Páginas

sábado, 21 de maio de 2016

Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos divulga pré-programação musica

O evento, que acontece de 18 a 28 de agosto, terá Zezé Di Camargo e Luciano como embaixadores e a presença das principais estrelas do universo sertanejo

A Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos 2016, que acontece entre os dias 18 e 28 de agosto, celebrará os 61 anos de existência reunindo importantes nomes da música sertaneja.A programação artística do evento, consagrado como a maior festa de peão da América Latina, terá a presença de Zezé Di Camargo e Luciano como embaixadores e as principais estrelas do universo sertanejo como o show "Cabaré", dos cantores Leonardo e Eduardo Costa, e ainda Jorge & Mateus, Fernando & Sorocaba, Gusttavo Lima, Henrique & Juliano, Rionegro & Solimões, Matogrosso & Mathias, Wesley Safadão, Maria Cecília & Rodolfo, Thaeme & Thiago, Teodoro & Sampaio, Aviões do Forró, Maiara & Maraisa, entre outros.

De acordo com Hussein Gemha Junior, presidente de Os Independentes, associação promotora do evento, mais atrações e novidades envolvendo as apresentações artísticas devem ser anunciadas em breve. "Teremos shows especiais e encontros inéditos, além de uma programação mais vasta do que dos anos anteriores", afirma.

O público presente na 61ª Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos, que terá mais de 100 shows durante os 11 dias do evento, também terá a oportunidade de conferir os principais nomes do mundo do rodeio.Entre os destaques das competições estão a realização da final da PBR (Professional Bull Riders), que acontece entre os dias 18 e 21 de agosto, a final da Liga Nacional de Rodeio e o 24º Barretos International Rodeo.

As montarias contam com os principais nomes do circuito nacional e internacional que disputam as montarias em cavalo, categorias Sela Americana, Bareback e Cutiano, e a montaria em touro, além das provas cronometradas de Team Penning e Três Tambores.Os visitantes da 61ª Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos também podem realizar uma verdadeira imersão no universo sertanejo por meio das atrações culturais como a Queima do Alho, Concurso de Berrante, apresentação de Catira e conhecendo o Rancho do Peãozinho, espaço dedicado exclusivamente para o público infantil.

A programação da 61ª Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos pode ser conferida no site do evento http://www.independentes.com.br. As novidades também podem ser acompanhadas nos perfis da Festa nas redes sociais.

Venda IngressosJuntamente com a divulgação da pré-programação do evento, também teve início a venda online dos acessos a diferentes setores da Festa através do site www.totalacesso.com


Confira abaixo a pré-programação por dia

Dia 18
Simone & Simaria

Jads & Jadson

Filhos da Terra

Dia 19

Cabaré

Wesley Safadão

Zé Felipe

Israel Novaes

Zé Ricardo & Thiago

Conrado & Alecksandro

Dia 20

Henrique & Juliano

Zé Neto & Cristiano

Carreiro & Capataz

Maiara & Maraisa

Marília Mendonça

Israel & Rodolffo

Dia 21

Fernando & Sorocaba

Chris Weaver Band - internacional

Loubet

João Marcelo & Juliano

Turma Dudinha & Mariana

Dia 22

Fred & Gustavo

Cesar & Paulinho

Dia 23

Maria Cecília & Rodolfo

Breno & Caio Cesar

Paulinho Reis

Dia 24

Matogrosso & Mathias

Zé Henrique & Gabriel


Fião vai festejar o niver

 
O ilustre aniversariante da quarta-feira, 24 de maio, é Odair Bezerra Dias, o popular Fião, vereador vibrante e presidente da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Urânia e, como cidadão, incansável batalhador pelas causas sociais, principalmente em prol do Hospital de Câncer de Barretos através da AVCC de sua amada cidade.   Na certa, seu dia vai ser pequeno para tantas demonstrações de carinho e apreço da parte dos seus familiares e incontáveis amigos. Ao Fião, os parabéns.


Melhor Idade de Urânia foi elogiada pela ótima participação nos Jori em Novo Horizonte

A equipe de vôlei e a professora Rúbia Sofia, com a presidenta do Fussesp, Lu Alckmin




De 5 a 8 de maio, os integrantes do Grupo Melhor Idade do município de Urânia participou da 5ª etapa regional dos 20ª Jogos Regionais do Idoso (JORI), realizados em Novo Horizonte.

A abertura dos Jori foi feito pela primeira-dama do Estado e presidenta do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (FUSSESP), Lu Alckmin.

Urânia participou nas modalidades de Bocha, Buraco feminino, Damas masculino e feminino, Malha, Vôlei Adaptado feminino.

Na modalidade de Buraco feminino a dupla uraniense conquistou o 2° lugar.

Na classificação geral, Urânia ficou em 27° lugar de um total de 62 cidades participantes. O prefeito Aírton Saracuza parabenizou os representantes uranienses nos Jori afirmando que a Prefeitura "estará sempre colaborando para que continuem representando com muito carinho e amor a nossa cidade".

Esteve representando a delegação uraniense nos 20° Jogos Regionais do Idoso em Novo Horizonte, a professora de Educação Física Rubia Sofia.

A primeira-dama Marinete Munhoz Borges Saracuza, também parabenizou o Grupo que esteve em Novo Horizonte dizendo que "e maravilhoso ver a vontade e determinação de cada um de vocês quando estão representando nossa querida cidade de Urânia. Estamos todos nós, orgulhosos de vocês".
 
 
 

Prefeitura vai vender lotes para fazer caixa

 
Os vereadores vão discutir e votar na sessão ordinária de segunda-feira, 23 de maio, em regime de urgência, projetos de lei do prefeito Pedro Callado, que desafeta doze áreas de terra em vários bairros da cidade e dois lotes para fins de alienação.

Segundo a justificativa do prefeito Callado, os imóveis são esparsos dentro da área urbana e impróprios para construção de prédios a serem colocados a bem do serviço público, como também, por serem de pequeno tamanho ou localizados em endereços de díficil acesso.

De acordo com a explanação do prefeito aos vereadores, as áreas citadas são denominados de "Sistema de Lazer", isto é, são áreas deixadas nos loteamentos urbanos já registrados em cartório para possível construção de escola, praças ou com finalidade para lazer.

As áreas estão localizadas no jardim Arapuã (1 área), jardim do Bosque (3 áreas), Cohab Dercílio Joaquim de Carvalho (1 área), Residencial Paineiras (1 área), Residencial Paineiras II (2 áreas), jardim Alvorada (1 área), jardim do Bosque (1 área), Residencial Nova Jales (1 área), Residencial Maria Silveira (1 área) totalizando ao todo 93.982,74m2.

Diz o prefeito em sua justificativa que essas áreas se transformam em terrenos baldios "onde a população aproveita para jogar lixo e serve como criador de espécies pestilentas, inclusive do mosquito da dengue e de mato , sem possibilidade de urbanização, como muros e calçadas, por falta de recursos públicos".

Duas das áreas localizados no jardim do Bosque, uma mede 27.778,53 m2 e a outra 15.342,75 m2, e uma outra no jardim Nova Jales mede 11.006,18 m2. A menor área está localizada no Residencial Paineiras II com 1.002,59 m2.

Coloca ainda o prefeito Callado aos vereadores, que os recursos advindos com as vendas das áreas serão destinados exclusivamente à construção de ou aquisição de moradias populares ou compra de área para implementação de programas habitacionais.

Os vereadores vão votar ainda dois projetos autorizando o prefeito municipal a alienar um lote (sem benfeitorias) na rua dos Bancários no jardim Tangará, com área total de 290,51 m2 avaliado em R$ 80 mil, e um outro também na rua dos Bancários no jardim Soraia no total de 503,73 m2, avaliado em R$ 120 mil.

A justificativa para a venda dos dois lotes é de que os valores arrecadados serão destinados para regularizar os pagamentos dos parcelamentos quanto dos débitos atuais (repasses mensais) ao Instituto Municipal de Previdência Social (Iprem).

Caso os projetos sejam aprovados pelos vereadores, uma comissão fará a avaliação dos imóveis para alienação

Prefeito recepciona autoridades de Ilha Solteira na COOPERSOL



 
O prefeito Pedro Callado recebeu na sede da Cooperativa de Trabalho Regional de Catadores - Coopersol Jales, na terça-feira, 17 de maio, a visita de vereadores, representantes da administração pública e integrantes da Cooperativa de Lixo Reciclável de Ilha Solteira/Cooperseli. Os visitantes vieram conhecer e obter informações sobre o funcionamento da coleta de resíduos recuperáveis em Jales.

A presidente da Câmara Municipal de Ilha Solteira, Thereza Rocha, os vereadores, Ailton Vieira Lima e Antonio Carlos da Silva, a Secretária de Bem-Estar Social, Cultura e Turismo, Fátima Sgarboza, o secretário de Agronegócios, Meio Ambiente e Pesca, Olair José Isepon e funcionários da Cooperseli foram recepcionados pelo prefeito de Jales e percorreram as instalações da Coopersol.

O gestor administrativo, José Henrique Garcia, o gestor ambiental, Edson Edgar Batista, a presidenta da Coopersol Maria do Socorro explicaram aos visitantes o trabalho desenvolvido para que a cooperativa pudesse atingir os seus objetivos e alcançar o prestigio que desfruta atualmente.

O prefeito agradeceu a visita, desejou boa sorte ao empreendimento de Ilha Solteira e elogiar o trabalho da Coopersol ressaltando que a mesma é uma a instituição modelo para as outras cidades.

Marcos Alexandre de Oliveira festejará nova idade

Na sexta-feira, 27 de maio, receberá os cumprimentos pelo seu aniversário, o vereador Marcos Alexandre de Oliveira (Marquim Arantes) de Urânia, que no dia a dia luta pelas causas de seu município sem esmorecer. Correligionários, familiares, amigos vão marcar presença em sua residência para levar-lhe aquele abraço e desejar-lhe um feliz aniversário.

Semana da Enfermagem é comemorada



A 3ª Semana da Enfermagem realizada em comemoração ao dia do profissional da saúde foi realizada na última quarta-feira, 11 de maio, no Centro de Estudos do hospital. Todos os colaboradores foram convidados para participarem das comemorações.

Além de um café diferente oferecido aos funcionários durante todo o dia, os enfermeiros, auxiliares e técnicos participaram de sorteio de brindes que foram doados pela comunidade e teve também a participação do sindicato dos empregados em estabelecimentos de serviços de saúde de São José do Rio Preto.

A festividade estendeu-se também à população. Quem passou em frente ao hospital pode aferir a pressão arterial com uma equipe de estagiários do Etec, IEP e Unijales, bem como foi servido gratuitamente pipoca e algodão doce.

Para completar, a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar – CCIH, aproveitou a oportunidade para apresentar os ganhadores que participaram do concurso de frase, cujo tema estabelecido foi: Higienização das Mãos.

Analisado pela enfermeira do CCIH, Érica Caldeira, e o médico infectologista, Dr. Maurício F. Favaleça, o primeiro lugar ficou para a ouvidora, Thayrine F. Victorasso Soler, que ganhou um aparelho de DVD. A segunda colocação foi para o setor de faturamento com a frase da colaboradora Maita Nogueira Barbosa e em terceiro lugar Delvaci Trevisan do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho, SESMT.

Univesp abre inscrições para o curso de engenharia em Jales

As inscrições para o 2º vestibular da Univesp – a Universidade Virtual do Estado de São Paulo começam na segunda-feira, dia 23 de maio. "A Univesp é a quarta universidade estadual pública do nosso Estado, ao lado da USP, da Unicamp e da Unesp. Segue o mesmo padrão de excelência, num modelo novo de ensino que está crescendo no mundo todo. Os cursos são oferecidos na modalidade semipresencial, com uso intensivo das tecnologias de comunicação e informação", afirmou o governador Geraldo Alckmin.

O aluno não vai todos os dias à escola. Na maior parte do tempo, ele estuda onde quiser, no horário mais conveniente, porque tem acesso a todo o conteúdo e às atividades pelo computador. A cada quinze dias, cada turma tem uma aula de quatro horas num polo de ensino, com professores-mediadores. Lá os estudantes recebem orientação, fazem trabalhos de grupo e as provas.

Neste vestibular, estão sendo oferecidas 918 vagas novas para dois cursos: Engenharia da Computação e Engenharia de Produção. As vagas estão distribuídas por 17 polos de ensino em 16 municípios.

Em Jales, são 36 vagas abertas para Engenharia de Computação. As inscrições vão até 13 de junho e devem ser feitas no site www.univesp.com.br. A prova é no dia 26 de junho e as aulas começam em agosto.

As primeiras turmas de engenharia pela Univesp já estão concluindo o segundo ano do curso, assim como as turmas de licenciatura de matemática, física, química e biologia. São mais de 2.400 alunos que estudam pelo computador e frequentam 42 polos de ensino em 24 cidades. Quando se formarem, vão ter mercado de trabalho garantido. O Brasil tem hoje um déficit anual de 20 mil engenheiros por ano. E a maior demanda nas escolas, hoje, é justamente por professores de matemática e ciências.

"A Univesp segue a filosofia vitoriosa do ensino técnico e tecnológico que nós ministramos nas Etecs e Fatecs. Ela é um marco na expansão da oferta de ensino universitário público e gratuito de qualidade no Estado de São Paulo e atende estudantes em todas as regiões, inclusive porque não é preciso morar na cidade que tem o polo de ensino para fazer o curso", explicou Geraldo Alckmin.

Concurso registra 2.530 candidatos inscritos

O concurso público realizado pela Secretaria Municipal de Educação de Jales, destinado ao provimento de 125 vagas de nível médio e superior, registrou 2.530 candidatos inscritos.
O cargo que teve o maior número de inscritos foi o de Agente de Organização Escolar (929), para 20 vagas, seguido do Agente de Educação Infantil (756), para 70 vagas, Educador de Emei (525), para 30 vagas e Secretário de Escola (320), para 5 vagas.
Os valores salariais variam de R$ 899,61 a R$ 1.628,85, conforme a função exercida e a jornada desempenhada por 40 horas semanais.
A classificação dos candidatos será por meio de prova objetiva com 40 questões de múltipla escolha, que será realizada no dia 5 de junho. O concurso tem validade de dois anos e pode ser prorrogado por mais dois anos.

Com DNA francano, está formada aComissão Técnica do Franca Basquete

A Diretoria do Franca Basquete finalizou a formação do comando técnico de todas as categorias do clube para a temporada 2016/2017.

Sob o comando de Helinho Garcia, técnico da equipe adulta, o Franca Basquete terá Daniel Wattfy como técnico da equipe Sub 19 e Sub 22, e para completar a equipe de trabalho foram contratados dois novos profissionais.

Como assistente técnico da equipe adulta, Sub 19 e Sub 22, foi escolhido o ex-atleta francano Fernando Penna, que já vivenciou muitas experiências como atleta da equipe, e hoje inicia uma nova etapa em sua carreira. Fernando tem grande afinidade com o técnico Helinho Garcia, pois ambos estiveram juntos em muitas batalhas defendendo as cores francanas.

No cargo de preparador físico de todas as categorias, foi escolhido outro profissional que tem forte identificação com o clube e com a cidade: Gustavo Gomes, o Gutt. Como atleta iniciou sua carreira em Franca e defendeu todas as categorias de base. Este jovem profissional, com excelente formação acadêmica, estará completando a nova Comissão Técnica, que terá grandes desafios na temporada.

O Departamento Médico continua sob o eficiente comando do Dr Marcelo Cruz e com o competente fisioterapeuta Rogério Barbosa, dando uma importante retaguarda para todos atletas e técnicos do clube.

A Diretoria do Franca Basquete, empenhada em manter toda tradição do basquete francano, confia plenamente no sangue jovem e francano de todos os integrantes da Comissão Técnica e deseja a todos muito sucesso na temporada.

Nova comissão técnica é formada apenas por francanos

Casos de dengue caem 81% no Estado de SP

 
O número de casos de dengue entre janeiro e abril deste ano no Estado de São Paulo foi 81% menor do que no mesmo período de 2015. É o que aponta balanço da Secretaria de Estado da Saúde com base nos dados informados pelos municípios paulistas por intermédio do Sinan (Sistema de Informação de Agravos de Notificação).

Foram 108.660 casos confirmados da doença nos quatro meses iniciais de 2016, contra 568.070 registrados no primeiro quadrimestre do ano passado.

Cinco municípios paulistas concentraram 49,4% do total de infecções pelo vírus da dengue neste ano: Ribeirão Preto (33.264), São José do Rio Preto (7.312), Presidente Prudente (6.392), Birigui (3.763) e Sertãozinho (2.952). Entre todos os municípios paulistas, 71 não registraram nenhum caso, até o momento.

O número de óbitos relacionados a doença também sofreu uma redução de 90%. No primeiro quadrimestre deste ano, o Estado de São Paulo registrou 44 mortes contra 403 no mesmo período de 2015.

"Essa redução expressiva é resultado da intensificação das ações de combates ao Aedes aegypti promovidas pelo Governo do Estado e, sobretudo, da colaboração do poder público e da sociedade civil. Não podemos dar trégua ao mosquito. Contamos com todos para dar continuidade ao enfrentamento às Arboviroses e, assim, aumentar a proteção à população", afirma o secretário de Estado da Saúde, David Uip.


Chikungunya, zika e microcefalia
Em 2015, São Paulo registrou 189 casos importados de Chikungunya, ou seja, os pacientes não contraíram a doença no Estado. Neste ano, foram registrados 366 importados e 55 autóctones.

Já foram notificados 217 casos autóctones de Zika vírus ocorridos desde 2015. Há ainda 29 casos importados – situações em que a infecção ocorreu em outras localidades.

Desde novembro de 2015, os municípios paulistas notificaram 279 casos de microcefalia. Desse total, 8 foram confirmados e 107 foram descartados para microcefalia por infecção congênita, isto é, são relacionados a outras síndromes, intoxicação exógena, ou mesmo, reavaliação do perímetro cefálico. Outros 164 casos estão em investigação para infecção congênita.


‘Operação de inverno’ para combater e prevenir arboviroses
A Secretaria de Estado da Saúde elaborou uma ‘operação de inverno’, visando fortalecer estratégias de combate ao Aedes aegypti e proteger a população contra dengue, zika e chikungunya.

Em continuidade à campanha "Todos juntos contra o Aedes aegypit", a pasta iniciará a segunda etapa do Programa de Incentivo, que prevê pagamento de ‘extras’ a agentes municipais que trabalharem aos sábados. Os novos contratos poderão ser formalizados a partir de julho.

Trata-se de uma medida preventiva para o próximo verão, quando a proliferação do vetor pode aumentar devido ao calor e às chuvas.

Inédito, o programa foi anunciado em fevereiro, e garantiu entre os meses de março e maio remuneração de R$ 120,00 por agente, para cada sábado de atuação no combate ao mosquito transmissor das Arboviroses.

Até o mês de maio, mais de 90% dos municípios aderiram ao programa, triplicando o número de cidades mobilizadas – no primeiro bimestre, apenas ¼ das cidades participavam dos mutirões aos finais de semana. Cerca de 80 mil agentes têm sido mobilizados, todo sábado, para eliminar criadouros do Aedes por todo o território paulista.

O investimento do Governo do Estado totaliza R$ 25 milhões de repasses aos municípios envolvidos, no período de março a maio.

Cidades interessadas podem participar mediante assinatura de um Termo de Adesão, indicando o número de agentes e de supervisores mobilizados na campanha. Cada prefeitura deve garantir que esses profissionais realizem o trabalho de campo durante todos os sábados.

As equipes têm a atribuição de realizar vistorias domiciliares para eliminação de criadouros e potenciais focos do mosquito, bem como mobilizar a população para evitar novas infestações. Os agentes também devem preencher formulários atestando as visitas aos imóveis. Assim, além da prestação de contas dos recursos repassados pelo governo do Estado, os gestores municipais devem submeter, mensalmente, relatórios de vistoria à Superintendência de Controle de Endemias (Sucen), autarquia vinculada à Secretaria de Estado da Saúde, para monitoramento do trabalho.

A Secretaria fornece apoio técnico e orientação para o desenvolvimento das atividades previstas e o material educativo utilizado nas ações.

Campanha já eliminou criadouros do mosquito em 17,9 milhões de imóveis

Desde janeiro, 17,9 milhões de imóveis passaram por varreduras completas, com a eliminação de criadouros do mosquito transmissor de dengue, zika e chikungunya, como parte da campanha "Todos juntos contra o Aedes aegypti", do Governo do Estado.

No total, foram feitas 24,5 milhões de visitas, incluindo o deslocamento de agentes a locais onde a entrada não foi possível – imóveis fechados ou onde não houve autorização para entrada.

Semanalmente, mutirões de vistoria e enfrentamento ao Aedes foram feitos conjuntamente por agentes estaduais, municipais, das Forças Armadas e cidadãos. O contingente foi reforçado pela Defesa Civil do Estado que realizou a mobilização de voluntários em todo o Estado, além de profissionais das defesas civis municipais.

Além de pagar diárias extras para os agentes municipais, a Secretaria de Estado da Saúde dobrou o efetivo da Sucen (Superintendência de Controle de Endemias), que passou a contar com mil agentes disponíveis para auxiliar as prefeituras nas ações de campo.

O resultado dessas atividades nas residências foi a queda expressiva verificada na avaliação de densidade larvária, que indica o número de criadouros dos mosquitos nas residências e ajuda a nortear as ações de prevenção e controle da doença.

O índice de infestação predial médio no Estado caiu logo em fevereiro e, em abril chegou à proporção de, no máximo, 1 recipiente a cada 100 imóveis, o que representa um cenário considerado satisfatório.

Em dezembro de 2015, o índice era de 3,5 recipientes com presença de larvas do Aedes aegypti a cada 100 imóveis pesquisados, o que configurava um cenário de alerta – muito próximo ao de risco, contado a partir da proporção de 3,9 criadouros a cada 100 imóveis.

Missão do presente

Junji Abe

Quando a sociedade, com justiça, condena a corrupção, acaba limitando as práticas corrosivas aos maus políticos, empresários gananciosos e autoridades ímprobas. Fato é que é a contaminação já virou pandemia. O cotidiano está infectado por corrupção, sob as mais diferentes formas e o único objetivo final de obter vantagem. O efeito é sempre o prejuízo de outros. É assim quando alguém fura fila, para irregularmente em vaga de deficiente ou idoso, vaza o sinal vermelho, dá um dinheirinho para o agente de trânsito ignorar uma infração.

Corrupção também significa o desvirtuamento de hábitos e costumes que se tornam imorais e antiéticos, apesar não serem ilegais. É assim quando alguém recebe um troco maior que o devido, mas não devolve o excedente; finge dormir no ônibus para não dar lugar à grávida que acabou de entrar; limpa sua calçada jogando o lixo na do vizinho; descarta coisas pela janela do carro, mesmo sabendo que está facilitando enchentes e por aí afora.

A corrupção na política precisa ser combatida de todas as maneiras. Por isso, apoio integralmente as iniciativas conjugadas da Justiça, Ministério Público e Polícia Federal, implementadas na Operação Lava Jato. Devem ser uma referência para quaisquer outras ações corruptas com envolvimento comprovado de agentes públicos e políticos. Mas, nós, a sociedade, também temos de brecar transgressões cotidianas, deixando o egoísmo de lado. A rede de malfeitos só é interrompida quando surge a preocupação real com o bem-estar do outro. Mesmo que ele não seja um familiar ou do círculo de amigos. Basta ver a relação entre os focos de acúmulo de água e a proliferação do mosquito aedes aegypti. Falo do zelo para que nos tornemos pessoas melhores, capacitadas para o convívio social.

A responsabilidade é maior ainda para quem tem filhos. Disseminar maus exemplos significa corromper gerações futuras. Não haverá como cessar a corrupção na política, se ela perdurar na sociedade. Pé de goiaba não dá mamão. A pergunta básica é: "Minha atitude prejudica alguém?" Se a resposta for afirmativa, coisa boa não é. Também é válido colocar questões para discussão em família. Temos de resgatar o bom hábito de ensinar o que é certo e o que é errado dentro de casa. É uma missão do presente para resguardar o futuro. Vamos cumprir com boa vontade e fé!

Junji Abe é líder rural, foi deputado federal pelo PSD-SP (fev/2011-jan/2015) e prefeito de Mogi das Cruzes (2001-2008)

Vem aí: Espetáculo de dança “Um mix de arte”

 
O Ministério da Cultura e o Instituto Sociocultural do Hospital de Câncer de Barretos apresentam no dia 04 de junho, um lindo espetáculo de dança gratuito no Teatro Municipal de Jales.

O espetáculo "Um mix de arte" elaborado em parceria com o Studio de Dança Marcelo Benevides, traz o conceito das 7 divisões da arte ( plástica, música, artes cênicas, arquitetura, escultura, literatura e cinema) em forma de apresentações de dança no estilo de balé clássico, sapateado, danças urbanas e dança contemporânea.

"A expectativa é que o público sinta que a arte esta na história de cada um de nós e ao alcance de todos.", afirmou o Diretor Artístico e Coreógrafo: Marcelo Benevides. A apresentação conta com o elenco de aproximadamente 30 bailarinos da região de Barretos.

Este é o primeiro evento realizado em Jales pelo Instituto Sociocultural HCB e visa levar a população entretenimento e cultura de forma gratuita e acessível.

O espetáculo começa às 19h30min e os ingressos poderão ser adquiridos com uma hora de antecedência na bilheteria do Teatro Municipal ou na captação de recurso na sede do Hospital de Câncer de Barretos - Unidade III em Jales. Quem quiser ajudar o hospital com doação de alimentos, basta levar na ocasião e contribuir com Hospital de Câncer de Barretos.

Intermães Anglo Jales 2016

Daniel Zilio




 
O final de semana foi bem agitado para as famílias do Anglo de Jales. Nos dias 14 e 15 de maio, aconteceu o Intermães, uma antiga tradição do colégio, resgatada esse ano pela direção e coordenação da escola. O evento esportivo fez parte das comemorações do Dia das Mães e promoveu uma verdadeira interação família e escola.

Além das mães-atletas, também compareceram ao Ginásio Cristóvan Soler, pais, filhos e vários outros familiares, formando uma torcida animada e festiva.

A equipe gestora da escola entende que eventos como este são extremamente benéficos porque envolve a participação de toda família e fortalece a relação das mesmas com a escola.

Os jogos foram realizados no sábado, dia 14, nas modalidades: tênis de meses e vôlei.

No domingo, dia 15, aconteceu o almoço de encerramento, no CPP, de Jales, com um cardápio incrementado e distribuição de diversos brindes.

A gestora do colégio Élida Maria Barison da Silva fez questão de agradecer a presença e o entusiasmo de todos e, mencionar a feliz coincidência de realizar o almoço no dia 15 de maio, que é o Dia Internacional da Família, comemorado desde 1994, após deliberação da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em 1993. Ela destacou a importância da família na formação do ser humano.

O sorteio dos brindes, gentilmente cedidos por empresas e profissionais de Jales, também foi muito agitado. Várias mães foram premiadas.

No mesmo dia, ainda foi realizado um super sorteio para as mães atletas. Em parceria com o Hotel Fazenda Foz do Marinheiro, a escola sorteou um final de semana no hotel com a família e a sortuda foi Bruna de Souza Pozzobom, mãe do Davi. O evento foi um verdadeiro sucesso de público e participação.

O resultado final ficou da seguinte maneira:
Tênis de Mesa/



Mamãe Campeã : Vanessa B. Bigulin, mãe do Felipe
Voleibol
Equipe de Mamães Campeãs:
1. Mônica da Cruz B. Picolo, mãe do Pedro Lucas
2. Elisângela Furlan, mãe da Júlia e do Daniel
3. Vanessa B. Bigulin, mãe do Felipe
4. Adriana C. M. de Carvalho,mãe do Danilo. da Júlia e da Maria Luiza
5. Nayara S. P. da Silva, mãe do Pedro Augusto
6.Carina D. Leon, mãe da Victória



Sonhar

*Flávio Carvalho

Na primeira infância sonhamos que nossos pais são perfeitos. O nosso pai como sendo um super-homem, nossa mãe a mulher ideal. Mas com o passar dos anos constatamos que nossos pais não são perfeitos, são como nós, mentem, sentem dores, choram, são fracos e erram. Nossa primeira desilusão. Sem contarmos com aquela desilusão que sofremos ao nascer, saímos de um lugar seguro que é o útero, para um mundo cheio de atribulações.

Depois sonhamos em ser bombeiros, médicos, policiais, para assim salvar o mundo, curar as pessoas. Mais uma vez nos desiludirmos. Basta ver as condições em que se encontram nossos, médicos, policiais e bombeiros.

Depois, quem consegue entrar numa faculdade, ou que pode pagar uma particular. Sonha em se formar e ganhar muito dinheiro, ser rico. Aquele primeiro sonho de salvar, curar as pessoas já foi abandonado. O sonho agora é o de enriquecer. Mais uma vez nos decepcionamos. Ser formado hoje em dia não é garantia nem de ganhar o mínimo necessário, que o digam, nossos amigos advogados, dentistas, engenheiros, psicólogos….

Sonhamos em encontrar nossa alma gêmea, nos casarmos e vivermos felizes para sempre. Hoje, muitos são os que defendem ser o casamento uma instituição falida. Dizer o "sim" não é mais garantia de que apenas a morte nos separará.

Depois sonhamos com os filhos. Será menino? Será uma menina? As estatísticas nos comprova que está cada vez mais difícil a mulher engravidar, ou seja, cada vez mais o casal têm que buscar ajuda da medicina para engravidarem. E aqueles que conseguem, sonham em dar um futuro melhor do que tiveram para os seus filhos. Inglês, espanhol, violão, piano, ballet, computação, colégio particular, um bom cursinho e a faculdade. Cada vez está mais difícil este sonho. Mais uma desilusão, temos que cortar o máximo disso tudo e fazermos uma poupança de muitos anos se quisermos mandar nossos filhos para uma faculdade de terceira.

Muitos sonham com a formatura dos filhos, outros tantos já abandonaram este sonho. Muitos outros estão sonhando com os netos. Acreditam que vão poder dar para os netos o que não conseguiram dar para os filhos. E por trás a culpa movendo todos estes sentimentos, ou sonhos.

Muitos estão sonhando com a aposentadoria, para poderem afinal descansarem. Mas muitos terão que continuar trabalhando até a morte, pois o aposentado no Brasil mal consegue se manter vivo.

Os que conseguiram realizar os seus sonhos, assim fizeram porque acreditaram neles, não desistiram jamais de sonhar. Muitos são os que estão conseguindo. E o grande segredo ? Continuar a sonhar, sonhar sempre. Acreditar nos sonhos. Os bem sucedidos assim foram, por acreditarem em seus sonhos.

Acreditar desesperadamente nos sonhos. Sonhar é sinônimo de vida e, dependendo do sonho, ela pode vir a ser muito boa. Não deixe seu sonho se transformar num pesadelo.

Sonhar ainda é preciso.


*Flávio Rodrigo Masson Carvalho

equilibriumtc@hotmail.com


Seis em cada dez jovens e adolescentes não usam métodos de contracepção

 
Estudo desenvolvido pelo Programa Estadual de Saúde do Adolescente de São Paulo no Ambulatório de Puericultura da Casa do Adolescente de Pinheiros, mostra que apenas 40% dos adolescentes utiliza métodos contraceptivos, como preservativos e anticoncepcionais.

A pesquisa envolveu 454 mães adolescentes, seus bebês e respectivos pais. Todas elas fizeram pré-natal e participavam de grupos e oficinas coordenadas por equipe multiprofissional da Casa do Adolescente. A idade média das participantes é de 17,5 anos, com início da vida sexual aos 15 anos. Já os parceiros tinham 22,4 anos, em média; porém, 1/3 deles ainda eram adolescentes.

Em relação ao número de filhos, 85% tiveram apenas um bebê, o que equivale a 388 adolescentes. Outras 57 foram mães de duas crianças (12,5%); sete tiveram três filhos (1,5%) e duas tiveram quatro filhos (0,4%). Apesar de já serem mães, 14% delas relataram desejo de engravidar.

O intervalo médio entre os partos foi de dois anos e 3/5 das adolescentes conceberam seus bebês por parto normal. O tamanho médio dos recém-nascidos foi de 3,1 kg e 48,3 centímetros. Apenas 4% nasceram prematuros e 8,1% abaixo do peso.

Quanto aos relacionamentos, 66,2% dos casais adolescentes viviam consensualmente e 10,5% das mães estavam casadas. Já as solteiras representam 20,8% do total e 1,7% eram viúvas. Oito em cada dez mães jovens recebiam ajuda da família materna e apenas 1/3 dos casais se sustentavam.

Metade das mães e de seus parceiros tinha oito anos de estudo ou mais, e cerca de 2% cursaram nível universitário. O analfabetismo foi encontrado em apenas 0,9% entre os pais dos bebês.

"Os dados que identificamos nessa pesquisa oferecem relevantes subsídios para a atuação dos diversos profissionais que lidam com os adolescentes. Por se tratar de uma fase de formação emocional e intelectual, precisamos incentivar nossos jovens a utilizarem métodos contraceptivos não apenas para evitar uma eventual gravidez indesejada, mas também para coibir a ocorrência de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs)", comenta Albertina Duarte Takiuti, coordenadora do Programa Estadual de Saúde do Adolescente de São Paulo.

Dia do Desafio: Jales versus Táchira, da Venezuela


A pouco menos três meses do início dos Jogos Olímpicos Rio 2016, o público brasileiro terá uma oportunidade de mostrar o seu amor ao esporte, mais precisamente no dia 25 de maio, quando ocorre o Dia do Desafio. Coordenado pelo SESC SP no continente americano desde 2000, o evento esportivo chega a sua 22ª edição, mantendo sua proposta de despertar o interesse das pessoas de todas as idades pela prática de esportes e atividades físicas por meio de uma competição saudável entre cidades.

Este ano, o Dia do Desafio contará com o envolvimento de 3.400 cidades (são 1.323 municípios em vinte estados brasileiros), de 19 países, que se enfrentarão num confronto amigável cujo principal objetivo é conscientizar a sociedade sobre a importância da atividade física, além de fortalecer espírito comunitário e a integração social. Desde 2013, a competição faz parte da campanha MOVE Brasil, cuja iniciativa vai no mesmo sentido de aumentar o número de praticantes de esportes e atividade física no país até este ano.

Entre essas milhares de cidade, mais uma vez Jales estará participando do Dia do Desafio, também conhecido como Challenge Day, que estimula a prática de atividades físicas entre a população de diversas cidades do mundo. Jales vai concorrer com a cidade de Táchira, Venezuela.

Nesse dia, pessoas de todas as idades se envolvem em uma competição amigável entre cidades do mesmo porte, mobilizando o maior contingente de participantes, tendo como base de cálculo o número oficial de habitantes do município.

No ano passado, Jales enfrentou Tabio, município colombiano e, por 45,78% a 13,23% ganhou a disputa. A mobilização e o empenho da população abraçando a causa foram essenciais para Jales garantir a vitória.

No município, o Dia do Desafio é coordenado pela Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Turismo, que convida novamente todos os jalesenses, incluindo empresas, comércio, órgãos públicos, escolas municipais e estaduais para participarem desta competição saudável, quebrando as barreiras do sedentarismo

Qualquer tipo de atividade física é válido para a competição. Pode ser apenas 15 minutos, ou mais, de caminhada, ginástica, dança ou qualquer outra ação que coloque o corpo em movimento. Após o término da atividade, é necessário informar o número de participantes e a atividade realizada para que a ação seja contabilizada junto ao número de participantes da cidade. Juntamente com as informações podem ser enviadas fotos para o e-mail da Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Turismo em culturaeesportes@jales.sp.gov.br ou pelo WhatsApp (17) 99741-74 03, aos cuidados do educador físico Rangel Dutra.

O resultado da competição sai em dois dias e vence a cidade que conseguir o maior percentual de participação, em relação ao seu número de habitantes. No final, todos serão vencedores, pois adotaram hábitos saudáveis em benefício da qualidade de vida.

Dia do Desafio - Criado nos anos 1980 no Canadá, o Dia do Desafio tem como proposta de despertar o interesse das pessoas pela prática de esportes e atividades físicas, por meio de uma competição entre cidades. O SESC coordena o evento no Brasil desde 1995 e no continente americano desde 2000. O Dia do Desafio é uma iniciativa da TAFISA - The Association For International Sport for All, com o apoio da ISCA (International Sport and Culture Association) e da UNESCO e é realizado pelas prefeituras municipais em parceria com secretarias estaduais, ONGS, escolas, empresas, universidades, academias e outras instituições.

Trata-se de um movimento comunitário que envolve poderes públicos, instituições privadas e cidadãos trabalhando em parceria para mobilizar o maior percentual de participantes em relação ao seu total de habitantes.

Reflexões: Falar ou fazer

Adelvair David 
www.addavid.blogspot.com
 
Encontramos no comportamento do homem a estranha postura quase comum, da crítica sistemática.
 
É notório que o mal existe e não pode ser ignorado, é fato que as distonias que se apresentem atrapalhando a ordem das coisas precisem de providências para serem sanadas, mas o que não é o ideal é que de posse da palavra, pela sua condição de animal falante e inteligente, o homem se torne apenas um denunciador das imperfeições que grassam por toda parte.
A postura de somente falar e nada fazer para auxiliar, tem feito perder belas oportunidades de se colaborar com o engrandecimento de muitas causas.
Temos visto pessoas que se arvoram como salvadores, como que dotados de ideias que poderiam revolucionar e solucionar aquilo dos quais comentam, porém, não se vê as mesmas criaturas falantes moverem-se para tornar melhor a sociedade nem mesmo os seus membros. Quando se lhes observa a vida, percebe-se a inutilidade da mesma, sem que se possa encontrar consistência nas suas atitudes e sentimentos que possam dar valor ao que propõem como alternativas para os males que enxergam.
Ao se observar os homens bons da humanidade, verifica-se que eles falaram pouco e fizerem muito. Ergueram obras de benemerência e colaboraram com o crescimento do ser humano em todas as suas necessidades, sem alarde, sem gritaria, sem violência, sem tomar o mal nas mãos para resolver o que dizem ser o mal que observam.
Compreendemos que quem deseja efetivamente ajudar a melhorar o mundo, melhorar o ser humano ou melhorar as condições sociais, deve a seu turno, abdicar da crítica contumaz e dedicar-se a colaborar fazendo a sua parte, doando do que possui material e moralmente, sem atribuir culpa a este ou àquele, para que possa ficar em paz com a sua própria consciência por ter feito tudo o que estava ao seu alcance para tornar a sua e a vida do seu semelhante melhor.
Buscar aprender amar e praticar o amor é a saída para todos os males da humanidade. Respondeu Jesus ao doutor da lei: "Amarás..."
VALE FALAR, MAS MELHOR, É FAZER.
 

Editais de Proclamas

Rosimeire Ensides Tomazeli, Oficial Interina do Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas da Sede da Comarca de Jales, Estado de São Paulo. FAZ SABER que pretendem casar-se e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1.525 do Código Civil Brasileiro.

RAFAEL AUGUSTO ROZZETO e GABRIELA BARBOSA VILALVA. ELE, natural de Nhandeara, deste Estado, nascido aos 01 de fevereiro de 1.990, farmacêutico, solteiro, residente e domiciliado em Dirce Reis, deste Estado, filho de Antonio Donizete Rozzeto e de Inês Magrini Rozzeto. ELA, natural de Palmeira D’Oeste, deste Estado, nascida aos 12 de fevereiro de 1.990, fisioterapeuta, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Everaldo Vilalva e de Silmara da Cunha Barbosa Vilalva. Cópia expedida para o Oficial de Registro Civil de Dirce Reis – SP, onde reside o contraente.

JURACI RAGASSI PRADO e MARCELA CRISTINA COSTA. ELE, natural de Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, nascido aos 03 de dezembro de 1.966, funcionário público municipal, divorciado, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Mario Alves do Prado e de Natalina Ragassi Prado. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 11 de julho de 1.976, do lar, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Mario Quintino da Costa e de Cecilia Barbosa.

ANDRÉ LUÍS DE LEÃO e MARIA LUIZA GASPARINO PIRES. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 20 de agosto de 1.977, motorista, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Sebastião de Leão e de Oswalda Luiza Gasola Leão. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 09 de dezembro de 1.991, auxiliar administrativo, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Wlademir Aparecido Pires e de Ana Gasparino Pires.

RAFAEL MARTINS e INGRID PRISCILA AZEVÊDO MARTINS. ELE, natural de São Caetano do Sul, deste Estado, nascido aos 06 de maio de 1.983, piloto de avião, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Elisio Martins e de Iara Cristina de Oliveira Martins. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 01 de abril de 1.987, comerciante, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Aparecido Martins Cipriano e de Maria Azevêdo Martins.

LUCAS ULLIANA LOPES e PRISCILLA DE PAULO MILHAN. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 28 de janeiro de 1.982, bancário, solteiro, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Luiz Carlos Lopes e de Silvia Lucia Ulliana Lopes. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 15 de fevereiro de 1.985, agente de organização escolar, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de Marinaldo Milhan e de Célia Garcia de Paulo Milhan.

GERALDO MONTEIRO SOBRINHO e SILVANA APARECIDA FLORINDO. ELE, natural de Brejo Santo, Estado de Ceará, nascido aos 08 de janeiro de 1.963, gerente de produção, divorciado, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de Quirino Monteiro da Silva e de Maria dos Anjos Moneiro. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 03 de novembro de 1.972, refiladeira, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de José Benedito Florindo e de Alaide Andrade Florindo.

JOAQUIM BUENO e JOANA D’ARC RODRIGUES BARBOSA. ELE, natural de Salete, deste Estado, nascido aos 12 de novembro de 1.953, auxiliar de serviços gerias, viúvo, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de João Bueno e de Laura Alvina Ferreira de Castro. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 13 de junho de 1.968, do lar, solteira, residente e domiciliada em Jales, deste Estado, filha de João Barbosa e de Iracema Rodrigues.

CLAUDIO GUTIERRES e ROSEMARY JARDIM DE FARIAS. ELE, natural de São Paulo, deste Estado, nascido aos 02 de outubro de 1.944, taxista, divorciado, residente e domiciliado em Jales, deste Estado, filho de João Gutierres e de Maria Pereira Araujo. ELA, natural de Jataí, Estado de Goiás, nascida aos 26 de janeiro de 1.970, do lar, solteira, residente e domiciliada em Rio Claro, deste Estado, filha de Jorcelino Quintino de Farias e de Maria de Lourdes Jardim de Farias. Cópia recebida do Oficial de Registro Civil de Rio Claro – SP, onde reside a contraente.


SE ALGUÉM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. LAVRO OS PRESENTES PARA SEREM AFIXADOS NO REGISTRO CIVIL E PUBLICADOS NA FOLHA NOROESTE, NESTA CIDADE DE JALES.
Rosimeire Ensides Tomazeli – Oficial Interina



Liberados recursos para três municípios da região de Jales

O governador Geraldo Alckmin (foto) assinou nesta terça-feira, 17 de maio, convênios com três municípios da região de Jales. Ao todo, os acordos prevêem o repasse de R$ 800.000,00 para realização de obras de infraestrutura urbana, além de investimentos em diferentes áreas. Todos os convênios foram firmados pela secretaria da Casa Civil. De acordo com o secretário Samuel Moreira, os recursos reforçam a capacidade de investimento dos municípios e o compromisso do Governo do Estado com o desenvolvimento regional. "São obras e investimentos em áreas prioritárias que trazem benefícios diretos à população", afirmou.

Foram assinados convênios com os municípios de Nova Canaã Paulista no valor de R$ 150.000,00 para a reforma do Ginásio Municipal de Esportes; com Paranapuã convênio na ordem de R$ 400.000,00 para investimentos em infraestrutura urbana, e com Rubineia no valor de R$ 250.000,00 para reforma do Terminal Rodoviário Municipal.

Como chegar ao consenso?

*José Renato Nalini

 
A lenda do "Brasil cordial" desmoronou. O país é socialmente problemático, para dizer o menos. Desigualdades sociais e de nível educacional acumuladas durante mais de três séculos de escravagismo, com proibição de imprensa própria e de criação de universidades, causaram erosão nos laços de enraizamento e de adequada formação de identidade coletiva. A Constituição Cidadã de 1988, pródiga em direitos – mencionados 76 vezes, enquanto "deveres" aparecem apenas em 4 oportunidades – gerou expectativas que o Estado não tem condições de satisfazer.

Para culminar, uma crise sem precedentes, mais séria do que o grande "crack" da Bolsa de Nova York em 1929, precipita as coisas. Insatisfação coletiva, falta de alento, falta de perspectiva, ausência quase absoluta de esperança. A matriz jurídico-institucional está alicerçada numa Justiça concebida como poder capaz de decidir todos os problemas, independentemente de sua dimensão. O fetiche da lei ainda vigora e não tem receita para as práticas sociais de natureza confrontacional registradas para perplexidade de muitos que não viram o mundo mudar, nem as alterações da sociedade brasileira se aprofundarem. A verdade é que o Estado do bem-estar social não tem como atender a todas as demandas. Como bem observa o pensador Ives Gandra, "o Brasil dos sonhos não cabe no PIB". Por sinal, PIB que só tem diminuído nos últimos anos e em queda acelerada nos últimos meses.

Os formadores de opinião têm uma enorme responsabilidade neste momento. Quase 12 milhões de desempregados, só considerados os que ainda continuam à procura de emprego. Milhares de fábricas fechadas, centenas de milhares de casas de comércio. Famílias passando necessidade e nenhuma certeza de que um milagre ocorrerá e fará com que esta página triste seja virada, para uma leitura mais otimista de um Brasil que sofre. Reclama-se prudência, juízo e dose infinita de paciência. Quem se dispõe a oferecer uma alternativa? *José Renato Nalini, secretário da Educação do Estado de São Paulo

Alckimin pode visitar a Santa Casa de Jales

 
Durante o Congresso, o presidente da Fehosp, Edson Rogatti, fez uma reunião expondo quais os quatro hospitais participarão da avaliação de desempenho por meio de alguns indicadores e a Santa Casa de Jales foi uma das sorteadas e receberá a visita primeiramente técnica da Secretaria de Saúde do Estado que exigirá as apresentações de alguns roteiros da instituição. Após este trâmite o hospital poderá receber a visita do governador.

Para o provedor, José Devanir Rodrigues, o Garça, o benefício dessa visita é mostrar para o governador Alckmin que Jales está fazendo a lição de casa. "Esperamos que a nossa instituição seja reconhecida como modelo de gestão na busca da reclassificação de Apoio para Estratégico dentro do programa SUSstentáveis. Isso acarretaria uma ajuda de 40% a mais do repasse do governo o que renderia um valor de R$ 160 mil a mais para a nossa instituição", destacou Garça.

Os indicadores já estão sendo preparados pela administração juntamente com os gestores.

Parte do todo

Reginaldo Villazón

 
O açúcar branco é péssimo alimento. Profissionais de saúde alertam que, na sociedade atual, ele é droga que vicia e veneno que mata. O melhor açúcar da cana é o melado, produto integral que mantém açúcares, minerais e vitaminas importantes à saúde. Já foi vendido e usado só como medicamento. Outro alimento energético integral, o mel de abelhas, nutre homens e animais desde tempos remotos. O mel tem mais de 180 componentes de alto valor nutricional e medicinal que o colocam na categoria de alimentos funcionais.

Segundo a FAO, em 2013 a produção mundial de mel atingiu 1,60 milhões de toneladas. Para se ter uma idéia, para transportar essa quantidade são necessários 80.000 containers de 20 toneladas do produto. Além do mel, as abelhas fornecem outros produtos – pólen, própolis e geléia real – com propriedades nutricionais, protetoras e restauradoras. Mais ainda, as abelhas polinizam um extenso número de espécies vegetais e assim reforçam a produção, a produtividade e a qualidade das safras agrícolas.

Os serviços ambientais prestados pelas abelhas acontecem em larga escala. Num único dia, uma colméia pode visitar flores numa área de 7,0 quilômetros quadrados. Isso explica como as abelhas – apenas com a polinização – são indispensáveis na tarefa de alimentar e vestir a humanidade. Tomates, maçãs, uvas, girassol, algodão e linho dependem da contribuição das abelhas. É certo que, se hoje as abelhas desaparecessem do planeta, a humanidade teria grandes dificuldades para sobreviver.

Foi por isto que a comunidade científica ficou inquieta com a redução em massa da população mundial de abelhas, a partir de 2006. Os estudos identificaram as causas: contaminação ambiental por agrotóxicos, desnutrição das abelhas por diminuição da flora natural, baixa resistência orgânica das abelhas, mudanças climáticas. Os agrotóxicos motivaram transtornos neurológicos, enfraquecimento imunológico e morte de abelhas. Estas apurações ajudaram a reduzir o aniquilamento das abelhas.

O modelo de agricultura chamado Agronegócio traz conseqüências negativas. A biodiversidade natural perde áreas para o cultivo de monoculturas e as poderosas indústrias químicas promovem o uso de agrotóxicos. Mas a luta ambientalista persiste. As abelhas existem há milhões de anos e não podem ser extintas. Elas integram um complexo sistema de sustentação da vida no planeta, que incorpora relações obrigatórias de dependência entre os elementos dos três reinos da natureza.

As abelhas são parte do todo, o grande organismo Terra. Isto faz lembrar os versos do poeta Gregório de Matos. "O todo sem a parte não é todo. A parte sem o todo não é parte. Mas se a parte o faz todo, sendo parte, não se diga que é parte, sendo todo." Esta verdade inclui o ser humano, ainda ignorante, que se diz autorizado por uma divindade a agir arbitrariamente sobre tudo o que existe. Pois vai suportar duras experiências até aprender a ser parte do todo universal, a coexistir em cooperação, a conviver em harmonia.

Pinato quer jornada de 30 horas para agentes comunitários

O deputado Fausto Pinato (PP-SP), foto, apresentou dois Projetos de Lei (PL), na Câmara dos Deputados. O PL 5312/16 tem a finalidade de diminuir a jornada de trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Combate às Endemias, em todo o país, para 30 (trinta) horas semanais.

O objetivo é atender um pedido desses profissionais, que desenvolvem suas atribuições muitas vezes sob as intempéries do tempo – como sol escaldante, chuva e frio —, o que justifica a alteração. Atualmente, a jornada de trabalho exigida é de 40 horas semanais.

"Sabemos que as duas categorias são responsáveis pelo controle de várias doenças nos municípios brasileiros e a alteração na jornada não acarretará prejuízos à eficiência e qualidade dos serviços prestados. Pelo contrário, a diminuição da jornada demonstrará o reconhecimento da importância das atividades profissionais prestadas sob condições muitas vezes desfavoráveis e trará qualidade de vida aos profissionais", afirma o deputado.

Já o PL 5311/16 acrescenta um parágrafo ao art. 105 da Lei nº 13.105, de 16 de março de 2015 – Código de Processo Civil –, para condicionar o levantamento, por advogado, de quantia depositada em juízo à intimação pessoal prévia de seu cliente.

O PL acrescenta que "ao advogado com poderes para receber e dar quitação é lícito o levantamento de quantia depositada em juízo em favor da parte que representa, desde que esta tenha sido pessoalmente intimada da realização do depósito e do valor a ser levantado e não se manifeste pela expedição de alvará em seu próprio nome em até 5 (cinco) dias úteis, contados da notificação".

"Esses poderes permitem que os advogados, comparecendo em juízo, retirem os valores depositados em favor do cliente, com a finalidade de entregar a ele. Considerando a liberdade contratual das partes e a morosidade da justiça, esses poderes garantem ao cliente maior comodidade, permitindo ao seu representante para o foro desincumbir-se de qualquer procedimento necessário para a promoção do andamento do processo, mesmo no que diz respeito à satisfação do crédito devido", explica Pinato.