Páginas

sábado, 24 de maio de 2014

TCE-SP decide pela procedência da representação contra licitação aberta pela Prefeitura de Jales em 2014

Foi publicado no Diário Oficial do Estado de sexta-feria, 22 de maio, o acórdão do Tribunal de Contas do Estado, sobre a representação contra de Edital do Pregão Presencial promovido pela Prefeitura de Jales neste exercicio de 2.014,para a aquisição de 17 itens de materiais de uso médico. O plenário decidiu pela procedência da representação. Veja A
abaixo a decisão do TCE-SP



A C Ó R D Ã O

TC–001239/989/14-8

REPRESENTAÇÃO: EXAME PRÉVIO DE EDITAL
Representante: SOQUIMICA LABORATÓRIOS LTDA - EPP.
Representada: PREFEITURA MUNICIPAL DE JALES.
Assunto: REPRESENTAÇÃO CONTRA O EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 03/2014, PROCESSO Nº 06/2014, DO TIPO MENOR PREÇO POR ITEM, PROMOVIDO PELA PREFEITURA MUNICIPAL DE JALES VISANDO A AQUISIÇÃO DE 17 (DEZESSETE) ITENS DE MATERIAIS DE USO MÉDICO, PROCEDIMENTAIS DE ENFERMAGEM, AMBULATORIAL, FRALDAS GERIÁTRICAS, INSUMOS PARA CONTROLE DE GLICEMIA CAPILAR A SEREM ENTREGUES DE FORMA PARCELADA DURANTE O EXERCÍCIO DE 2014.
Advogados: TIAGO GUEDES BORGES (OAB/SP Nº 325.457) e BENEDITO DIAS DA SILVA FILHO (OAB/SP Nº 238.948).

Procuradora de Contas: RENATA CONSTANTE CESTARI.

EMENTA: Exame Prévio de Edital. Requisição de método de leitura por amperometria na aquisição de fita com área reagente para verificação de glicemia capilar – Desarrazoada – Inexistência de justificativas econômicas ou técnicas, prévios estudos ou outras razões relevantes para justificar a opção pelo método amperométrico - A exigência obsta a apresentação de propostas de eventuais fornecedores de produtos que utilizem o biossensor fotométrico, com equivalência de qualidade e desempenho – Procedência – V.U.

 
Vistos, relatados e discutidos os autos.
ACORDA o E. Plenário do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, em sessão de 30 de abril de 2014, pelos votos dos Conselheiros Dimas Eduardo Ramalho, Relator, Antonio Roque Citadini, Robson Marinho, Cristiana de Castro Moraes e Sidney Estanislau Beraldo, bem como do Auditor Substituto de Conselheiro Márcio Martins de Camargo, em conformidade com o Relatório e Voto do Relator, bem assim das correspondentes notas taquigráficas, decidir pela PROCEDÊNCIA da representação, cessando, deste modo, os efeitos da medida liminar concedida pelo E. Plenário da Corte, em sessão de 19 de março de 2014. TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO medida liminar concedida pelo E. Plenário da Corte, em sessão de 19 de março de 2014. [2] medida liminar concedida pelo E. Plenário da Corte, em sessão de 19 de março de 2014. Presente na sessão o representante do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, Dr. Celso Augusto Matuck Feres Junior.
Ficam, desde já, autorizadas aos interessados vista e extração de cópia dos autos, no Cartório do Conselheiro Relator.

Publique-se.
São Paulo, 30 de abril de 2014.
EDGARD CAMARGO RODRIGUES
Presidente
DIMAS EDUARDO RAMALHO
Relator
 

Notas da FolhaGeral

Vão abrir
Uma passagem pela rua 24 para que o deficiente físico possa ter acesso aos aparelhos da academia ao ar livre instalada dentro da área do estádio municipal ou simplesmente eles vão entrar pelo portão principal na rua 17?
A prefeita
Nice foi a Brasília com uma comitiva para reforçar os pedidos de Jales, entre eles a construção de um novo aeroporto na cidade para atender a região. Nice aos poucos vai tentando trazer para Jales coisas que ficaram pendentes de administrações anteriores. O aeroporto é uma reivindicação antiga e, havia a oportunidade de, na administração anterior realizar essa conquista.
Com uma
caravana, Nice foi a Brasília, e recebeu do ministro Moreira Franco, da Secretaria da Aviação Civil da Presidência da República, a palavra de que havendo o terreno, o aeroporto é construido em Jales. Só que, a aquisição do terreno não será nada fácil para um prefeitura endividada. O preço de terreno no entorno da cidade vai lá em cima com esse anúncio. Mas tudo bem. Vale a tentativa. Jales não pode ficar perdendo espaço para as nossas vizinhas.
Se conseguir
a liberação dos dois pontilhões junto ao Governo Federal que é dado como certo e executar uns 100 mil metros quadrados de recape pela cidade, o silêncio oposicionista será inevitável.
Aliás,
falando em recape, Nice já poderia tê-lo feito, utilizando o dinheiro do IPVA que em 2103 e primeiros meses de 2014 foram repassados em torno de R$ 10 milhões aos cofres municipais.
Segundo
fontes ligadas ao setor de pavimentação asfáltica, o m2 gira em torno de R$ 22,00. Então, 100 mil quadrados ficaria em torno R$ 2,5 milhões. Pode até ser que a prefeita Nice guarde esse trunfo na manga do colete. Mas se demorar muito, o recape logo irá atingir toda a cidade.
E mais,
a publicidade que faz das realizações de seu governo nas emissoras que está acima da média de outras cidade do mesmo nível, imagine só com essas conquistas de vulto.
O governo
do Estado firmou nesta quinta-feira, 22 de maio, convênio para a construção cinco unidades de educação infantil na região de Jales. Os municípios da região que serão beneficiados são: Dirce Reis, Pontalinda, Rubineia, Santa Fé do Sul e Urânia. A ação faz parte do programa Creche Escola e nos investimentos estão incluindo obras e aquisição de mobiliário e outros equipamentos permanentes.
E nesta
quinta-feira, também foram liberados cerca de R$ 11 milhões para convênios entre Estados e prefeituras para adequação de prédios, compra de equipamentos e mobiliário de unidades escolares. Os repasses são resultados de 157 emendas enviadas por parlamentares e que, uma vez aprovados, são transformados em convênios. Quem levou levou, quem não levou não leva mais.
Os vereadores
Rivail Rodrigues Junior (PSB), Gilberto Alexandre de Moraes (DEM) e Jesus Martins Batista (DEM) comemoraram nesta semana a liberação de recursos oriundos de três emendas parlamentares no valor total de R$ 120 mil incluídos no orçamento do governo do estado por solicitação do deputado estadual Orlando Bolçone (PSB).
Desse total,
R$ 60 mil vão para a Santa Casa de Jales, R$ 30 mil Lar dos Velhinhos e os outros R$ 30 mil para a APAE.
No sábado,
7 de junho, as 20 horas, será inaugurada a nova sede da Casa Espírita Beneficente André Luiz/Casa da Sopa, na Rua Jose Antonio Adolpho n 104 Jardim Big Plaza. Vá participar, pois você terá ótimas surpresas

Semana Acadêmica do Curso de Enfermagem da ETE Jales












 
De 13 a 16 de maio realizou-se na Escola Técnica Dr. José Luiz Viana Coutinho - ETEC Jales, no auditório da Escola Dep. Oswaldo de Carvalho - DOC, a Semana Acadêmica do Curso Técnico de Enfermagem, A abertura solene foi realizada pela diretora Luzia Corsini Dejavite seguida pela coordenadora pedagógica Ana Maria Rodrigues que sempre apoiaram e estimularam a elaboração desta atividade compartilhando e agregando a socialização de novos conhecimentos à prática do cuidar em enfermagem.
Palestras educativas pela equipe do SAMU enfermeira Viviane e técnica enfermeira Marli. Enfermeria Vanessa Martins falou sobre HIV; Experiência de profissionais do Caminho do Cuidar; O enfermeiro Fábio, do Hospital do Câncer de Barretos - Unidade III Jales, abordou o tema Humanização no Cuidar. Os Técnicos de Enfermagem da primeira turma de formandos da Etec fizeram um relato de experiências, e no final, relato sobre a socialização de atividades realizadas pelos alunos,
Os três módulos do Curso Técnico de Enfermagem estiveram presentes, onde os alunos aproveitaram para enriquecer os conhecimentos teóricos de forma divertida compartilhando novas experiências.
Um coquetel com sorteio de brindes marcou o encerramento da Semana Acadêmica.
A equipe de educadores do Curso Técnico de Enfermagem agradece a presença dos palestrantes convidados, que muito contribuíram para o aprendizado de nossos alunos.


Comemorando nova idade

Marquim Abranti
Mussato

Fião
Neste mês estão comemorando aniversário os vereadores da Câmara Municipal de Urânia: Odair Bezerra Dias (Fião) neste sábado 24 de maio, Marcos Alexandre de Oliveira (Marquim Arantes) na terça-feira, 27 de maio e Donizeti Mussato na quarta-feira, 28 de maio. Além de familiares e amigos, os correligionários vão desejar a cada um deles: um feliz aniversário. 

Palestra no “Chico Xavier”

Carlos Baccelli, de Uberaba (MG), na segunda-feira, 2 de junho, às 20 horas, fará palestra na Associação Espírita "Chico Xavier", sito a Rua Goiás, 4.336, Jardim Paulista, em Jales.
Contamos com a sua presença

Convites para a 2ª edição do Concerto “Solidariedade, Saúde e Música” já estão à venda na Santa Casa de Jales

A Santa Casa de Jales já colocou à venda, através do setor de Captação de Recursos, os convites para a 2ª edição do Concerto "Solidariedade, Saúde e Música", que será realizado no dia 11 de julho, uma sexta-feira, às 20 horas, no Villa Rocca.
O Concerto terá regência do Maestro Edivaldo de Paula com aproximadamente 60 músicos e participações especiais de André Gandolfo, Banda BZYNSKI, Paulinho Viana, Isa Frassato, Elder Mansueli, Marcelo Zaia, Ismael Tonholi, Priscila Alli, Bê Lopes, Norma Valéria, Celso Brito e Rogério Leão com diversidade de estilos musicais.
Toda a estrutura para a realização, bem como as apresentações musicais não tiveram nenhum custo para a Santa Casa, sendo doadas no sentido de arrecadar recursos e colaborar para a manutenção da entidade. "Agradecemos a todos os parceiros que nos ajudaram. Essa também é uma maneira da Santa Casa agradecer a população que sempre foi solidária com nossa causa", disse o provedor José Pedro Venturini.
Haverá ainda participações especiais do Maestro Luis Fernando Paina, de Fernandópolis e Maestro Lucas Guimarães, de São Paulo.
A direção artística do evento é do Maestro Edvaldo de Paula, da Orquestra Sinfônica de Jales, principal atração da noite que atuará como "banda", tocando para todas as apresentações.
O valor do convite individual é de R$ 20,00. Nas compras acima de R$50,00 o valor poderá ser divido no cartão de crédito. Os ingressos são limitados.
Os presentes concorrerão ao sorteio de duas diárias para a Pousada do Rio Quente com direito a acompanhante. Os convites já estão à venda no setor de Captação de Recursos. Mais informações: (17) 3622-5002. O.B.S: Não será cobrado estacionamento.
 
 

Grupo Viva com Saúde, de Urânia


Melhorar a qualidade dos integrantes do grupo por meio de orientação, inserção de hábitos saudáveis, reeducação do padrão respiratório, fortalecimento muscular, alivio das dores, redução e controle da ansiedade, melhora da auto estima e socialização é o objetivo do da equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF-2 de Urânia, composta pela fisioterapeuta Márcia, psicólogo Manoel, nutricionista Carolina e a terapeuta ocupacional Naiara, que realizam dois encontro semanais – segundas e quartas-feiras – onde são aferido a pressão arterial antes e após os exercícios – aquecimento, alongamento, fortalecimento e relaxamento muscular – e uma vez por mês realizados o destro (teste de diabetes) em paciente hipertensos e diabéticos encaminhados pelos médicos das ESFs. No encerramento das atividades é servido o café da manhã.

Serviço Social abre o ciclo de semanas acadêmicas da Unijales



 
No dia 12 de maio, segunda-feira, o curso de Serviço social, coordenado pela professora Maria Aparecida Moreira Martins, deu início a palestras e debates com o tema "Políticas Públicas- Previdência, Suas e o Serviço Social. Neste dia a programação contou com a palestra "O Serviço Social na Previdência Social (INSS). Garantia de Acesso aos Direitos Sociais", ministrada pela palestrante Maria Marta Dias da Silva, Assistente Social, graduada na UNESP de Franca.
Na terça-feira, dia 13, das 19h às 22h30, os alunos participaram de uma Vivência Interativa com o tema "Eu e o outro- O processo de empatia", com o Professor e Psicólogo, Washington Pissuto.
No dia 14, os alunos do curso de Serviço Social puderam assistir a duas palestras. Gestão do SUAS no município de Jales, com a Assistente Social, Daniela Cristina Martins de Oliveira Nunes e a segunda palestra da noite com o tema O CRAS de Jales- estrutura, funcionamento e o trabalho do Assistente Social, que foi ministrada pela palestrante e debatedores, Nágila Ribeiro Soares, Nilcemara Veroneis Rossini e Patrícia Rozan Soares Beloto.
A programação seguiu no dia 15, quinta-feira com uma palestra e um debate sobre Gestão da Política de Assistência Social em municípios de pequeno porte, com a palestrante, professora Dra. Cecília Ketelhute Franco de Carvalho Ferreira. Em seguida, os alunos participaram de uma festa em comemoração ao Dia do Assistente Social.
Para encerrar a Semana Acadêmica, na tarde do dia 16, sexta-feira, os alunos fizeram uma visita institucional no Órgão Gestor e CRAS de Jales e a noite participaram do Café Filosófico, realizado na Câmara Municipal. Palestras, debates e reflexões com o tema Ética e Cidadania No Mundo Contemporâneo fecharam a programação da Semana Acadêmica. (Daniel Zílio)

Mulher: qual a sua função social?

Por Aline Cardoso e Fabiana Campos

"Mulher". Quando se vê ou ouve essa palavra neste século, pode-se associá-la rapidamente a "independência", ao contrário do que nos conta a história de séculos passados, quando as principais funções da mulher eram lidar com as "obrigações" domésticas e obedecer ao marido. O esposo era considerado o seu senhor e a principal razão de sua existência, cabendo a ela render-se às decisões dele. Sem direito a expressar-se e opinar, restava-lhe apenas o dever de obedecer e ser submissa a tudo.

Nessa trajetória de domínio masculino, encontramos, todavia, mulheres que conseguiram romper o estereótipo inscrito na sociedade patriarcal e machista do passado. Podem-se citar alguns exemplos, como a guerreira Joana D’Arc, que ajudou a França a vencer a Inglaterra na Guerra dos Cem Anos; a rainha Elizabeth I, que, mesmo contra a obsessão de seu pai Henrique III e a tradição de que o sucessor ao trono deveria ser um homem, honrou a Inglaterra e levantou a economia inglesa ao assumir o trono; e ainda Margareth Thatcher, a famosa "Dama de Ferro", que foi a primeira mulher a assumir o cargo de primeira-ministra da Grã-Bretanha, permanecendo no cargo por onze anos, até o fim da Guerra Fria.

Considerando tais personalidades femininas, entre outras, pode-se deduzir que a mulher sempre teve a capacidade de exercer cargos na sociedade, transcendendo o que sempre lhe fora imposto ao longo dos séculos: "A virgem prendada que deve arrumar um marido, para posteriormente dar à luz um filho homem e esperar pela sua morte enquanto limpa sua casa".

Com a busca de um lugar na sociedade, as mulheres passaram a desempenhar papéis fundamentais para o avanço social nas mais distintas áreas de atuação, como no ramo da tecnologia, política, negócios, entretenimento, entre outros, mostrando-se pioneiras na capacidade de liderar e inovar. Nesse quesito, tem merecido relevo Ângela Merkel, considerada, neste ano, pela revista Forbes, a quinta pessoa mais poderosa do mundo no ano vigente pela revista Forbes. É bastante significativo o fato de a chanceler alemã estar entre homens bem-sucedidos e poderosos, como, por exemplo, Vladimir Putin, presidente da Rússia, que lidera o elenco, seguido por Barak Obama, presidente dos Estados Unidos. Espaço conquistado com competência e luta.

Nesse contexto, há, no entanto, quem questione: Como ficam o lar e a família? Qual é, hoje, o papel social feminino? É possível responder a tais questões com base nas evidências empíricas. Por um lado, os atuais acontecimentos têm concorrido para cristalizar uma imagem feminista da mulher como dona de si, como autossuficiente, que pode até se dar o luxo de menosprezar a presença da figura masculina ao seu lado. Por outro, esse novo sujeito independente tem sido acusado de desconstruir a representação de família como a principal instituição da sociedade, como célula que deve ser estruturada para que as crianças venham a ser membros produtivos para a sociedade futura.

Entendemos que, ao contrário daquilo que machistas e feministas insistem em pôr em confronto, a "nova" mulher que nasceu e cresceu na sociedade pós-moderna é uma atora social – não uma atriz que desempenha papéis ou "veste" máscaras – que tem o direito de escolha. Ela pode escolher ser esposa e mãe, presente e responsável por sua família, em parceria com o esposo, no que diz respeito à administração familiar, ou suprir suas necessidades particulares e preservar sua independência, especializando-se profissionalmente, ocupando vagas em universidades e no mercado de trabalho. Pesquisas têm demonstrado que a presença da mulher no mercado de trabalho concorre para a melhoria da mão de obra profissional, tendo em vista que a mulher possui uma visão diferenciada no que diz respeito a preocupações subjetivas e relações interpessoais, o que permite uma maior interação de ideias e, consequentemente, a criação de tecnologias e métodos para inovação. Acrescente-se que há uma terceira opção possível para o gênero feminino: acumular as duas funções, sem que uma prejudique a eficiência e a eficácia da outra.

Em face de suas possibilidades de atuação social, conclui-se que a mulher é um membro significativo para a sociedade. Tanto a participação na gestão familiar quanto a atuação como profissional são de grande relevância no atual cenário global. Em suma, a mulher pode ser o que ela quiser. Isso dependerá de sua escolha e de seu esforço, pois já foi provado que aptidão para isso ela tem, como se pode observar pelos exemplos citados, bem como outros casos que existem de guerreiras anônimas, mulheres "comuns", da luta do dia a dia. O papel social da mulher é ser mãe, esposa, presidente, advogada, professora, ou mesmo uma aluna da vida que, acima de tudo, visa melhorar o mundo ao seu redor, alcançando também seus sonhos, seus objetivos e metas pessoais.

*Aline Cardoso Batista: Acadêmica do Curso de Direito da UFMS-Câmpus de Três Lagoas (MS) e-mail: alinecardoso.contato@gmail.com

*Fabiana dos Santos Pereira Campos: Administradora e Professora do Curso de Administração da UFMS – Câmpus de Três Lagoas (MS). e-mail: pereirafabi.ufms@gmail.com

Sarau da Poesia em Vitória Brasil revela novos talentos







 
Na terça-feira, 20 de maio, à noite, na E.E José Nogueira de Souza, foi realizado o Sarau da Poesia que contou com a presença da equipe de gestão, professores, funcionários, pais, alunos supervisora da escola Adriana Campos, PCNPs Virgínia e Tamar, o técnico analista sócio cultural João Paulo, da Diretoria de Ensino – Região de Jales, autoridades e representantes do comércio local, Polícias Civil e Militar, Conselho Tutelar e comunidade.
A noite começou com apresentação e divulgação do livro da aluna do 7º ano Eilza Rosa da Silva, que foi o destaque do Sarau, e teve sua 1ª Noite de Autógrafos.
Segundo os organizadores, um dos objetivos do Sarau de Poesia é revelar novos talentos que surgem durante o ano letivo e uma dessas revelações foi a aluna do 6º ano Camilly Bortoletto que interpretou a música "Rolling in the deep" da cantora Adele, sucesso absoluto, na sequência mais duas alunas também foram destaque na interpretação: a aluna Rafaela Bilé da 3ª série do ensino médio que interpretou a música " Na sua Estante" da compositora Pity foi uma grande revelação, e a aluna do 7º ano Eliandra Viana Correa de Souza que interpretou a música "Aquarela " dos compositores Toquinho e Vinícius de Moraes, outro talento. E todos acompanhados ao violão pelo também talentoso professor Nelson Macário.
Também foi destaque o aluno do 7º ano Vinícius Candido de Souza, que através do incentivo da professora de história Lucinéia Sentinello compôs o lindo poema" A copa não é só futebol" que foi declamado lindamente pela aluna Mariane Nicoletti da 7ª série. Outro grande exemplo de valorização e incentivo foi a homenagem feita pela diretora da escola Vera Lúcia Calvoso Paulon aos alunos concluintes da 3ª série do ensino médio do ano de 2.013, que conseguiram superar o índice da escola, mais de 120% da meta estabelecida pela SEE sobre o SARESP. Todos receberam um certificado de Honra ao Mérito ofertados pela mão do vice prefeito João Oscar de Carvalho, supervisora Adriana Campos e diretora da escola.
O evento foi organizado pela professora Fernanda Marques responsável pela sala de leitura Carlos Drummond de Andrade e professor Nelson Macário, alunos ,professores e funcionários assumiram a decoração, som e imagens, e a condução feita em uma bela parceria pela vice diretora da escola da família Ângela Cristina Veroneis Sentinello e Fernanda Marques. O evento contou com aproximadamente 200 pessoas.

EDITAIS DE PROCLAMAS

Ademir de Mattis, Oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas da Sede da Comarca de Jales, Estado de São Paulo. FAZ SABER que pretendem casar-se e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1.525 do Código Civil Brasileiro.

ANTONIO MARCOS MIGUELÃO e REGINA LÚCIA MATOS. ELE, natural de Guzolândia, deste Estado, nascido aos 25 de março de 1.966, funcionário público municipal, divorciado, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de José Alves Miguelão e de Judite de Mattos Miguelão. ELA, natural de Araçatuba, deste Estado, nascida aos 17 de agosto de 1.969, representante comercial, divorciada, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Mário Ribeiro Matos e de Anna Maria Garcia Matos.

ISMAEL MARQUES PEREIRA e IZADORA PIRES FERREIRA. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 22 de janeiro de 1.973, motorista, divorciado, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Gentil Antônio Pereira e de Eva Marques da Silva Pereira. ELA, natural de Campinas, deste Estado, nascida aos 30 de dezembro de 1.975, técnico em enfermagem, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Isidoro Lopes Ferreira e de Judi Pires Ferreira.

YAGO CARLOS ORLANDO e TÂMIRES FERNANDA BARBOSA. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 09 de fevereiro de 1.993, instalador de peças para automoveis, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Ademir Orlando e de Alaide Aparecida Correntino. ELA, natural de Rio Claro, deste Estado, nascida aos 07 de fevereiro de 1.994, vendedora, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Marcos Antonio Barbosa e de Maria Cristina Barbosa.

VERGILIO FONTENELE e GRAZIELA SANTOS SILVA. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 04 de setembro de 1.983, vendedor, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Manoel Anesio Fontenele e de Tereza Silva Fontenele. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 27 de maio de 1.994, do lar, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Valdemar Jacinto da Silva e de Marilene Aparecida dos Santos.

SIMPLICIANO CORREA DE GODOY e EDNA BATISTA FLORES. ELE, natural de Monte Aprazível, deste Estado, nascido aos 30 de março de 1.934, aposentado, viúvo, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Vitalino Correa de Godoy e de Abilia Barbosa Silva. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 29 de setembro de 1.979, do lar, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Wilson da Silva Flores e de Ivone Batista de Souza.

SE ALGUÉM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. LAVRO OS PRESENTES PARA SEREM AFIXADOS NO REGISTRO CIVIL E PUBLICADOS NA FOLHA NOROESTE, NESTA CIDADE DE JALES.

Ademir de Mattis - Oficial


“Dia do Esquenta” em Vitória Brasil arrecada 1.800 peças de agasalhos

A E. E José Nogueira de Souza/Programa Escola da Família, de Vitória Brasil, realizou no domingo, 18 maio, as 10 horas, o "Dia do Esquenta", uma mobilização em prol a Campanha do Agasalho, quando os universitários do PEF contaram com o apoio da Polícia Militar para a arrecadação de agasalhos junto à comunidade. A escola disponibilizou um lugar reservado para que as pessoas pudessem fazer suas doações. Foram arrecadas 1.800 peças e 45 pares de calçados, que serão repassadas para o Fundo Social de Solidariedade – FSS de Vitória Brasil.

Sonhar ainda é preciso

*Flávio Carvalho

Na primeira infância sonhamos que nossos pais são perfeitos. O nosso pai como sendo um super-homem, nossa mãe a mulher ideal. Mas com o passar dos anos constatamos que nossos pais não são perfeitos, são como nós, mentem, sentem dores, choram, são fracos e erram. Nossa primeira desilusão. Sem contarmos com aquela desilusão que sofremos ao nascer, saímos de um lugar seguro que é o útero, para um mundo cheio de atribulações.
Depois sonhamos em ser bombeiros, médicos, policiais, para assim salvar o mundo, curar as pessoas. Mais uma vez nos desiludirmos. Basta ver as condições em que se encontram nossos, médicos, policiais e bombeiros.
Depois, quem consegue entrar numa faculdade, ou que pode pagar uma faculdade particular. Sonha em se formar e ganhar muito dinheiro, ser rico. Aquele primeiro sonho de salvar, curar as pessoas já foi abandonado. O sonho agora é o de enriquecer. Mais uma vez nos decepcionamos. Ser formado hoje em dia não é garantia nem de ganhar o mínimo necessário, que o digam, nossos amigos advogados, dentistas, engenheiros, psicólogos….
Sonhamos em encontrar nossa alma gêmea, nos casarmos e vivermos felizes para sempre. Hoje, muitos são os que defendem ser o casamento uma instituição falida. Dizer o "sim" não é mais garantia de que apenas a morte nos separará.
Depois sonhamos com os filhos. Será menino? Será uma menina? As estatísticas nos comprova que está cada vez mais difícil a mulher engravidar, ou seja, cada vez mais o casal têm que buscar ajuda da medicina para engravidarem. E aqueles que conseguem, sonham em dar um futuro melhor do que tiveram para os seus filhos. Inglês, espanhol, violão, piano, ballet, computação, colégio particular, um bom cursinho e a faculdade. Cada vez está mais difícil este sonho. Mais uma desilusão, temos que cortar o máximo disso tudo e fazermos uma poupança de muitos anos se quisermos mandar nossos filhos para uma faculdade de terceira.
Muitos sonham com a formatura dos filhos, outros tantos já abandonaram este sonho. Muitos outros estão sonhando com os netos. Acreditam que vão poder dar para os netos o que não conseguiram dar para os filhos. E por trás a culpa movendo todos estes sentimentos, ou sonhos.
Muitos estão sonhando com a aposentadoria, para poderem afinal descansarem. Mas muitos terão que continuar trabalhando até a morte, pois o aposentado no Brasil mal consegue se manter vivo.
Os que conseguiram realizar os seus sonhos, assim fizeram porque acreditaram neles, não desistiram jamais de sonhar. Muitos são os que estão conseguindo. E o grande segredo ? Continuar a sonhar, sonhar sempre. Acreditar nos sonhos. Todos os bem sucedidos, assim foram por acreditarem em seus sonhos.
Acreditar desesperadamente nos sonhos. Sonhar é sinônimo de vida e, dependendo do sonho, ela pode vir a ser muito boa. Não deixe seu sonho se transformar num pesadelo.
Sonhar ainda é preciso.


*Flávio Rodrigo Masson Carvalho-equilibriumtc@hotmail.com

Grávidas aderem menos a vacinação contra gripe

Balanço da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo aponta que a adesão das gestantes à vacinação contra gripe é a menor até o momento entre os públicos-alvo da campanha. Desde 22 de abril foram imunizadas 229,9 mil grávidas, o que representa cobertura proporcional de 50,25% do grupo no Estado.
A meta é imunizar 9,2 milhões de paulistas, o que representa 80% do público-alvo da campanha de vacinação contra a gripe. Até o momento, o Estado de São Paulo vacinou 6,9 milhões de pessoas, com índice de 58,8% de cobertura. Por isso, a pasta indica, aos municípios paulistas, a prorrogação da campanha até o dia 30 de maio.
Na sequência da baixa adesão estão os profissionais da saúde, com 571,8 mil doses aplicadas e 53,67% da cobertura, as crianças entre seis meses e cinco anos de idade (1,6 milhões de doses aplicadas e cobertura de 63,82%) e os idosos (3,2 milhões de doses aplicadas e cobertura de 67,58%).
Os grupos formados pelas puérperas (até 45 dias após o parto) e pelos indígenas atingiram a taxa de 80% de cobertura vacinal. Os pacientes crônicos não participam desse índice de cobertura.
Devem receber a vacina os idosos com 60 anos ou mais, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), crianças entre seis meses e menos de cinco anos de idade, indígenas, pacientes diagnosticados com doenças crônicas e profissionais de saúde do Estado.
Além de imunizar a população contra a gripe A H1N1, tipo que se disseminou pelo mundo na pandemia de 2009, a campanha também irá proteger a população contra outros dois tipos do vírus influenza: influenza A H3N2 e B.
A novidade para a campanha em 2014 é o aumento da faixa etária abrangida entre a população infantil. Até o ano passado, a vacinação incluía crianças entre seis meses e menos de dois anos. Nesse ano, a faixa etária aumentou para crianças entre seis meses e menos de cinco anos.
A campanha mobiliza 37,3 mil profissionais da saúde, estaduais e municipais. A estrutura da vacinação ainda inclui 3 mil veículos, 21 ônibus e quatro barcos.
"É importante reforçar que a vacina é distribuída gratuitamente em qualquer posto de vacinação. Vale esclarecer também que a vacina não provoca, de maneira nenhuma, gripe em quem tomar a dose, pois é feita de pequenos fragmentos do vírus que são incapazes de causar qualquer infecção", afirma Helena Sato, diretora de Imunização da Secretaria.

Vereador Tiquinho participa do lançamento da pré-candidatura de Aécio Neves à presidência da República em São Paulo

 
Tiquinho com o pré-candidato à presidência senador
 Aécio Neves e com o governador Geraldo Alckmin

 
Na sexta-feira, 16 de maio, o vereador jalesense Nivaldo Batista de Oliveira, o Tiquinho, marcou presença no lançamento da pré-candidatura do senador Aécio Neves à presidência da República .
O evento ocorreu no salão nobre do Hotel Transamérica, na capital paulista, onde também houve por parte do DEM o apoio ao nome do atual governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, para a sua reeleição.
Tiquinho explicou que o encontro na capital paulista foi respaldado por todos os Democratas do estado de São Paulo, oportunidade em que o vereador jalesense demonstrou aos pré-candidatos seu apoio em sua base, o qual foi muito bem recebido.
Tiquinho aproveitou o encontro com as lideranças estaduais e federais para agradecer o apoio aos seus pedidos feitos junto aos deputados e frisou que "é sempre com humildade e honestidade que aos poucos vou conseguindo recursos para Jales".
O evento em São Paulo só foi possível, segundo Tiquinho, graças ao empenho e organização do vereador paulistano Milton Leite , do deputado estadual Milton Leite Filho e do federal Alexandre Leite, todos do DEM.

PALAVRAS DE CHICO XAVIER

Pergunta – Existem pessoas que têm acorrido à todos os recursos terrenos e espirituais na espera de uma cura para sua enfermidade, que não tendo resolvido seu problema, acabam chegando à descrença. Mesmo sem fé, muitas vezes ainda procuram o senhor como um recurso. Essas pessoas, podem chegar a receber uma cura?
Chico Xavier – Acredito que, se a pessoa está no merecimento natural da cura, tenha ela fé, ou não tenha fé, a misericórdia divina permite que essa criatura encontre a restauração de suas forças.
Isso em qualquer lugar, em qualquer religião, ou em qualquer tempo; agora, os Espíritos nos aconselham um espírito de aceitação. Primeiramente em qualquer caso de doença que possa ocorrer em nós, em nosso mundo orgânico. O espírito de aceitação, torna mais fácil para o médico deste mundo ou para os benfeitores espirituais do outro, atuarem em nosso favor.
Agora, a nossa aflição ou a nossa inquietação, apenas perturbam os médicos neste mundo e no outro, dificultando a cura. E podemos ainda acrescentar: que muitas vezes temos conosco determinados tipos de moléstias, que nós mesmos pedimos, antes da nossa reencarnação, para que nossos impulsos negativos ou destrutivos sejam treinados. Muitas frustrações que sofremos neste mundo são pedidas por nós mesmos, para que não venhamos a cair em faltas mais graves do que aquelas que já caímos em outras vidas. Mas, como estamos num regime de esquecimento - como uma pessoa anestesiada para sofrer uma operação - então nos demandamos em rebeldia, em aflição desnecessária, exigindo uma cura, que se tivermos, será para a nossa ruína. Não para o nosso benefício.


Esta coluna tem o patrocínio e responsabilidade da "Associação Espírita "Chico Xavier" de Jales.


Os falsos “técnicos” de informática


Por Flávio Mergulhão
Aconteceu de novo: um cliente estava com problemas em um notebook, que não acessava a rede cabeada. O prestador que se dizia “técnico” em informática arriscou o diagnóstico: problemas na placa mãe. Para resolver, o sugeriu a troca da placa, que ficaria em aproximadamente R$ 500,00 ou a compra de um notebook novo, algo em torno de R$ 1.500,00.
Quando um técnico de verdade pediu para avaliar o note, descobriu que o conector do cabo de rede estava levemente amassado. Com um clips de papel e cinco minutos depois, ele foi desentortado e o notebook voltou a funcionar.

Esse tipo de “diagnóstico” é mais comum do que se pensa. Principalmente porque os que se dizem “técnicos”, muitas vezes estão fazendo “bico” e não entendem muito mais do que o usuário. Para resolver problemas em informática, o técnico deve entender os conceitos de hardware, rede e sistemas operacionais.
Acontece que quando o técnico absorve esses conhecimentos, as médias e grandes empresas acabam por contratá-lo. Isso faz com que as pequenas e médias fiquem sempre a mercê de um mercado marginal, quase que dependentes desses “técnicos”.
É muito comum os que se dizem “técnicos” ao se depararem com um problema, sugerirem a compra de um equipamento novo ao invés de investigar o que realmente aconteceu. Por que? Porque assim dá menos trabalho e eu “resolvo” o problema do cliente sem precisar pensar. E quem paga o pato, ou melhor o reparo? Nós, os brasileiros já acostumados a pagar as contas da “falta de vontade” dos prestadores de serviços.
Tome cuidado ao contratar um suporte por R$ 50,00 ou R$ 100,00 de um prestador “que se diz técnico” ao invés de contratar uma consultoria. Você pode estar achando que está fazendo um bom negócio. Tenha certeza que se o negócio é bom para você, é melhor ainda para esse “técnico”, pois a falta de conhecimento dele, o levará a gastar muito mais...
Existe solução? Sim, existe! Ao contratar, verifique o conhecimento técnico do prestador de serviços, avaliando suas experiências anteriores, formação e cursos realizados. Fuja daqueles que tem experiência doméstica ou dos que tem conhecimentos limitados, como por exemplo conhece hardware, mas não conhece redes. Ainda existem empresas sérias que trabalham alinhadas com o cliente, fazendo com que a informática passe de um “custo” para um “investimento”. Felizmente!
Flávio Mergulhão é formado em administração de empresas com ênfase em análise de sistema e especialista na área de tecnologia. Trabalhou na Microsoft e em diversas empresas, criando, implementando e gerenciando TI. Ele é um apaixonado pela tecnologia e empreendedorismo, por isso mantém seu foco e experiência para ajudar as PMEs carentes de gestão de TI de nível profissional

Semana da Enfermagem da Santa Casa têm palestra, treinamento e





O setor de Enfermagem da Santa Casa de Jales realizou na última segunda-feira, dia 12 de maio, um evento especial em comemoração a Semana da Enfermagem.

Quem passava em frente ao hospital pode conferir as tendas armadas para atendimento ao público com serviços de aferição de pressão arterial, testes de glicemia (diabetes) e ainda a aplicação da vacina contra gripe nas pessoas que integram os grupos de risco.
De acordo com a responsável técnica, enfermeira Ana Lúcia da Silva, o resultado foi positivo e atingiu as expectativas. “Tivemos um grande público atendido principalmente no período da manhã. A equipe se preocupou em prestar orientações a todos que passavam pelo local”, disse.
Para o provedor José Pedro Venturini, esta também é uma maneira de retribuir a população todo apoio recebido nas promoções, eventos e doações feitas para a Santa Casa. “O hospital é da comunidade que sempre foi solidária conosco. Obrigado a todos que sempre estiveram dispostos a colaborar. Temos enorme prazer em retribuir prestando o melhor atendimento possível”.
SEMANA DA ENFERMAGEM
Integrando as ações que fizeram parte da Semana da Enfermagem, uma equipe de saúde esteve no hospital aplicando as vacinas contra gripe nos funcionários que integram o grupo considerado de “risco” (devido contato com pacientes).
A equipe de enfermagem do hospital também deu início na quarta-feira a uma série de treinamentos de atualização e capacitação ministrados pela enfermeira chefe, Ana Lúcia. Além disso, a Santa Casa foi presenteada com uma palestra motivacional dedicada aos profissionais da saúde sob o comando do administrador, professor e diretor da Revista Interativa de Jales, Marcos Silvério.
Os colaboradores que participaram das atividades concorreram ainda ao sorteio de brindes doados pelo comércio de Jales, parceiro nos eventos promovidos pela entidade.
A Santa Casa agradece o apoio do Corpo Clínico, comércio de Jales, estagiários do IEP, Doutores Datrapalhada, voluntários, funcionários, profissionais da saúde do município, professor Marcos Silvério e de todos que colaboraram para o sucesso da Semana da Enfermagem.



59ª Festa do Peão de Barretos divulga programação musical


Axé, pop e funk também têm espaço nos palcos do maior evento do gênero na América Latina. Programação esportiva terá as finais dos principais campeonatos do país e o Barretos International Rodeo A música sertaneja é a principal atração dentro da programação musical da 59ª Festa do Peão de Barretos, que acontece de 21 a 31 de agosto, no Parque do Peão em Barretos/SP (429 km da capital paulista). Mas também não faltará espaço para outros gêneros neste ano como axé, pop e funk de acordo com a grade divulgada por Os Independentes, associação realizadora do evento, para o palco principal da Festa.
Abrindo a programação Trio do Brasil, Zé Ricardo & Thiago e Pedro Paulo & Alex fazem show no palco de Estádio de Rodeios, na quinta-feira, dia 21.  O novo sertanejo é a estrela da noite de 22 de agosto, sexta-feira, com Lucas Lucco, Henrique & Juliano e João Neto & Frederico. O axé ganha espaço com o grupo revelação deste ano do Carnaval baiano: Psirico. Sábado, dia 23, será a noite da mistura de ritmos. São seis artistas com perfis musicais diferentes para agradar todo o público: Cristiano Araújo, Bruno & Marrone, Munhoz & Mariano, Anitta, Bell Marques e Jammil e Uma Noites. No domingo, dia 24, acontecerá o show em prol ao Hospital de Câncer de Barretos. As atrações devem ser divulgadas em breve de acordo com a organização. 
O Estádio de Rodeios fica destinado exclusivamente para as disputas esportivas na segunda, 25, e terça-feira, 26, voltando a receber shows na quarta-feira, dia 28, com Zé Henrique & Gabriel e Latino. Fernando & Sorocaba, Thaeme & Thiago e Marcos & Belutti são as grandes atrações da quinta-feira, 28.
Sexta-feira, dia 29, tem Luan Santana, Victor & Léo e César Menotti & Fabiano. Uma noite de clássicos sertanejos espera o público no sábado, 30: Chitãozinho & Xororó, Milionário & José Rico e Rio Negro & Solimões, além de uma apresentação solo do cantor Edson.
“Novidades ainda serão anunciadas a respeito dos shows já anunciados, além da programação dos vários outros palcos da Festa”, explica Jeronimo Luiz Muzetti, presidente de Os Independentes. O evento conta ainda com os palcos Esplanada, Berrantão e Raízes Sertanejas.
Luan Santana está entre os destaques das atrações do palco do Estádio de Rodeios. (Foto Divulgação) 
Rodeio
A programação esportiva da 59ª Festa do Peão de Barretos também já está definida. Os dois principais campeonatos do país realizarão suas finais no evento.
As montarias em touro da final da PBR Brasil (Professional Bull Riders) acontecerão no primeiro final de semana da Festa, entre os dias 21 e 24 de agosto. Ainda no primeiro final de semana da Festa haverá uma semi-final da modalidade Team Penning.
Entre os dias 25 e 27 de agosto a maior arena do país será palco das finais do campeonato promovido pela Liga Nacional de Rodeio. Os melhores classificados nas três noites de disputas participam da grande final da LNR no sábado dia 30. 
Já o segundo final de semana, de 28 a 31 de agosto, é reservado para a 22ª edição do Barretos International Rodeo. São 6 modalidades  - montarias em touro, cutiano, bareback, sela americana, team penning e três tambores - com os principais competidores do mundo.

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Edinho debate projeto de doenças raras com secretário de Saúde do estado




O deputado estadual Edinho Silva se reuniu, na manhã de quarta-feira, 21 de maio, com o secretário estadual de Saúde, David Uip, na sede da Secretaria estadual de Saúde. O parlamentar dialogou com o secretário sobre várias questões relacionadas à saúde no estado de São Paulo, especialmente sobre o atendimento à pessoas com doenças raras.
Edinho solicitou a reunião para falar com o secretário sobre o Projeto de Lei 648/2011, vetado pelo governador Geraldo Alckmin, que institui uma política de acolhimento para pessoas com doenças raras. Na ocasião, o secretário informou ao deputado que, dentro de 20 dias, o governo do estado deve lançar o programa estadual de atendimento de doenças raras.
Para Edinho, o programa é uma grande conquista, principalmente das instituições que lutavam pelo atendimento no estado e agradeceu o empenho do secretário. "Nunca abrimos mão dessa luta. Sempre com o apoio das entidades que lutam pelo atendimento das raras, continuamos pautando a necessidade da rede de atendimento e parabenizo a todos e todas que travaram essa luta conosco. Agradeço também ao secretário David Uip, que demonstrou sensibilidade ao tema", ressaltou o deputado.
No início deste mês, durante reunião da Comissão de Saúde na Assembleia, a diretora do Instituto Baresi, Adriana Dias, fez uma intervenção para falar sobre os problemas enfrentados por portadores de doenças raras. Adriana fez um apelo para que o veto ao projeto de autoria do deputado Edinho fosse revisto. Além de Adriana, o presidente do Instituto Baresi, Marcelo Higa e o diretor do Instituto, Hugo Nascimento, também participaram da reunião da Comissão.
O Projeto de Edinho, apresentado na Assembleia Legislativa, aprovado por unanimidade e posteriormente vetado pelo governador, defende Centros de Referência Regionais para atendimento da população, ancorados às universidades e instituições acadêmicas.
De acordo com o parlamentar, é importante garantir o acolhimento e o tratamento adequado às pessoas com doenças raras, por meio de Centros de Referência Especializados. “O mais importante é o diagnóstico. Os Centros teriam esse papel, de fazer o diagnóstico, um acolhimento precoce, além de ter tratamentos especializados e pesquisas na área”, frisou o parlamentar. Atualmente, segundo estimativas do Instituto Baresi, que trabalha com o tema no Brasil, as doenças raras afetam a vida de pelo menos 2,5 milhões de paulistas.
De acordo com o Projeto de Lei, os Centros de Referência, devidamente cadastrados no SUS (Sistema Único de Saúde), devem ter como objetivo a prestação de assistência médica, de reabilitação e farmacêutica. Além disso, deve ser de responsabilidade da unidade o diagnóstico e o mapeamento das doenças raras, servindo inclusive como um centro de pesquisa, ensino e extensão, entre outras atribuições. A proposta é que o Centro disponha de médicos especializados em ortopedia, endocrinologia, reumatologia, pediatria, neurologia, clínica médica e genética, além de uma equipe multidisciplinar de apoio.
Edinho lembrou ainda que, paralelamente ao projeto apresentado na Assembleia Legislativa, apresentou a mesma proposta ao então ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que criou uma comissão de trabalho para discutir o assunto. Hoje existe uma portaria e foi instituída a Política Nacional de Atenção Integral às Pessoas com Doenças Raras.
Projeto
De acordo com Edinho, o Projeto de Lei foi elaborado a partir de um Núcleo de Diálogo formado pela assessoria do mandato, pessoas com doenças raras, profissionais da área, membros de institutos ou entidades representativas.
Foi realizada, no período de elaboração, na Assembleia, uma Audiência Pública sobre a Osteogenesis Imperfecta (OI), doença conhecida como “Ossos de Cristal” e, a partir daí, deu início ao processo de diálogo que culminou no projeto.
Na avaliação do deputado, o diagnóstico e o tratamento são dificultados pela falta de conhecimento sobre estas doenças e de protocolos de atendimento específicos. Faltam, ainda, profissionais especializados e isso leva ao agravamento de sintomas e sequelas. “É dever do poder público intervir garantindo uma vida mais digna a essas pessoas e seus familiares”, explicou o deputado. O diagnóstico tardio leva a consequências graves, como tratamento médico inadequado, incluindo cirurgias e dano neurológico grave a 40% dos pacientes. Além disso, muitas vezes ou o paciente ou algum dos seus familiares deve cessar a sua atividade profissional por causa da doença.
São mais de cinco mil doenças raras identificadas. A grande maioria é de origem genética (80%), mas doenças degenerativas, autoimunes, infecciosas e oncológicas também podem originá-las. As doenças raras são, geralmente, crônicas, degenerativas incapacitantes e até mesmo fatais. Dados internacionais apontam que a mortalidade infantil de portadores de doenças raras chega a 30% em países desenvolvidos. Este percentual pode ser ainda mais alto no Brasil, uma vez que estas crianças não recebem o tratamento adequado, devido ao diagnóstico tardio.
Segundo Edinho, a criação de Centros de Referência vai ao encontro das disposições da própria Convenção sobre os direitos das pessoas com deficiência, sendo considerada a melhor forma de tratar as doenças raras.


Contemplados da campanha Saúde que dá Prêmio são da Zona Norte de Votuporanga





Moradores da Zona Norte de Votuporanga foram os contemplados da campanha Saúde que dá Prêmio, do mês de maio. A campanha sorteia notebooks e bicicletas todos os meses e para concorrer a esses prêmios, basta contribuir por meio da conta de água e ter a chance de ser contemplado, assim como Sebastião de Castro, Ivani Topasso e Mirlene Castrequini.
 Sebastião de Castro, da rua Rio Solimões, foi quem levou o prêmio principal neste sorteio, um notebook. Já as vizinhas Ivani Topasso e Mirlene Castrequini, ganharam uma bicicleta cada. O sorteio de maio será exibido neste sábado, dia 24, após o programa Revista da Semana, na TV Unifev, canal 55, às 13h30.
 O ganhador principal contribui há anos com a campanha e não escondeu a alegria ao receber o prêmio. “Fico feliz de ganhar e de saber que estou colaborando com a saúde. Todos nós devemos fazer a nossa parte e ajudar da forma que puder e tornar a nossa saúde cada vez mais evoluída.”
 Ivani compartilha a mesma ideia de Sebastião e também incentiva a contribuição da comunidade. “Se cada um ajudasse um pouco tenho certeza que isso contribuiria ainda mais com a nossa Santa Casa e os serviços que disponibiliza ao SUS. O Hospital salva vida e precisa de nosso apoio.”
 Para Mirlene, participar da campanha é a forma que vê para auxiliar os trabalhos da Instituição. “Quero continuar participando e fazendo o meu papel como cidadã. Cada um deveria contribuir como pode e juntos lutar em prol da Santa Casa.”
 “Saúde que da Prêmio”
A campanha é realizada pelo Hospital e conta com a parceria da Saev Ambiental e da TV Unifev. Para contribuir, basta registrar pelo 0800 770 19 50 (Saev Ambiental) o endereço da residência e indicar o valor que desejar, a partir de R$ 3,00. A campanha conta com o trabalho voluntário de Walter Costa, Luiz Augusto Vale e José Breviglieri, que visitam empresas e indústrias, distribuindo as autorizações para doação e conversando com os proprietários para que estimulem os funcionários a colaborarem.
 A Instituição tem a campanha Saúde que dá Prêmio como uma das principais formas da população contribuir para a manutenção dos atendimentos, já que cerca de 70% deles são prestados aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), o que gera um déficit financeiro em razão da defasagem dos procedimentos pagos pela Tabela.