruim ou péssimo.

Itamar e Pinato unidos pela Unidade de Fernandópolis do Hospital de Câncer

 
O deputado Itamar Borges, presidente da Frente Parlamentar de Apoio às Santas Casas e Hospitais Filantrópicos da Assembleia Legislativa, esteve em Brasília nesta quarta-feira, 8 de junho, para buscar apoio para as unidades de Jales e Fernandópolis do Hospital do Câncer. Itamar se reuniu com o deputado federal Fausto Pinato, (PP) de Fernandópolis.

"Reafirmamos nosso compromisso com os hospitais e conversamos sobre a reunião que o deputado Fausto Pinato teve com o Ministério da Saúde", afirmou.

Recentemente, o deputado Itamar Borges esteve com o secretário da Saúde do Estado, David Uip, e com o ex-secretário adjunto, Wilson Pollara.

Os deputados também conversaram sobre a mobilização que será realizada na praça da Matriz, em Fernandópolis, neste sábado, dia 11 de junho, em prol do Hospital do Câncer Unidade de Fernandópolis "Estaremos presentes no ato junto com outras lideranças políticas e a sociedade civil. O envolvimento e apoio de todos é muito importante", finalizou Itamar Borges.

Em Palmeira d`Oeste

Encerrando a programação do mês de junho do Circuito Cultural Paulista, a Trupe Teatro Palombar passa por Palmeira D’Oeste no dia 18 de junho, na Escola Municipal Disnei Antonio Monzani,na avenida Papa João XXIII, as 16 horas, com o espetáculo circense Uma Arriscada Trama de Picadeiro e Asfalto. A atração conta a história de Dimbo, um vendedor de pipocas que tinha o sonho de ingressar no circo, até que um dia se depara com uma trupe e passa a acompanhá-los. A partir daí, ele mergulha na memória do circo, levando o público através de uma narrativa divertida e envolvente.

Este ano, o Circuito Cultural Paulista, executado pela Secretaria da Cultura em parceria com a Organização Social APAA - Associação Paulista dos Amigos da Arte - e com prefeituras municipais, completa 10 anos. Ao longo desse tempo, foram realizadas 5.500 apresentações, prestigiadas por 1,5 milhão de pessoas. Já passaram pela programação nomes como Malvino Salvador, Denise Fraga, Fernanda Montenegro, Barbara Paz, Zélia Ducan, Luiza Possi, Arnaldo Antunes, Guilherme Arantes, Margareth Menezes, João Bosco e muitos outros.

Festa Junina da Fatec Jales

Foi com imensa alegria que a Fatec Jales realizou sua 6ª Festa Junina no dia 03 de junho, que contagiou o grande público presente, formado tanto pela comunidade interna como externa.

Para que o evento acontecesse, direção, coordenadores, alunos, professores e demais funcionários se envolveram e deram mostras de organização e comprometimento. Além de comidas e bebidas típicas à vontade e da tradicional quadrilha, os participantes foram contemplados com um belíssimo show da Violada 5 Estrelas, conjunto musical que vem fazendo enorme sucesso em toda a região. A festa não só proporcionou descontração e integração entre os presentes, como também demonstrou engajamento da instituição em questões sociais. Para participar, era necessária a doação de 1 kg de alimento não perecível, arrecadado para entidades assistenciais da cidade.

A direção da faculdade agradece a todos os que fizeram este grande evento acontecer!


Enfermeira do SAMU realiza palestras em EMEIs

 
A palestrante com integrantes da EMEI do jardim Arapuã
 
 
 
Nos dias 18 a 23 de maio, a enfermeira responsável do Núcleo de Educação em Urgência, Viviane Suzel Masson Codinhoto e condutores do SAMU realizaram palestras de orientação sobre parada cardíaca respiratória e primeiros socorros para educadores e cuidadores das Escolas Municipais de Educação Infantil/EMEIS de Jales.
 
Com o apoio da coordenadora, Marineusa Neves da Silva e do Consórcio Público Intermunicipal de Saúde da Região de Jales/CONSIRJ foram ministradas palestras abordando os temas de reanimação cardiorrespiratória em adulto, pediátrico e neonatal e primeiros socorros em acidentes domésticos com crianças de 4 meses à 4 anos. O objetivo das exposições realizadas, um dia em cada EMEI, foi o de ensinar a reconhecer uma parada cardíaca e solicitar ajuda através do telefone 192, e acionar o SAMU se necessário.


Hábito de coçar os olhos agrava deformidade da córnea, causando aceleramento do astigmatismo e da miopia

Problema que atinge uma em cada 20 mil pessoas no Brasil, o ceratocone é uma deformidade progressiva da córnea, responsável pela grande perda de nitidez da visão, levando à miopia e/ou ao astigmatismo. De origem genética, se manifesta principalmente durante a passagem da infância para a adolescência, sendo estimulada especialmente pelo hábito de coçar os olhos copiosamente, evoluindo de forma progressiva até entre os 30 e 45 anos de idade.

"Em pacientes com ceratocone, a córnea sofre mudanças estruturais, devido a uma fragilidade nas suas fibras de colágeno, que deformam e a tornam mais fina provocando distorções em sua curvatura natural. Ela acaba assumindo um formato cônico, o que vai levar a pessoa a sofrer de miopia ou astigmatismo", explica o médico Luiz Geraldo Simões de Assis (foto), diretor clínico do Instituto de Oftalmologia de Curitiba (IOC), referência no diagnóstico e tratamento do ceratocone, no Brasil.

De acordo com o especialista, o problema pode ser identificado por meio de exames de rotina. "Quanto antes for diagnosticado, melhor. Pois com o tratamento certo é possível estabilizar o problema", afirma Assis, que aponta o Crosslinking como a técnica mais eficaz no combate à deformidade da córnea. "O procedimento é realizado de forma rápida e precisa, com os primeiros resultados já percebidos logo nos primeiros dias, com a notável melhora da nitidez da visão", completa.

Assis explica que a técnica consiste no enrijecimento das fibras do colágeno corneano, utilizando-se da combinação de Luz UV com gotas de Riboflavina (vitamina B2), que como efeito garante proteção às camadas interiores da membrana e evita, assim, a progressão do ceratocone. "Terminado esse procedimento, são aplicadas lentes de contato curativas no paciente, devendo ser retirada até a total cicatrização da córnea, que pode durar até quatro dias", diz o diretor clínico do IOC.

Porém, um procedimento anterior garante ainda mais eficiência ao tratamento. Imagens detalhadas da superfície da córnea, captadas por um instrumento de alta definição, chamado de Topolyzer, permitem mais precisão na aplicação do método dispensado para a correção do problema. "São justamente as informações registradas por este aparelho que vão guiar o uso Crosslinking, como se fosse um GPS indicando o melhor caminho a ser seguido", explica o oftalmologista.

Ele conta que o mapa é desenhado pelo reflexo de 22 mil pontos na superfície da córnea. "Esse mapeamento em detalhes possibilita identificar com exatidão todas as imperfeições e irregularidades na superfície da membrana. Esse mapeamento é que torna o procedimento realizado no IOC diferenciado", diz Assis.

No entanto, para casos mais avançados, ele diz que o transplante de córnea pode ser a melhor opção para o tratamento da doença. "Mas são raros os casos em que é preciso apelar para isso. Basta fazer os exames de rotina para que seja diagnostico ainda em estado inicial", conclui o médico.

Setor de Captação de Recursos da Santa Casa de Jales inicia Campanha de Doação de Leite

 
A proposta do setor de Captação de Recursos da Santa Casa é fazer cada vez mais parcerias em benefício ao hospital e nesse mês de junho teve início a campanha solidária de doação de leite.

Para unir forças estão sendo visitados escolas, escritórios paroquiais das igrejas, grupos evangélicos, Teatro Municipal e também Interact Club de Jales. Os interessados em contribuir poderão depositar um litro de leite na caixa localizada na recepção da Santa Casa ou na comunidade em que estiver participando da campanha, para isso está sendo deixado um cartaz com os dizeres da Santa Casa.

De acordo com a gerente de Captação de Recursos, Luciana Vicente, essa é a primeira de muitas campanhas que serão realizadas. "O intuito é minimizar custeios do hospital, para isso vamos elaborar uma campanha diferente a cada mês dependendo da necessidade. Vejo o quanto as pessoas são solidárias e não medirão esforços para ajudar".

O provedor em exercício, Sebastião Junior Ferreira, enalteceu essa atitude do setor e evidenciou que o hospital tem credibilidade. "Existe toda uma história e uma conduta criada em nome do hospital, somos uma instituição transparente e estamos passando por dificuldade como qualquer outra Santa Casa do país. Hoje, o hospital consome em média 50 litros de leite por dia e essas campanhas irão contribuir muito para o fechamento de contas, pois utilizaremos esse dinheiro para outras finalidades".

Os interessados em criar campanhas em prol da Santa Casa de Jales devem entrar em contato com o setor de Captação de Recursos pelo telefone (17) 3622-5003. Vale ressaltar que para segurança das pessoas que desejam doar, é necessário verificar junto com o organizador da ação, se ele está munido de um documento em papel timbrado e assinado pela responsável do setor de Captação.

Metade dos pacientes transplantados de rim possui diabetes ou hipertensão

O Hospital de Transplantes do Estado de São Paulo, unidade da Secretaria de Estado da Saúde gerenciada em parceria com a SPDM (Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina) já realizou 430 transplantes renais desde a sua inauguração, em junho de 2010. Deste montante, metade dos pacientes apresentam diabetes ou hipertensão ou as duas doenças juntas.

Já os outros 50% ficam descritos como ‘causa indeterminada’, pois o paciente chega à unidade de saúde com o órgão muito comprometido e não há a possibilidade de realizar exame de biópsia para apurar o motivo.

Para reverter este quadro, o nefrologista e responsável pelos transplantes de rim, Diogo Medeiros, ressalta a importância das pessoas procurarem unidades básicas de saúde anualmente para realizarem exames de prevenção.

"Durante o check-up, o médico deve solicitar um exame de sangue completo que apresente os principais indicadores de saúde do paciente e caso haja alguma alteração, o paciente deve seguir com o acompanhamento, muitas vezes para a vida toda, no caso das doenças crônicas", comenta.

A Doença Renal Crônica (DRC) consiste em lesão renal e geralmente perda progressiva e irreversível da função dos rins. Atualmente ela é definida pela presença de algum tipo de lesão renal mantida há pelo menos três meses com ou sem redução da função de filtração.

Os rins são os principais órgãos responsáveis pela eliminação de toxinas e substâncias, que não são mais importantes para o organismo. Eles também são fundamentais para manter os líquidos e sais do corpo em níveis adequados. Além disso, eles ajudam produzindo alguns hormônios e participam no controle da pressão arterial.

Diogo comenta, ainda, que é muito importante que as pessoas se atentem aos níveis de creatinina. "Saber este valor é tão simples e importante quanto níveis de colesterol, pressão, diabetes ou anemia, por exemplo", comenta.

O exame de creatinina é usado para avaliar a função dos rins. Quando os rins não estão funcionando bem a filtragem da creatinina é comprometida. Isso quer dizer que boa parte da substância produzida não será dispensada na urina, permanecendo no sangue. Dessa forma, o exame de creatinina avalia a quantidade de creatinina no sangue, a fim de investigar possíveis doenças renais. Em alguns casos, também pode ser feito uma contagem de creatinina da urina.

Na quarta-feira, dia 15, Chitãozinho & Xororó apresentam a turnê “Pura Emoção” em prol do Hospital do Câncer em Jales

Chitãozinho & Xororó apresentam a nova turnê "Pura Emoção", em Jales, quarta-feira, dia 15 de junho. O público poderá conferir um show animado e muito especial no jantar show em prol ao Hospital do Câncer em Jales às 20h.

A turnê "Pura Emoção" conta a história dos cantores paranaenses e quem ganha o presente é o público, que pode conferir novos figurinos, repertório e cenários, cujo palco traz o formato de um diamante. A pedra preciosa e lapidada foi escolhida para homenagear a trajetória da dupla, polida ao longo desses 45 anos de carreira.

Os artistas sobem em duas passarelas instaladas no palco para uma viagem de muitas emoções, efeitos especiais e interação com a plateia, que vibra a cada música e refrão. Com direção geral de Chitãozinho & Xororó, Hit Music e Live Talentos, empresa responsável pela carreira artística da dupla, o show é um espetáculo tecnológico surpreendente do início ao fim — tão incrível quanto o resgate emocional que o show proporciona.

"Criamos esse show interativo para dividir emoções com nosso público, que nos acompanha, nos apoia e sempre nos impulsiona a buscar o melhor de nós mesmos", comentam Chitãozinho & Xororó.

A turnê traz inovações em iluminação, com o uso dos moving LEDs, aparelhos que se movimentam, criam palavras e geram efeitos grandiosos em linguagem 3-D. Um dos momentos de destaque com o uso dessa tecnologia surge com Chitãozinho & Xororó convidando o público a ligar as luzes de seus celulares e apontar para o palco. Essas luzes se fundem à iluminação do show e tomam conta de todo o espaço.

No repertório do show estão sucessos antigos "para matar a saudade do sertão" e resgatar músicas que já não eram mais tocadas nos shows. Modas de 40 anos atrás são trazidas para o presente de maneira única. Entre essas composições estão "Meu Disfarce" (1987), de Chico e Carlos Roque, e "Se Deus me Ouvisse" (1986), entre outras.

Para simbolizar a retomada dessas músicas, a dupla liga um rádio antigo (refletido no diamante do palco), que toca trechos de algumas canções. Os clássicos como "Sinônimos" e "Evidências" também não podem faltar no programa – são momentos em que o público de todas as faixas etárias se emociona e canta junto com os artistas.

A dupla interpreta também composições do novo disco, "Tom do Sertão", em homenagem ao cantor, compositor e maestro Tom Jobim (1927-1994), como "Águas de Março", "Correnteza" e "Eu Não Existo Sem Você". Durante a execução de "Correnteza", o palco e duas passarelas parecem inundados de água, deixando o espectador com a sensação de que Chitãozinho & Xororó estão imersos no rio.

Neste espetáculo, Chitãozinho & Xororó são acompanhados por sua banda, formada por Claudio Paladini (teclados e vocal), Adilson Pascoalini (guitarra, violões e viola), Daniel Quirino (vocal e violão), Antonio Vendramini (sax, flauta, rabeca e percussão), Marcelo Modesto (guitarra, banjo, cello, mandolin e violão), Fábio Almeida (baixo), Renato Britto (bateria) e Frank Joni (acordeon).

Local: Villa Rocca

Endereço: Estrada Municipal Jales/Vitória Brasil

Data: quarta-feira, 15 de junho

Horário: A partir das 20:00

Valor dos ingressos: Valor das mesas: R$3.000,00 – área bronze / R$3.500,00 – área prata / R$4.500,00 – área ouro

Formas de pagamento: * à vista / * cartão de crédito

Pontos de vendas: Através do telefone (017) 3624-3910 com a Ariely ou pessoalmente no hospital.

Ser um vencedor

*Flávio Carvalho

Como você lida com as perdas? Você sofre muito quando perde? Você perde mais do que ganha? Como vencer na vida?

Já começamos a perder quando nascemos. Temos apenas duas certezas quando nascemos, a de que vamos envelhecer e um dia morrer. Existem maiores perdas que estas? Como se tornar um vencedor possuindo estas duas certezas já ao nascer? Muitos são os que vencem. Qual a receita? Como não ser sucumbido pelas perdas e ser um vencedor?

Só existe uma receita: acreditar em você mesmo, pois seu potencial é ilimitado.

Muitos aceitam pacificamente as perdas, acreditam serem vitimas do destino, culpam Deus pelas suas perdas e insucessos e dizem: "essa é a vontade de Deus, e tenho que aceitar". Pessoas que pensam assim jamais atingirão o sucesso, perderão mais do que ganharão. Todos possuímos as mesmas chances, a diferença está na crença em nos mesmos, os vencedores acreditam mais neles mesmos do que os perdedores.

Passe a gostar mais de você, acredite mais em você, lembre-se sempre que seu potencial é infinito. E se você pensar em Deus como Pai Criador e, que todos somos seus filhos, que todos somos amados igualmente por Ele, todos somos iguais, então quer dizer que temos as mesmas oportunidades, que todos somos capazes. Você pode se questionar: O Fulano já nasceu rico, pode estudar e, eu sou pobre como posso ter as mesmas chances? Esse que já nasceu abastado, em berço de ouro, que acreditamos ter mais chances que os outros de vencer, procure saber quem é o pai dele, ou o avô ou bisavô, você vai constatar que toda sua fortuna foi conseguida por alguém muito pobre, muito mais pobre que você. Se hoje são abastados é por que alguém muito pobre, e a maioria das vezes sem estudo algum, começou ou fez esta fortuna. Ou seja, alguém acreditou nele mesmo, foi a luta e venceu.

Você também pode questionar: O Beltrano é corrupto, ou é ladrão, ou seja, ganha dinheiro ilicitamente. Você já pensou que até para fazer sua fortuna ilegalmente a pessoa têm que ser competente, acreditar nela mesma mais do que tudo, e o Brasil está cheio de corruptos e ladrões bem sucedidos. Enfim pra vencer temos que acreditar em nós mesmos.


Perfil do Vencedor:
Não derrota os outros, mas os orienta, é solidário;
Age e rege de forma autentica, sem manipulações;
É receptível, confiável;
Não desperdiça energia mantendo as aparências;
Sabe a diferença entre ser e parecer;
Diante das dificuldades, mantém a confiança básica em si mesmo;
Sabe ouvir os outros, avaliar o que dizem e tomar suas próprias decisões;
Reage adequadamente e oportunamente ás situações;
Não faz papel de vitima nem fica apontando culpados;
É capaz de dar e receber afeto;
Gosta tanto do trabalho quanto da diversão;
Vive o presente, respeitando seu passado e planejando seu futuro.
Perfil do Perdedor:
Raramente vive no presente. Convive com "fantasmas" do passado e com "alucinações";
Sente pena de si mesmo e põe culpa nos outros;
Pratica "jogos" psicológicos com frequência;
Vive em permanente estado de ansiedade;
Ocupa a mente com irrelevâncias;
Não é espontâneo: representa, finge, manipula e mantêm papéis antigos;
Repete os próprios erros e o de sua família;
Tem dificuldade de dar e receber afeto;
Preocupa-se em atender as expectativas dos outros.
E você? Em qual perfil se encaixa?

 
*Flávio Rodrigo Masson Carvalho
equilibriumtc@hotmail.com

Frota de veículos emplacados na região de Jales passa dos 110 mil


 
Dados constantes do site do Departamento Nacional de Trânsito - Denatran, apontam que a frota automotiva em 24 municípios da região somam 110.230 veículos emplacados. Em abril de 2015 estavam emplacados um totla de 106.118 veículos. O número envolve automóveis, caminhões, ônibus, motocicletas e outros. (ver quadro ao lado)

No município de Jales, o número de veículos chegou a 41.686. Em abril de 2015 a frota de automotores emplacados no município era de 40.474 veículos.

O município de Dirce Reis tinha emplacados em abril de 2015 836 automotores e em abril deste ano o número foi para 852 veículos sendo o município com o menor número de emplacamento.

Cartórios de Notas passarão a comunicar transações de imóveis suspeitas de lavagem de dinheiro

Transações imobiliárias suspeitas de lavagem de dinheiro podem passar a ser comunicadas pelos Cartórios de Notas de todo o País às autoridades competentes seguindo o modelo espanhol, reconhecido pelo Grupo de Ação Financeira contra a Lavagem de Dinheiro e o Financiamento ao Terrorismo (GAFI/FATF) – organização intergovernamental – como o mais evoluído da Europa.

Este foi o foco principal do Seminário Hispano-Brasileiro, realizado nesta sexta-feira, 10 de junho, no hotel Tivoli Mofarrej, na capital paulista, e que reuniu Cartórios de Notas de todo o País, o Conselho Nacional de Justiça, representado pela Corregedora Nacional, ministra Nancy Andrighi, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras do Ministério da Fazenda (Coaf), Receita Federal e Ministério Público Federal, além de representantes dos órgãos de controle e fiscalização do Poder Judiciário da Espanha.

Responsáveis pela realização de escrituras de compra e venda de imóveis, doações, inventários, partilhas e separações, além de procurações públicas e testamentos, os Cartórios de Notas brasileiros buscaram na União Internacional do Notariado (UINL) – entidade que reúne notários de 86 países do mundo – as experiências mais exitosas na área, com o objetivo de implantar sistema semelhante no País.

Entre as autoridades espanholas presentes estiveram Juan Manuel Fernandez Martinez, membro do Conselho do Poder Judiciário da Espanha, José Andrés Pérez López, chefe da área de Cooperação Internacional do Centro de Inteligência contra o Terrorismo e o Crime Organizado na Espanha, e Tomáz Herranz Sauri, fiscal do Ministério Público.

Órgão responsável pela fiscalização e normatização das atividades cartorárias no Brasil, a Corregedoria Nacional de Justiça já vinha estudando a regulamentação das comunicações de atos suspeitos no Brasil. O objetivo é adaptar o modelo espanhol – centrado no sistema de Índice Único analisado pelo Órgão de Controle e Prevenção – ao sistema brasileiro que, através do Provimento 18/2012 do CNJ, instituiu a Central Notarial de Serviços Eletrônicos Compartilhados (CENSEC), que concentra todos os atos praticados pelos Cartórios de Notas no Brasil.

Basquete de Jales perde na 6ª rodada da VI Copa Monte Líbano

No domingo, 5 de junho, a equipe jalesense de basquete que disputa a 6ª edição da Copa Monte Líbano/Liga Regional de Basquete, entrou em quadra em busca de reabilitação, em jogo válido pela 6ª rodada da competição e, apesar de jogar bem, não conseguiu vencer Potirendaba.

O adversário, que ocupava a terceira posição na tabela de classificação, dentre as 12 equipes que disputam a primeira divisão da competição, conseguiu impor uma defesa forte, principalmente no segundo quarto da partida, provocando inúmeros erros da equipe de Jales que, instável em quadra, não conseguiu pontuar no período, fator determinante para o resultado do confronto.

As equipes entraram em quadra se estudando bastante e trocando pontos alternadamente, sendo que a equipe de Jales não conseguiu ser tão efetiva na defesa, permitindo que o adversário, ao final do primeiro quarto, anotasse 24 pontos, contra 16 da equipe jalesense.

Já no segundo quarto, que foi crucial para o resultado da partida, a bola da equipe de Jales não caía e, aliado à erros de passe e perdas de bola que propiciaram contrataques ao adversário, Jales anotou somente 05 pontos, contra 14 do adversário, fechando o primeiro tempo da partida em Potirendaba 38 x 21 Jales.

O terceiro quarto começou com muitos erros do time de Jales e a diferença chegou a ser de 24 pontos em favor do adversário, porém, no decorrer do período a equipe de Jales conseguiu se reorganizar em quadra e, determinada a mudar o ritmo do jogo, conseguiu ir baixando a diferença do placar. Ao final do quarto, Jales conseguiu anotar 18 pontos, mas ainda permitiu que o adversário anotasse 15, totalizando 39 pontos a favor, contra 53 do adversário.

Já o último quarto começou com a equipe de Jales indo pra cima do adversário e conseguindo baixar a diferença no placar, que chegou a cair para apenas oito pontos, porém a equipe adversária, na oportunidade com mais jogadores para proporcionar rotatividade, se cansou menos e conseguiu manter o placar em 10 pontos de diferença à seu favor, dando números finais à partida: Jales 56 X 66 Potirendaba.

Com o resultado, a equipe jalesense passou a ocupar a 8ª posição na tabela, com 2 vitórias e 4 derrotas. Restando ainda 5 confrontos na fase de classificação, a equipe volta à quadra no próximo dia 26, onde enfrenta a equipe de Mirassol, atual 9ª colocada na tabela, em busca de reabilitação. Pelas regras da competição, as quatro primeiras colocadas disputam o título da Série Ouro, enquanto os classificados de quinta à oitava posição na tabela lutam pelo título da Série Prata.

Pela equipe jalesense, que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes e HBomb, atuaram e pontuaram: Fernando Manfrin (3), Daniel Martins (9), Osvaldo Paz Landin (13), Renato Silva, Tomaz Freitas (11), Tiago Dan (11), Victor Santos e Fábio Galan (9).

Reflexões: A humildade

Adelvair David 
 
Pensar em alguns aspectos do comportamento emocional nunca foi muito fácil para o homem, principalmente em se tratando da humildade.
Geralmente ela é confundida com a subserviência, a nulidade da vontade ou a apatia diante dos desafios da vida, que em verdade não representam a doce e afável humildade, sentimento que engrandece e traz nobreza a alma que a detém.
Conforme orientam os espíritos venerandos o terrível adversário da humildade é o orgulho, que faz com que o homem se arvore mais do que realmente é, e não aceite nada que possa diminuir o que acredita ser a sua imagem diante da sociedade onde se movimenta, porém, esquece-se que o importante para se sentir bem e realizado não é a forma como é visto, mas sim como ele o é em verdade, e para isto, não precisa da aprovação de minguem, somente a da sua consciência.
Saber respeitar as convicções alheias sem lhes violentar a vontade, não impor ideias e comportamentos mesmo não concordando com o proceder das pessoas, não desenvolver mágoas e nem ressentimentos contra quem quer que seja, são algumas das características da humildade.
Asseverou Jesus: Seja o vosso dizer "sim, sim e não, não". Ele apresentou a maior mensagem de que a humanidade já teve notícia, o excelente código de moral e ética que propõe reformas à vida daquele que se lhe submete, mas não feriu a ninguém, fez os doutos da época pensarem, e com profundo olhar de bondade para com a humanidade perpetuou-se pelos séculos até os dias de hoje.
Sendo imperfeito o homem sofrerá os efeitos da sua insensatez, mas na forja dos séculos se transformará em amor puro, alcançando a sua plenitude.
O HUMILDE NÃO TERÁ PESARES NA ALMA, POIS SERÁ O QUE É AGORA E EM QUALQUER LUGAR, NÃO TENDO DE REPRESENTAR VIVERÁ SEMPRE LIVRE.
 

Editais de Proclamas

Rosimeire Ensides Tomazeli, Oficial Interina do Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas da Sede da Comarca de Jales, Estado de São Paulo. FAZ SABER que pretendem casar-se e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1.525 do Código Civil Brasileiro.

DANILO CARBONE MANSUELI e NATASHA ROZA DIAS. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 12 de outubro de 1.984, contador, divorciado, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de José Roberto Mansueli e de Rita de Cássia Carbone Mansueli. ELA, natural de São Paulo, Estado de São Paulo, nascida aos 23 de fevereiro de 1.988, advogada, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Nelson Cardozo Dias e de Tereza Roza de Lima Dias.

FERNANDO DA SILVA e MARIA LUCIANA DOS SANTOS. ELE, natural de Paranapuã, deste Estado, nascido aos 06 de junho de 1.985, trabalhador rural, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Valderi Isidorio da Silva e de Aparecida de Fatima Bortoloti. ELA, natural de Caetés, Estado de Pernambuco, nascida aos 23 de maio de 1.980, trabalhadora rural, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Maria Quitéria dos Santos.

LUCIANO ANTONIO DA SILVA e JANAÍNA STEFANI DA SILVA. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 28 de julho de 1.981, entregador, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Natalino Antonio da Silva e de Maria Cleusa Gasparini da Silva. ELA, natural de Carneirinho, Estado de Minas Gerais, nascida aos 06 de fevereiro de 1.990, vendedora, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Sonia Barbosa da Silva.

GUSTAVO HENRIQUE DA SILVA e WAISSA FERREIRA GOMES. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 01 de agosto de 1.994, operador de torno, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Sandra Ferreira da Silva. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 15 de dezembro de 1.998, secretária, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Edilson Gomes e de Clarice Ferreira Cruz.

MAICON EVERALDO DA SILVEIRA e SABRINA MATUSSI. ELE, natural de São Caetano do Sul, deste Estado, nascido aos 19 de agosto de 1.976, médico, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Moacir Lourenço da Silveira e de Elsa Aparecida Maranini da Silveira. ELA, natural de Nhandeara, Estado de São Paulo, nascida aos 08 de junho de 1.988, médica, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Salvador Matussi e de Lucelia Polotto Matussi.

RENAN CAVENAGHI FIÓD e FRANCIANE IDENAGA BIO. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 20 de setembro de 1.988, advogado, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Edison Fiód Júnior e de Marysilvia Regina Cavenaghi Fiód. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 30 de novembro de 1.984, enfermeira, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Antonio Donizeth Bio e de Sueli Idenaga Bio.

DANILO PIRES TIBALDO e DAIANE BUENO BEZERRA. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 03 de novembro de 1.991, serviços gerais, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Cláudio Osmar Benzatti Tibaldo e de Suzileide Pires de Holanda Bonifácio. ELA, natural de Osasco, deste Estado, nascida aos 19 de junho de 1.990, do lar, divorciada, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Gilvan Bezerra da Silva e de Maria Rita Bueno Bezerra.

SE ALGUÉM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. LAVRO OS PRESENTES PARA SEREM AFIXADOS NO REGISTRO CIVIL E PUBLICADOS NA FOLHA NOROESTE, NESTA CIDADE DE JALES.

Rosimeire Ensides Tomazeli – Oficial Interina


Atletas da região conquistam cinco medalhas na 18ª Copa Caminhos da Razão no Espírito Santo

No final de semana de 4 e 5 de junho, o professor de karatê Sensei Edson de Freitas Resende, da Associação Resende de Karatê, localizada na Rua Nova York, 1375 em Jales, levou três de seus alunos para participar da 18ª edição da Copa Caminhos da Razão de Kasratê, realizada na cidade de Venda Nova do Imigrante/ES.

A competição, que faz parte do calendário oficial de competições da CBK (Confederação Brasileira de Karatê), contou com a presença dos melhores karatecas do Brasil, incluindo diversos atletas da Seleção Brasileira.

"Trata-se de uma competição oficial da CBK e um dos mais tradicionais eventos nacionais da modalidade, sendo uma ótima forma de medir o preparo de nossos atletas", observou Sensei Edson, que levou para Pouso Alegre seus alunos João Pedro Melo Hentz e Thiago Takeshi Hashimoto, de Jales e Giovani Sartori Serra de Urânia.

Das 5 medalhas conquistadas, 1 foi de ouro, conquistada por Giovani Serra na modalidade kumitê, 14-15 anos, 1 de prata conquistada por Thiago Hashimoto na modalidade kumitê, 16-17 anos e as outras 3 foram de bronze, conquistadas por João Pedro, na modalidade katá, 16-17 anos, Giovani Serra na modalidade katá 14-15 anos e pelo Sensei Edson, pois além de ter participado como técnico na competição o professor também participou como atleta nas disputas do katá na categoria Sênior, uma das mais disputadas da competição.

Sensei Edson, que ministra aulas de karatê em Jales, Urânia, Estrela D’Oeste, Santa Salete e Santa Clara D’Oeste aproveitou para agradecer o apoio que vem obtendo nessas cidades. "Sempre procuro lembrar que o esporte amador no Brasil precisa de apoio, seja do poder público ou da iniciativa privada e nas cidades em que ministro treinamentos, o apoio que venho conseguindo das prefeituras, de alguns pais de alunos e mesmo de alguns empresários, tem sido fundamental nas conquistas obtidas", destaca.

MPF entra com 76 ações para que cidades paulistas aumentem transparência das contas públicas em seus portais na internet

Urânia ocupa a 50ª posição na avaliação do MPF entre os 645
municípios no Estado de São Paulo no ranking da transparência


O Ministério Público Federal no Estado de São Paulo entrou com ação contra 76 municípios (nenhum da região de Jales) que continuam não publicando em seus portais da transparência informações sobre receitas e despesas, como licitações e contratos, além de contatos e horários de funcionamento das Prefeituras, entre outros dados exigidos por lei. As ações fazem parte do projeto Ranking da Transparência, da Câmara de Combate à Corrupção do MPF, que avaliou os portais de 5.567 municípios brasileiros, dos 26 estados e do Distrito Federal. Os procuradores pedem que os municípios regularizem as pendências encontradas nos sites em até 60 dias, sob pena de multa diária de R$ 10 mil.

Após a primeira análise dos portais, realizada pelo MPF em setembro do ano passado, identificou-se que todas as 645 cidades paulistas e o Estado de São Paulo descumpriam determinações das Leis de Acesso à Informação e da Transparência, dificultando o controle social dos gastos públicos e a prevenção da corrupção. Por isso, foram expedidas recomendações para que os gestores públicos voluntariamente adequassem seus sites às exigências legais.

Como consequência da atuação do MPF, na segunda avaliação dos portais, concluída no último dia 25 de maio, sete cidades paulistas receberam nota máxima. Foram elas Caçapava, Guarujá, Indaiatuba, Marília, Santos, Sorocaba e Taboão da Serra, com destaque para esta última, cujo índice de transparência subiu de 1,1 para 10,0. A média dos sites dos governos municipais de São Paulo também melhorou, passando de 4,8 para 5,64. A análise mensurou o grau de cumprimento das principais exigências legais e itens considerados "boas práticas", numa escala de zero a dez.

Da mesma forma, a avaliação das páginas eletrônicas dos governos do Estado de São Paulo e da capital paulista indicou aumento da transparência, com índices passando de 9,2 para 9,7 e de 9,3 para 9,5, respectivamente. Nacionalmente, na primeira análise dos portais, apenas sete municípios e um estado haviam conquistado nota 10. Já neste segundo diagnóstico, o número de cidades com avaliação máxima chegou a 120, enquanto o de estados subiu para três.

O Índice Nacional de Transparência – média de notas alcançadas por todos os municípios e estados brasileiros, aumentou cerca de 30% entre a primeira e a segunda análise. De 3,92, em 2015, subiu para 5,15, em 2016. A listagem completa com a nota de todas as cidades e estados avaliados está disponível no site www.rankingdatransparencia.mpf.mp.br.

Ações - Até o momento, o MPF ajuizou 76 ações no Estado de São Paulo visando à adequação dos portais da transparência municipais. Os procedimentos incluem pedidos para regularização de links indisponíveis e atualização de dados em tempo real. Entre as informações requisitadas estão prestações de contas do ano anterior, relatórios de execução orçamentária e de gestão fiscal, editais e resultados de licitações e íntegras de contratos. Também devem ser disponibilizados os endereços e telefones das unidades e os horários de atendimento ao público, o registro das competências e a estrutura organizacional da administração municipal, bem como dados sobre o Serviço de Informações ao Cidadão, incluindo telefone, endereço e horários de funcionamento.

A transparência administrativa do setor público é fundamental para a prevenção da corrupção, principalmente quando há transferência de recursos da União a estados e municípios. Sem os detalhes sobre licitações, contratos e pagamentos realizados, os órgãos federais de controle ficam impedidos de fiscalizar as verbas públicas envolvidas, dependendo do envio de ofícios e requisições, o que consome tempo e dinheiro, e favorece a impunidade nos casos de irregularidades. Além disso, o cidadão tem o direito de saber como o dinheiro público vem sendo utilizado, atuando como importante agente fiscalizador e materializador do chamado controle social.

Entre as 645 cidades avaliadas em São Paulo, algumas continuam realizando pequenos ajustes em seus portais e empregando esforços para atender todas as exigências legais, o que vem sendo acompanhado pelos procuradores que atuam no Estado. Assim, a depender do resultado destas iniciativas, além das ações já propostas, outros procedimentos ainda podem ser levados à Justiça pelo MPF.

Responsabilização – O número de cidades paulistas com nota zero permaneceu o mesmo entre a primeira e a segunda análise dos portais, representando 0,93% do total. Também receberam avaliação mínima as municipalidades cujos sites estavam em manutenção durante o segundo diagnóstico, uma vez que nenhum dado estava sendo disponibilizado.

Nacionalmente, a soma de estados e municípios com nota zero caiu mais de 50% de 2015 para este ano. Enquanto na primeira avaliação, 649 sequer disponibilizavam informações na internet, agora, o número diminuiu para 347. Nestes casos, além das ações civis públicas que cobram o cumprimento das leis de transparência, o MPF analisa a possibilidade de responsabilização dos gestores por meio de ações de improbidade administrativa.

Palavras de Chico Xavier

 
Sentimos, desde o início de nossas atividades mediúnicas, que a religião é indispensável para a sustentação da nossa felicidade, porque ela decorre da tranquilidade de consciência. Não podemos, por exemplo, adquirir paciência, tolerância, alegria ou tranquilidade no supermercado. Poderemos comprar muitas novidades em matéria de progresso tecnológico, para nosso conforto, mas, para o nosso íntimo, a religião é a base da paz a que aspiramos alcançar.


Esta coluna tem o patrocínio e responsabilidade da
"Associação Espírita "Chico Xavier" de Jales.


Direitos

Reginaldo Villazón

Em 16 de novembro de 2005, na cidade de São Paulo (SP), uma empregada doméstica de 18 anos foi detida na tentativa de furto de uma lata de manteiga de 200 gramas, no valor de R$ 3,10. Por ela ter proferido ameaça de morte aos proprietários do mercado – segundo afirmações deles –, seu crime foi considerado pela justiça como roubo, mais grave que furto. A jovem admitiu a tentativa de furto, mas negou a ameaça. Declarou estar sem trabalho e pretender usar a manteiga na alimentação do filho de dois anos.

A transgressão acarretou à acusada mais de 4 meses de prisão num Centro de Detenção Provisória, conhecido como Cadeião. Nesse período, os pedidos do advogado encarregado do caso, para que ela se defendesse do crime em liberdade, foram recusados pela Justiça paulista. Foi preciso invocar o STJ Supremo Tribunal de Justiça, em Brasília DF, onde a soltura foi autorizada. Em 10 de novembro de 2006, um ano após o acontecido, ela foi condenada a quatro anos de reclusão em regime semi-aberto.

O caso teve ampla divulgação e recebeu duras críticas, em especial pela desproporção entre o tratamento judicial dado e a transgressão cometida. Porém, não faltaram defensores aos atos da justiça paulista. Casos parecidos continuaram ocorrendo no país e no mundo. Este ano, numa decisão inesperada, o STJ da Itália cancelou a pena de seis meses de prisão – aplicada em instância inferior a um sem-teto – pelo furto de dois pedaços de queijo e um pacote de salsichas, no valor de 4,07 Euros. Foi considerado "furto famélico".

Sem negligenciar a ordem e a segurança, pessoas de elevado caráter – juristas, pesquisadores, ativistas sociais – estão se movendo e produzindo farto material sobre questões sociais de todas as dimensões, que urgem receber novas abordagens e soluções jurídicas. Casos de reintegração de posse evidenciam as preocupações. O Poder Judiciário ordena a desocupação de uma área urbana cheia de barracos. O Poder Executivo cumpre a ordem, mas com uso de tropa de choque e trator de demolição.

Muitas perguntas desafiam o pensamento se tornam objetos de estudo. Como estas. Existem sociedades isentas de injustiças? É real o princípio de que todos são iguais perante a lei? As leis proporcionam benefícios iguais a ricos e pobres? O subdesenvolvimento, a marginalidade social, a pobreza e a miséria são injustiças? Ter acesso a um nível de vida adequado é um direito dos cidadãos? A aplicação de leis flexíveis e não punitivas abalam as instituições, a ordem e a segurança?

A boa notícia é que o "furto famélico" – furtar comida para sobreviver não é crime – revela apenas uma nesga da revolução que está para acontecer no Direito. Hoje, no reduto de organizações internacionais, universidades e instituições civis, ideias estão tomando formas realizáveis. Não se cogita, por exemplo, erradicar a fome com o uso de leis. A conscientização da sociedade, a educação dos jovens e a regulamentação das leis sob os novos enfoques vão impulsionar ganhos civilizatórios imensos.

Alckmin assina convênios com municípios da região


 
O governador Geraldo Alckmin assinou nesta sexta-feira, 10 de junho, o 15º lote do ano de convênios com municípios paulistas. Ao todo, foram celebrados 29 convênios com 27 prefeituras. O investimento total é de R$ 20.164.746,74.

Os convênios são das Secretarias da Casa Civil, do Turismo e da Saúde. Os recursos serão aplicados para realização de obras de infraestrutura urbana, recapeamento asfáltico, reforma de centro de saúde, construção e revitalização de centros de cultura e reforma em centro esportivo.

Desde o início do 2016, o Governo do Estado já firmou 594 convênios com 373 municípios paulistas, totalizando R$ 673.106.041,07 em investimentos.

Na região de Jales, quatro municípios, o de Aparecida d´Oeste assinou convênio pasra a liberação de R$ 500.000,00 para infraestrutura - pavimentação de uma rua, e o município de Santa Rita d´Oeste vai receber R$ 100.000,00 para infraestrutura urbana.

O município de Rubineia firmou convênio com o Estado no valor de R$ 240.000,00 para investimentos em infraestrutura urbana e o de Santa Albertina convênio no valor de R$ 80.000,00 para reformas de vestiários (sanitários) esportivos. Os convênios foram firmados por meio da secretaria da Casa Civil

Durante a cerimônia, o governador destacou que a parceria entre Estado e municípios é fundamental para o desenvolvimento regional. "O melhor caminho para a melhoria da qualidade de vida da população está na descentralização dos recursos com a geração de emprego e renda diretamente nas cidades", afirmou

FOLHAGERAL

da redação

Com apoio
do deputado federal Fausto Pinato (PP), o Município de Jales recebeu avaliação positiva para assinar o contrato de empréstimo no valor de R$ 4 milhões com a empresa estatal paulista Desenvolve SP. Os recursos serão aplicados na recuperação da pavimentação asfáltica de ruas e avenidas da cidade, e obras de infraestrutura.
O prefeito Callado
comemorou a boa notícia, ressaltando: "Estamos cientes da necessidade da recuperação do asfalto o mais rápido possível. A receita do município não é suficiente e os poucos convênios firmados para esta finalidade, por meio de emendas parlamentares, nos fez buscar alternativas junto aos governos estadual e federal, inclusive o empréstimo. Fico feliz com a autorização e dentro de sessenta dias pretendemos dar início às obras".
Lá no botequim
da vila, os analistas políticos opinam que este fato pode dar um bom reforço ao pré-candidato Pedro Callado na busca de sua reeleição. Até se ouve falar que está havendo comemorações da parte de correligionários tucanos. Mesmo assim, os analistas mantêm o pé esquerdo atrás, esperando que os tucanos não fiquem só na recuperação de asfalto.
A circunstância
em que se encontra o PSDB em Jales é simples de entender. Depois de 8 longos anos de governo PT na Prefeitura (com Humberto Parini) e 2 anos de governo PTB (com Nice Mistilides), resultando em uma década inteira, o PSDB chegou ao governo municipal com Pedro Callado. Será um contrassenso, estando agora na chefia do executivo, o PSDB não aproveitar todas as possibilidades para reeleição ou eleição de um tucano.
Além disso,
o governador do Estado, o tucano Geraldo Alckmin tomou posse em janeiro de 2015, pouco antes de Pedro Callado, com a firme intenção de remar forte até a disputa do pleito à Presidência da República no final de 2018. Mais uma forte razão para o PSDB de Jales se fortalecer, visando ganhar a próxima eleição e fazer uma bela administração no município. Não faz nenhum sentido o PSDB entregar a rapadura a outro partido.
Com a presença
do deputado Baleia Rossi (PMDB), de Ribeirão Preto, lideranças partidárias de Jales e região estiveram reunidas na ACIJ, sábado passado (4), quando foram discutidos assuntos relacionados com as novas regras eleitorais. Os deputados Edinho Araújo e Itamar Borges estiveram presentes na reunião.
A direção
peemedebista divulgou a presença de mais de 300 pessoas de 49 cidades na reunião acontecida em Jales. Mas sobre nomes de pré-candidatos e possíveis coligações, especialmente em Jales, nada foi dito. Mostraram os músculos, mas esconderam o jogo.
Ao contrário
de outros partidos, o PMDB parece que está armando uma coisa grande em nível nacional. Em Brasília (DF), rompeu de vez com o PT e não dá mostras de preocupação com um possível retorno de Dilma Roussef. Nem estão muito incomodados com os terremotos provocados pela Operação Lava Jato. E essa reunião de Jales, não é por acaso.
Os vereadores
Claudir Aranda da Silva, Jesus Martins Batista, Gilberto Alexandre de Moraes e Rivail Rodrigues Junior querem saber do prefeito, Pedro Callado, sobre eventual cobrança pelo fornecimento de máquinas do município para desencravar máquinas agrícolas ou veículos de transporte de produtos em propriedades rurais. Nestes períodos de muitas chuvas, os veículos acabam por encravar dentro das propriedades rurais.
Dizem os
vereadores que a municipalidade sempre forneceu máquinas para desencravar veículos dentro das propriedades, sem cobrança de taxa ou valor financeiro a qualquer título. E agora, segundo informações de produtores rurais, a municipalidade tem cobrado para a prestação deste tipo de serviço. Será correto não cobrar ou ter reembolso do custo.
O deputado
federal Fausto Pinato (PP-SP) reiterou sua posição em favor da cassação do mandato do presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha. Segundo Pinato, o relatório pela admissibilidade do processo contra Cunha, que apresentou ao Conselho de Ética, já trazia a interpretação de que Eduardo Cunha mantém contas em bancos no exterior. Portanto, ele de fato mentiu à CPI.
E falando
no deputado Pinato, uma sua intervenção junto ao Patrimônio da União possibilitou a conclusão e assinatura do termo de posse de um terreno doado pela Prefeitura de Fernandópolis em 1994. Depois de 22 anos, o Tribunal Regional do Trabalho recebeu definitivamente uma área de 750 mil metros quadrados para construção da sede própria em Fernandópolis. Faz tempo, hein?
Associação
Antialcoólica de Jales está recebendo, há muito tempo, um repasse mensal da Prefeitura de pouco mais de R$ 800,00. Como não houve um reajuste no repasse, alguns vereadores decidiram apelar ao prefeito Callado para que esse valor seja corrigido, beneficiando quem é assistido pela AAA Jales.
Após
as contas do exercício de 2013 receber parecer favorável (e quase reprovada pelos nobres vereadores) do Tribunal de Contas do Estado -TCESP, os concursos públicos promovidos pela então prefeita Nice Mistilides tem recebido parecer favorável do órgão. O processo seletivo realizado em 2014, para admissão ao cargo de Agente Comunitário de Saúde, também foi julgado legal. Publicação da sentença nesta quinta-feira, dia 9 de junho.

Juiz decretou na 5ª feira, a prisão preventiva do advogado Colavite

O juiz Adilson Baloti, da 5ª Vara da Comarca de Jales, aceitou os argumentos do Ministério Público e decretou, nesta quinta-feira, 9 de junho, às 18 horas, a prisão preventiva do advogado Clayton Pereira Colavite, de 32 anos, acusado de matar na noite de quarta-feira (08/06), em seu escritório, o seu cliente, o comerciante João Antonio Padula, 53 anos, de São Francisco. A defesa do advogado disse que iria recorrer da decisão judicial. 

O comerciante João Antonio Padula (foto) havia contratado Clayton Colavite como advogado de defesa em um processo de crime ambiental, referente a uma propriedade rural da qual era dono.

Os dois se desentenderam durante a conversa e segundo se noticiou Padula teria dado uma "gravata" por trás no advogado, e este, ao se defender, golpeou o pescoço do cliente com uma caneta e depois atingiu-o novamente na cabeça com um martelo. Ele morreu no local.

A Polícia Civil tomou conhecimento do caso aproximadamente as 3 horas da madrugada. O autor teria avisado sua esposa, que falou com um policial amigo da família. Ele foi preso em flagrante e autuado por homicídio simples, cuja pena é de 6 a 12 anos prisão

Em depoimento, Colavitte disse que a briga começou por causa do resultado negativo de um processo movido contra Padula, e o cliente passou a agredi-lo e chegou a imobilizá-lo com uma "gravata".

O advogado então pegou uma caneta que estava na mesa e atingiu o lado direito do pescoço de Padula, causando sangramento intenso. Ainda na versão de Colavitte, mesmo ferido, Padula tentou agredi-lo. O advogado pegou um martelo que estaria perto da mesa e desferiu golpes contra o comerciante.

Padula foi vereador em São Francisco por duas legislaturas entre 1997 e 2004. O corpo de Padula foi enterrado nesta sexta-feira 10/06), em São Francisco.

Amor e democracia

Pe. Antonio de Jesus Sardinha

"Somos convidados a "sair de casa", a ter os olhos e o coração abertos. A nossa revolução passa pela ternura, pela alegria que sempre se faz proximidade, que sempre se faz compaixão e leva a envolver-nos, para servir na vida dos outros." Papa Francisco

A vida é uma escola. Vamos "vivendo, amando e aprendendo." (Livro de Leo Buscaglia). Quando nos indignamos, então estamos propensos a novos passos qualitativos na vida. Nestes tempos tenho me indignado com as violências diversas contra a mulher: estupros, agressões físicas, desrespeito... Tenho sentido muito o sofrimento das famílias, desde o desemprego, salários baixos, como também os desentendimentos, as brigas, a incapacidade de dialogar, de se tratarem com dignidade, com igualdade.

Também as doenças na família, como dengue, zica vírus, chikungunya, "frutos maus" do saneamento básico insatisfatório, da cultura do "deixa pra lá", da transferência de responsabilidade para o poder público, que por sua vez só economiza nos gastos.

E quanto câncer! Quanto gasto na busca da cura dessa doença! Somos muitas vezes alertados para fazer exames preventivos. Mas ainda falta muito empenho na busca, na pesquisa das causas. Escutamos falar de agrotóxicos causadores de câncer. Porém, o que se faz mesmo?

Está doendo muito em mim as notícias sempre crescentes dos homens públicos que se enriquecem de modo estranho. E as eleições se aproximam. Como a sociedade está participando desse processo de escolha de candidaturas? Como as mulheres serão representadas? E a juventude? Os estudantes? Os trabalhadores? Os trabalhadores do campo? Professores? Os moradores dos bairros? Quem representará os direitos de moradia, saúde, das raças, das minorias?

Acreditamos que o ser humano tem uma responsabilidade especial no meio de toda essa criação. Afinal cremos que fomos criados à imagem e semelhança de Deus. Vale dizer que Deus é Amor, e porque ama, é Criador. "Quem ama, cria". Somos seres que devemos marcar nossa história pela vivência do amor. Se amar é viver, também viver é amar.

O Dia dos Namorados, nas festas juninas, na devoção a Santo Antonio, nos faz pensar no projeto que é construir uma família, uma célula da sociedade. Que tipo de relações estabelecemos em nossos dias? Falamos muito de uma sociedade plural, de respeito às visões diferentes, mas na verdade esse é um aprendizado muito lento. Como desenvolvemos o espírito de igualdade dentro de casa? O mundo de hoje tem muitos "mestres", mas poucos "exemplos".

As palavras emocionam, mas os exemplos arrastam. Por isso, a educação que penetra na personalidade dos filhos, formando a nova sociedade, é aquela vivida na família. Um pai carinhoso com sua esposa, que ajuda nos serviços da casa, na limpeza, no fogão, nas louças, no diálogo respeitoso, certamente educa o homem a valorizar a mulher, e a mulher a se relacionar de modo saudável com o homem. A mulher que trabalha fora do ambiente doméstico, que contribui com a manutenção da casa, que participa das conversas que decidem o uso do dinheiro da família, certamente está educando os filhos e filhas para a importância do trabalho, e também das decisões que devem ser tomadas em conjunto.

"Nenhuma família é uma realidade perfeita e confeccionada de uma vez para sempre, mas requer um progressivo amadurecimento de sua capacidade de amar." (Amoris Laetitia, Papa Francisco)

Esse espírito dialogal, democrático, dentro de casa leva as pessoas aí formadas a influenciarem seu meio escolar, de trabalho, de instituições, e, por conseqüência, na sociedade como um todo. Certamente precisamos de mudanças profundas na família, nas relações, nos comportamentos. Na sociedade, entre outros, uma reforma política, sem perder as conquistas populares, mas garantindo mais participação e mais transparência.

Pe. Antonio de Jesus Sardinha, Vigário Geral da Diocese de Jales Assistente Social / Psicopedagogo.