Páginas

sábado, 16 de novembro de 2013

Curso de orquídea para moradores de Urânia

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Senar-SP, através do Sindicato Rural de Jales, realiza este mês o curso sobre os cuidados para o cultivo da orquídea nos municípios de Urânia e Aspásia. O curso é totalmente gratuito e direcionado para o treinamento do trabalhador no cultivo de plantas ornamentais.
Em Urânia, o curso será ministrado de 20 a 23 de novembro e em Aspásia, de 25 a 28 de novembro, sendo os dois sob a instrução do professor Januário da Cunha Mello Neto.
Entre outras coisas, os produtores e trabalhadores rurais participantes poderão aprender durante as aulas sobre a classificação e nomenclatura das plantas, fertilização, substratos, tratamento fitossanitário, propagação da cultura, além de formas de embalagens e comercialização das orquídeas.
De acordo com a coordenadora do Senar, Lidiane Serra, as aulas são úteis tanto para quem cuida das espécies em casa, com a manutenção de estufas e orquidários, quanto para os interessados na comercialização da mesma.
Para participar, o interessado deve ter no mínimo 16 anos e já ter cursado a 4ª série do 1º grau.

Polícia Federal e Polícia Militar Ambiental realizam fiscalização conjunta no Rio Grande





No decorrer do dia e da noite da quarta-feira, 13 de novembro, policiais federais e ambientais de Jales, realizaram fiscalização conjunta no rio Grande, que divide os estados de São Paulo e Minas Gerais. A ação ocorreu de acordo com as diretrizes do Programa Carbono Neutro da Polícia Federal que tem como objetivos principais a recuperação do meio ambiente degradado bem como a repressão ao desmatamento e a outros crimes que afetam a fauna e a flora.
Na região de Jales, a PF firmou parceria com a Polícia Ambiental do município para realizar fiscalização fluvial conjunta na divisa dos dois Estados. O objetivo foi mapear e identificar no período diurno possíveis áreas de mata nativa que estariam sendo degradadas. No período noturno, o foco da fiscalização foi a repressão à caça e à pesca ilegal. Atualmente estamos em período de piracema, época com restrições à pesca.
Os policiais realizaram uma varredura nas margens do rio Grande, tanto do lado paulista como do lado mineiro. Duas lanchas com policiais federais e ambientais abordaram diversas embarcações. Dois indivíduos foram multados por pesca ilegal e 40 quilos de peixes foram apreendidos e doados à instituição de caridade que atende indivíduos em situação de vulnerabilidade social em nossa região.
Outras fiscalizações conjuntas entre a Polícia Federal e a Polícia Militar Ambiental de Jales deverão ocorrer com mais frequência com o objetivo de fortalecer o combate aos crimes ambientais, principalmente em rios federais que dividem Estados de nossa federação. Os indivíduos surpreendidos praticando degradação à fauna ou a flora poderão ser penalizados, de acordo com a infração cometida, com a apreensão dos equipamentos utilizados, além de multa e prisão.

“Dia Municipal do Rotaract” em Jales




Os vereadores aprovaram por unanimidade, na sessão de segunda-feira, 11 de novembro, projeto de lei que institui o "Dia do Rotaract" em âmbito municipal, de autoria do vereador Tiago Abra.
A partir da sanção e promulgação da lei municipal, fica instituído o dia 13 de março como marco da comemoração anual do "Dia Municipal do Rotaract" que será inserido no Calendário Oficial de Eventos do Município de Jales.
Em sua justificativa acerca da criação do Projeto de Lei o vereador Tiago Abra afirmou que "Como é de conhecimento universal, o Rotaract é um programa internacional para jovens de ambos os sexos, de 18 a 30 anos de idade, que acreditam poder ajudar a construir um futuro melhor com sua participação e atuação na sociedade. Este programa foi lançado em 1968 com o lema "companheirismo através do servir" pelo Rotary Internacional uma organização mundial de líderes profissionais e empresários que compartilham de um ideal que se apresenta na prestação de serviços para a sociedade".
Atualmente, existem mais de nove mil Rotaracts Clubes, com mais de duzentos mil sócios em 189 países. O Rotaract Club de Jales Grandes Lagos, fundado em 17 de julho de 2000, vem atuando de forma assídua no município, por intermédio de organização e execução de projetos profissionais e comunitários.
O propósito do Rotaract é oferecer aos jovens oportunidade de incrementar os conhecimentos e experiências que lhes serão de utilidade para seu próprio desenvolvimento pessoal, para atender dificuldades físicas e sociais de suas respectivas comunidades e promover melhores relações entre os povos de todo o mundo através da amizade e trabalho em prol da sociedade.

Alunos visitam HC - Unidade de Jales





Os alunos das 8ª Séries da Cooperativa Regional de Ensino de Jales - CooperJales, que mais arrecadou alimentos para a campanha solidária ocorrida no dia 5 de outubro, visitaram o Hospital de Câncer - Unidade III de Jales, para conhecer toda a infra-estrutura, como é realizado os atendimentos dos pacientes, e a realidade da Unidade.
As duas 8ª Séries arrecadaram em média 1400 quilos de alimentos, de um total de oito mil quilos arrecadados pelas escolas.
Com muita alegria os estudantes conheceram todo o hospital, tirando suas duvidas e se apaixonando mais por esta obra, demonstrando com o interesse de poder ajudar voluntariamente.

Felicidade dos pais Kézia Renata e Marcos Antonio celebram chegada de João Marcos

Após uma gestação tranquila e saudável, a acadêmica de Direito e funcionária da Canopus, Kézia Renata de Oliveira deu a luz na quarta-feira, 6 de novembro, em Cuiabá (MT), na Clínica Femina Hospital Infantil e Maternidade de Cuiabá.


O filho João Marcos recém nascido veio ao mundo por meio de um parto cesariana às 8 horas pesando 3,020 kg e medindo 48 cm.
Kézia Renata e Marcos Antonio estão "babando" de felicidade e celebram com alegaria a chegada do segundo filho, o pequerrucho João Marcos. .

João Marcos sendo segurado pela mamãe Kézia, e o papai Marcos Antonio com a princesinha Maria Fernanda que no dia 28 de novembro, estará completando seu segundo aninho
Estiveram em Cuiabá acompanhando o nascimento do filho do jovem casal, os avós paternos Paulo Antonio Marcondes e Amarilda da Silva Machado, avó materna Eliacir de Oliveira, os casais de irmãos e cunhado (as) de ambos: Rafaela Ferrari e Fernando José Marcondes, Meire Machado e Rodrigo Lopes.
De Jales, também enviou mensagem parabenizando o casal pelo nascimento de João Marcos, a tia Drª Leila Fayad Marcondes.
O bisavô Nilton Pavan que ligou de Mirassol d´Oeste (MT) cumprimentando os papais e, está , transbordando de alegria, com a chegada do bisneto João Marcos. Quem também desejou muitas felicidades aos papais pelo nascimento de João Marcos foi a Drª Bruna Gabriela Zanrosso

Educação define data de formaturas das escolas municipais

Dezembro se aproxima e com ele as festas de confraternização, formaturas, Natal e e Ano Novo. Pensando no calendário festivo desse mês, a Secretaria Municipal de Educação definiu as datas e locais das cerimônias de formaturas das pré-escolas municipais.
Segundo a secretária municipal de Educação, Simone Aranda, as escolas E.M. Professora Elza Pirro Viana e E.M. Professor Oswaldo Soler abrem o calendário e realizam suas formaturas na segunda-feira, às 19 horas no Centro Cultural Dr. Edílio Ridolfo
As escolas Professor Alberto Gandur I, Juvenal Giraldelli e Professor João Arnaldo Andreo Avelhaneda, promovem a data festiva na terça-feira, dia 10 de dezembro, também às 19 horas no Teatro Municipal.
Na quarta-feira, dia 11, será a vez da E.M. Professora Eljácia Moreira, E.M. Professora Iracema Pinheiro Candeo e E.M. professora Maria Olympia Braga Sobrinho, no mesmo local, a partir das 19 horas.
"Estamos preparando lindas festas de formaturas para celebrar o final de uma jornada muito importante para os alunos do Pré II. Apresentações musicais, de dança, teatro e de outros segmentos culturais vão encantar os pais, amigos e familiares", contou a secretária Simone.

Aumento na contribuição da iluminação pública, decretado pela prefeita, não se justifica

 por Luís Fernando Rosalino - Vereador
Com a edição da Portaria nº 6158, de 08 de novembro de 2013, a Prefeita surpreendeu a todos os jalesenses com um aumento na Contribuição da Iluminação Pública num percentual de 12,90%, para o exercício de 2014.
A surpresa não é pelo fato da edição do decreto, que é uma prerrogativa da Prefeita e autorizada por lei municipal, contudo o aumento de praticamente 13% mostra-se pouco razoável, visto que a inflação para o ano de 2013 ficará em menos da metade do percentual de acréscimo decretado para a iluminação pública. Destaco que mesmo sendo orientação da empresa de energia o índice de reajuste, quem faz o decreto e assina é a prefeita.
Atualmente a prefeitura precisa solicitar e pagar para a Elektro fazer novos pontos de luz, contudo, a partir do ano que vem esta será responsabilidade única e exclusiva passa a ser do município. Este ano solicitamos a intervenção da prefeitura para colocar pontos de luz na Avenida Lima Barreto no Arapuã, na ponte da Avenida Lourival de Souza, entre os bairros Pedro Nogueira e o Alvorada, bem como a troca das lâmpadas queimadas em diversos pontos da cidade. Enquanto falta iluminação pública em muitos pontos, há desperdício de energia com lâmpadas acessas durante o dia, como ocorreu na última semana na Avenida Lourival de Souza.
Ainda é tempo de a prefeita Nice rever o aumento abusivo da iluminação pública. Entendo que aumentos só podem ocorrer com uma demonstração clara de projetos onde os recursos serão investidos e sobre os quais a população possa se posicionar, acompanhar e cobrar caso os projetos não se concretizem. Sem projetos claros estaremos colocando dinheiro em um saco, que está se demonstrando sem fundo, sem que benefícios em favor da população sejam implantados.

EDITAIS DE PROCLAMAS

Ademir de Mattis
, Oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas da Sede da Comarca de Jales, Estado de São Paulo. FAZ SABER que pretendem casar-se e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1.525 do Código Civil Brasileiro.
HUDSON DE MELO DOMICIANO e LUANA BATISTA MARTINI. ELE,
natural de São José dos Campos, deste Estado, nascido aos 31 de julho de 1.982, contador, divorciado, residente e domiciliado em São José dos Campos, filho de Carlos Roberto Domiciano e de Elisabeth Regina de Melo Domiciano. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 05 de março de 1.990, nutricionista, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de José Célio Martini e de Ana Maria Batista Machado.
SERGIO KIYOSHI TANIGAWA e WANESSA VELOZO WAESSMAN. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 16 de janeiro de 1.975, agente autônomo de investimento, viúvo, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Yukio Tanigawa e de Satiko Nishimoto Tanigawa. ELA, natural de Limeira, deste Estado, nascida aos 04 de junho de 1.981, coordenadora, solteira, residente e domiciliada em Ilha Solteira, deste Estado, filha de Wanderlei Waessman e de Ivanilda Soares Velozo Waessman. Cópia para ser afixada no Oficial de Registro Civil de Ilha Solteira – SP, onde reside a contraente.
RODRIGO HASS MIGUELÃO e SANDRA MARIA DIAS DE OLIVEIRA. ELE,
natural de Campinas, deste Estado, nascido aos 03 de agosto de 1.979, motorista, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Edson Alves Miguelão e de Odete Hass Miguelão. ELA, natural de São Paulo, deste Estado, nascida aos 06 de agosto de 1.974, auxiliar de limpeza, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Fidelcino Baptista de Oliveira e de Josefa Josemira Dias de Oliveiras.
EVANDO URBANO ALVES e FABIANA DA SILVA AZEVEDO. ELE,
natural de Santa Salete, deste Estado, nascido aos 04 de fevereiro de 1.980, agricultor, solteiro, residente e domiciliado em Santa Salete, filho de Otacilio Urbano Alves e de Juliana de Jesus Ferreira Alves. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 06 de outubro de 1.984, funcionaria pública municipal, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Antonio Pinheiro de Azevedo e de Fátima Aparecida da Silva Azevedo.
LEONARDO VALDIR APARECIDO TONHOLI e VANESSA LUZIA DA SILVA. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 17 de setembro de 1.986, autônomo, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Valdir Tadeu Nonato Tonholi e de Maria de Fátima Zagolin Tonholi. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 30 de abril de 1.984, funcionaria pública municipal, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de José Francisco da Silva e de Maria Aparecida da Silva.
SEBASTIÃO MEIA DOS SANTOS e FERNANDA LUCIANA DE MELO. ELE,
natural de Ubatã, Estado de Bahia, nascido aos 20 de janeiro de 1.978, ajudante geral, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Laureano Meia dos Santos e de Vicença Jesus dos Anjos. ELA, natural de São Paulo, deste Estado, nascida aos 25 de junho de 1.989, auxiliar de serviços gerais, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Fernando Jose de Melo e de Rosimar Luciana da Silva.
MOACIR ALVES DE PAULA JUNIOR e ÉRICA GONZAGA DE FREITAS . ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 20 de fevereiro de 1.981, auxiliar administrativo, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Moacir Alves de Paula e Osmarina Santiago Martin de Paula . ELA, natural de Santa Albertina, deste Estado, nascida aos 11 de agosto de 1.984, funcionaria pública, residente e domiciliada em Araputanga, filha de Manoel Gonzaga da Silva e Leia Maria de Freitas da Silva. Cópia para ser expedida para oficial de registro Civil de Araputanga Estado de Mato Grosso.
BENEDITO VICENTE e EDNA FARINA FERREIRA. ELE,
natural de Cosmorama, deste Estado, nascido aos 08 de maio de 1.959, pedreiro, divorciado, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Santo Vicente e de Ioli Genari Vicente. ELA, natural de Pedranópolis, deste Estado, nascida aos 04 de dezembro de 1.965, servente de pedreiro, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Gentil Ferreira e de Genoveva Farina Ferreira.
RAFAEL LUCAS GONÇALVES e RAQUEL BRAGA. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 06 de julho de 1.991, operador de caixa, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de José Antonio Gonçalves e de Maria Célia Pereira dos Santos Gonçalves. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 24 de setembro de 1.994, auxiliar administrativa, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Waldomiro Braga e de Edina Batista de Souza.
LUCIANO HASS MIGUELÃO e ÉRICA FERNANDA NUNES. ELE,
natural de Campinas, deste Estado, nascido aos 19 de junho de 1.976, motorista, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Edson Alves Miguelão e de Odete Hass Miguelão. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 27 de janeiro de 1.979, serviços gerais, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Fabiana Nunes Regina.
SE ALGUÉM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. LAVRO OS PRESENTES PARA SEREM AFIXADOS NO REGISTRO CIVIL E PUBLICADOS NA FOLHA NOROESTE, NESTA CIDADE DE JALES.
Ademir de Mattis - Oficial

Jales sedia reunião regional com MDS sobre Pronatec

Na 

quarta-feira, 13 de novembro, representantes de aproximadamente 20 municípios interessados em aderir ao termo de Pactuação do Pronatec – o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego estiveram presentes na reunião realizada no auditório da Associação Comercial e Industrial de Jales. Sérgio Lima de Oliveira, representou o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), no encontro.
A reunião organizada pelo município de Jales, através das secretarias de Desenvolvimento e Promoção Social e Comunicação Social, permitiu que assessores do MDS e algumas instituições ofertantes das vagas tirassem dúvidas acerca do Pronatec, no âmbito do Plano Brasil Sem Miséria.
De acordo com o assessor Sérgio Lima de Oliveira, o Pronatec visa incrementar a formação técnica e profissional de cidadãos de baixa renda que estejam inscritos ou em processo de inclusão no Cadastro Único da Assistência Social, o CadÚnico.
"O fim da miséria é apenas o começo, por isso é nossa obrigação buscarmos programas como este, assim como fez a prefeita de Jales, Nice, que foi a Brasília, bateu na porta do meu gabinete e disse: Sérgio eu quero levar o Pronatec para a minha cidade. O primeiro passo é extremamente importante", disse ele.
A prefeita Nice Mistilides ressaltou que Jales está de portas abertas para o MDS. "A vinda do Pronatec além de beneficiar a comunidade de Jales com os cursos, também vai oferecer qualificação profissional para que os cidadãos possam entrar no mercado de trabalho. Essa é a grande oportunidade de fazermos nossa região diferente e pujante, transformando oportunidades em realidade".
Estiveram presentes no encontro a secretária municipal de Desenvolvimento e Promoção Social , Maria José Leite, vereador André Macetão Viotto, gerente do Senac de Votuporanga, Eliane Baltazar Godói, diretor do SENAI de Votuporanga, César Farraiolo Batista, diretor administrativo da ETEC de Jales, Willians Pizolato e a prefeita de Vitória Brasil que representou prefeitos de toda a região, Ana Lúcia Olhier Módulo.

Curso de Educação Física realiza o VII JUNEF



O curso de Educação Física da Unijales, coordenado pela professora Viviane Kawano Dias, realizou entre os dias 4 e 8 de novembro o VII JUNEF- Jogos Universitários da Educação Física.
Participaram dos jogos os alunos do curso, professores e profissionais da área. A organização do evento esportivo ficou por conta do 3º ano de Educação Física- Licenciatura, sob a coordenação da professora Mary Lizete dos Santos, que ministra a disciplina Pesquisas e Práticas Educacionais III.
No JUNEF foram disputadas as modalidades de Voley feminino e masculino, Handbol feminino e masculino, Futsal feminino e masculino, Basquete feminino e masculino e Atletismo.
Todos os jogos e competições foram realizados nas dependências do Ginásio Poliesportivo da Unijales e na Unidade II, Jales Clube.
Os Jogos Universitários da Educação Física oferece aos alunos e professores do curso, uma relação de integração e reciprocidade através do esporte, valoriza a socialização e a participação e suscita o gosto e hábito da prática de atividades físicas.

3ª etapa Circuito Noroeste de Navegação Aquática




Foi realizado no domingo, 10 de novembro, a etapa do Circuito Noroeste de Navegação Aquática – Protegendo as águas – Preservando vidas. Com saída sob a ponte da Água Vermelha, no rio Grande, em Ouroeste (SP), na divisa de São Paulo com Minas Gerais, reuniu cerca de 300 pessoas que prestigiaram o evento. Ao longo do passeio de caiaque, os participantes puderam desfrutar de uma belíssima cachoeira as margens do rio, assim que todos aproveitaram antes de seguirem em frente.
Se estendendo até por volta das 15 horas, os participantes puderam se reunir no almoço realizado pela equipe do Lions Club de Ouroeste e organizadores e já se programarem para o circuito de caiaque ainda neste ano, que será realizado em Rubineia, em 24 de novembro, onde existe o Projeto Navega São Paulo.
A Ecoação é uma Ong sem fins lucrativos, integrada ao projeto Ponto de Cultura - Frente a Frente com o Meio Ambiente, com foco ao Patrimônio Ambiental, recebe apoio da Prefeitura de Jales, Cultura Viva, Secretária da Cidadania e da Diversidade Cultural, Ministério da Cultura e Governo Federal. Tem como parceiros empresas como a Sabesp, o Navega São Paulo de Rubinéia, Lions Clube, Rotary, Coopersol e empresários. (por Jocelia Cabrini).

A posse real

Adelvair David
De tudo quanto tem, pouco necessita o homem.
Avaliando as necessidades humanas, os pensadores de todos os tempos se esmeraram no sentido de esclarecer e entender as reais posses que dariam sossego e conforto ao seu possuidor.
O que a experiência sedimentou é que nada do que se possua em todos os sentidos materiais, é garantia absoluta de tranquilidade íntima. Nenhuma referência no mundo das formas representou apego suficiente para os que escolhem abreviar o tempo de suas vidas, deixando para trás corações partidos e almas chorosas sem a possibilidade de compreender a dimensão da dor que lhes motivaram a escolha.
Em todos os tempos o homem procurou sempre o conforto em todos os sentidos, nada contrário é claro à busca do progresso que deve marcar a marcha de cada um neste mundo. Progredir, ter mais, conquistar, nunca foi e nunca será, a princípio, sinal de qualquer negatividade. Ainda, a procura pela companhia perfeita, pelos filhos ideais, pelas amizades sinceras e tudo mais, representa e representará sempre a maior aspiração de todo aquele que deseja passar pelo mundo protegido e instalado na melhor zona de conforto possível.
O que é preciso entender é que, o homem não pertence a este mundo onde ironicamente tenta perpetuar-se. Eterno só o espírito, que já teve e terá outras existências para o seu aperfeiçoamento. Do passado, não trouxe qualquer recurso material que acreditava possuir e não levará nenhum de agora consigo. A viagem é feita na nudez do sentimento, não poderá acumular nada que é do mundo. Quando transpuser os portais da imortalidade experimentará o efeito moral no seu sentimento do que tiver feito daquilo que Deus lhe permitiu administrar neste mundo. Pensará a respeito daqueles que passaram pela sua vida na condição de necessitados a rogar-lhe o naco de pão, o copo de água fresca, a moeda singela, a veste simples ou o amparo no momento requisitado.
Ó! Grande e cruel dúvida. Equivocado, acredita que lhe faltará amanhã o diminuto recurso que hoje partilha, que em verdade já não lhe pertence. Sem luzes interiores para entender, nem desconfia o viajante que doando multiplicará agora ou para outros tempos que virão a alegria e a prosperidade que lhe marcará a vida. Disse o Senhor Jesus: "àquele que tem mais se lhe dará". Não tentando deter tudo o que possui, ao repartir um pouco aumentará o seu auto entendimento, terá mais paz, méritos traduzidos em alegrias para o futuro. A generosidade, a caridade é riqueza que diminui o jugo material sobre os ombros de quem doa, ao lhe desatrelar da cegueira do egoísmo.
O maior tesouro a ser encontrado neste mundo e nas muitas vivências que o homem terá é o de aprender amar. Sendo moeda imperecível, pedra preciosa e perfeita, também será luz iluminando a sua estrada, principalmente no enfrentamento das provas naturais de crescimento rumo à perfeição. Já cantava o poeta: O amor é luz na alma.
SEM O AMOR TUDO É APEGO E PRISÃO EMOCIONAL, COM ELE, A LIBERDADE DE VIVER POSSUINDO SEM A NECESSIDADE DO QUE SE POSSUI.

Pacto republicano

D. Demétrio Valentini
O feriado da República nos convida a olhar a situação do país em perspectiva histórica. Cada dia mais, urge retomar as grandes inspirações iniciais da formação de nossa nacionalidade.
Somos uma "república federativa". Não pairam dúvidas sobre a viabilidade desta opção política, assumida na Proclamação da República em 1889, e confirmada em plebiscito por ocasião da Constituinte de 1988.
Uma "república federativa" resulta de um "pacto federativo", em que os diversos Estados Federados colocam em comum seus destinos políticos, fortalecendo-se mutuamente, pelo aporte solidário de cada um deles, em benefício da obtenção dos objetivos comuns, assumidos em conjunto pelos Estados Federados.
É forçoso constatar que a federação manifesta sinais de esgotamento político. São frequentes as iniciativas de Estados que buscam benefícios próprios, com prejuízo da proposta federativa.
Um dos sinais mais evidentes desta prática corrosiva do espírito republicano é a assim chamada "guerra fiscal", em que determinados Estados buscam atrair investimentos usando de artifícios que solapam a federação.
Está na hora de refazermos o pacto federativo. Este é um dos grandes desafios políticos, que se desenham pela frente de maneira inexorável. Assim não dá para continuar. Sem um novo pacto federativo o Brasil vai se tornar um entreposto alfandegário desorganizado e predatório.
Há sinais evidentes de crise da federação. A desigualdade entre os Estados Federados é flagrante. Em princípio, esta desigualdade injusta, existente entre os Estados, deveria servir de estímulo positivo, a incentivar o espírito de solidariedade, que deveria guiar os ideais federativos, buscando o fortalecimento dos interesses comuns entre todos os Estados.
Acontece que, ao contrário, os Estados encontram expedientes administrativos, que canalizam para si próprios as oportunidades disputadas, sem levar em conta o ideal federativo.
Alguns dados mostram o tamanho do desafio. O Estado de São Paulo, por exemplo, sozinho, já ultrapassou toda a Argentina. Ele já passou dos quarenta e dois milhões, enquanto a Argentina está com pouco mais de quarenta e um milhões. De todos os países da América Latina, só o México e a Colômbia têm mais habitantes que o Estado de São Paulo.
Comparando com a realidade do Mercosul, São Paulo tem um grande "mercado livre" à sua disposição, constituído por todos os outros Estados brasileiros.
É evidente que este desequilíbrio, se não for corrigido por dispositivos legais adequados e eficazes, tende a se agravar, frustrando as intenções solidárias da República Federativa.
Para este novo "pacto republicano", é indispensável regular, de maneira sábia e justa, toda a questão dos tributos. Por isto, a proposta de um novo "pacto federativo" deve vir acompanhada de uma eficaz "reforma tributária", cuja urgência vai aumentando, enquanto crescem as resistências que a solapam.
O outro desafio, que precisa ser enfrentado simultaneamente é sem dúvida a Reforma Política. As três iniciativas vão necessitar da vontade política dos governantes, mas sobretudo do apoio da população, que encontrará meios de se expressar através de mecanismos republicanos.
Novo Pacto Federativo, Reforma Tributária, e Reforma Política, os três maiores desafios que o Brasil tem pela frente. Os três nós a desatar num mutirão de cidadania!

Câmara de vereadores rejeita representação contra a prefeita

Na sessão ordinária da Câmara de Municipal de Jales, realizada na segunda-feira, 11 de novembro, o plenário rejeitou por unanimidade uma representação que pedia a instauração de uma Comissão Processante, protocolado na Secretaria da Diretoria Administrativa do Legislativo pelo funcionário municipal aposentado Lauro Gonçalves Leite de Figueiredo.
A solicitação da instalação da Comissão Processante era no sentido de que a Câmara de Vereadores apurasse uama suposta infração político– administrativa praticada apela prefeita Nice Mistilides (PTB) e assessores que atuaram na organização e realização da Expô Show Uva e Mel, promovida na segunda quinzena de setembro, como também a cessão da área do Recinto de Exposições "Juvenal Giraldelli" à Casa da Criança de Jales para a realização da Expô.
Com exceção do vereador Claudir Aranda (PDT), que encontrava-se em viagem, os demais vereadores rejeitaram a representação apresentada por Lauro Figueiredo, por não trazer nada de consistência e sem nenhum embasamento legal que comprometesse a administração municipal ou mesmo a prefeita.
Para uma pessoa ligada à prefeita Nice Mistilides, que pediu anonimato, disse que a ação é meramente de cunho político, usada por àqueles ainda incoformados com a derrota e querem fazer uma oposição de "guerrilha" contra a prefeita", concluindo que os vereadores "deram uma demonstração de bom senso e responsabilidade e acima de tudo respeito ao povo de Jales".
Apesar de rejeitarem a representação, o vereador Rivail Rodrigues Junior (PSB), usando da tribuna, falou sobre a da possibilidade da Câmara de Jales optar pela instalação de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI), para apurar possíveis irregularidades que "podem ter sido cometidas durante a Expô Show Uva e Mel, com base em denúncias e documentos recebidos pelos vereadores", disse.

EDITAIS DE PROCLAMAS

LUÍS HENRIQUE TRINDADE PEREIRA e AMANDA BRITO DE SOUZA. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 21 de julho de 1.993, calheiro, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Gilson Pereira e de Adriana Silva da Trindade. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 09 de abril de 1.992, pedagoga, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Osias Alves de Souza e de Leda de Brito Oliveira.
JEFFERSON ANDRADE DOS SANTOS e RENATA SILVA DA CRUZ. ELE,
natural de São Paulo, deste Estado, nascido aos 22 de maio de 1.991, mecânico, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Josimar dos Santos e de Rosangela Andrade dos Santos. ELA, natural de Santa Albertina, deste Estado, nascida aos 21 de maio de 1.997, estudante, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Pedro Alcides da Cruz e de Maria Aparecida Oliveira Silva da Cruz.
GILMAR JOSÉ DA SILVA e TAMIRIS VIEIRA NOGUEIRA. ELE,
natural de Populina, deste Estado, nascido aos 11 de setembro de 1.978, operador de empilhadeira, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Orlindo José da Silva e de Maria Senhorinha de Jesus. ELA, natural de Santa Fé do Sul, deste Estado, nascida aos 25 de junho de 1.990, secretária, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de João Rocha Nogueira e de Sonia Regina Vieira Rocha Nogueira.
EDUARDO REZENO DA SILVA NASCIMENTO e ELEN CRISTINA DE SOUZA. ELE,
natural de Itaquera, deste Estado, nascido aos 24 de maio de 1.989, pintor automotivo, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de José Cicero do Nascimento e de Sueli Rezeno da Silva Nascimento. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 07 de abril de 1.983, professora, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Luiz Carlos de Souza e de Alaíde Sofia Nicoletti de Souza.
VALNEY SILVA PEREIRA e PATRICIA FRANCISCA VIANA. ELE,
natural de Paramirim, Estado de Bahia, nascido aos 28 de janeiro de 1.994, servente de pedreiro, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Nelson José Pereira e de Zilda Maria da Silva. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 15 de dezembro de 1.978, doméstica, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Antonio José Viana e de Ivanilde Francisca Viana.
EDINEI HILARIO e TAÍS VICENTIN DE OLIVEIRA. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 22 de maio de 1.979, vigilante, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Osmar Hilario e de Benedita Angelica Hilarrio. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 02 de abril de 1.983, funcionária pública estadual, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Paulo Cesar Temponi de Oliveira e de Livani Vicentin.
EDER COLOMBO DE PAULA e GISELE CRISTINA DE ARO SEMENSATE. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 16 de outubro de 1.989, vendedor, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Aparecido Venancio de Paula e de Ozélia Colombo de Paula. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 03 de novembro de 1.987, assistente social, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Pedro Cleso Semensate e de Salvadora Caparroz de Aro Semensate.
SAMIR SILVA GINEZ e MAISA ALMEIDA EVARISTO. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 27 de setembro de 1.989, técnico em informática, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Samuel Sanches Ginez e de Aparecida de Jesus Silva Ginez. ELA, natural de Santa Fé do Sul, deste Estado, nascida aos 13 de fevereiro de 1.996, estudante, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Paulo Sergio Evaristo e de Luciana Alves de Almeida.
PAULO LUIZ RODRIGUES VAZ PEREIRA e THALITA DANIELA ALVES FRANCESQUINI. ELE,
natural de Itapetininga, deste Estado, nascido aos 22 de dezembro de 1.982, instrutor teórico técnico, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Paulo Pereira e de Terezinha Rodrigues Vaz Pereira. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 09 de janeiro de 1.993, estudante, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Marcos César Francesquini e de Patrícia Alves Francesquini.
DANILO DE PAULO GABRIEL SANGALLI e LUCILENE MARIA DA COSTA. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 20 de maio de 1.987, funcionário público estadual, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Claudemir Carlos Sangalli e de Zilma de Paulo Gabriel Sangalli. ELA, natural de Paranapuã, deste Estado, nascida aos 15 de setembro de 1.987, funcionária pública municipal, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Joaquim Jesus da Costa e de Antonia Francisca da Costa.
SE ALGUÉM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. LAVRO OS PRESENTES PARA SEREM AFIXADOS NO REGISTRO CIVIL E PUBLICADOS NA FOLHA NOROESTE, NESTA CIDADE DE JALES.
Ademir de Mattis - Oficial

FOLHAGERAL

"Se o mundo é mesmo parecido com o que vejo, prefiro acreditar no mundo do meu jeito."
Renato Russo

O Bolsa Família
acaba de completar 10 anos e comemora mais um marco na história do programa: o índice recorde de 90,8% no acompanhamento da frequência escolar de mais de 15,9 milhões de alunos da rede pública de ensino, beneficiários do Bolsa Família, na faixa etária entre 6 e 17 anos.
O resultado
histórico, registrado nos meses de agosto e setembro deste ano, é o melhor desde 2006, quando foi implantado o sistema informatizado do Ministério da Educação (MEC), responsável pelo registro da frequência dos alunos nas escolas.
Mas como
disseram os "especialistas" lá no botequim da vila, é preciso cobrar desses meninos boas notas para a família fazer jus ao benefício. Eles podem frequentar escola interessados no beneficio, mas não em se dedicarem ao aprendizado para conquistar boas notas para um futuro melhor.
O artigo 81
do Código de Trânsito Brasileiro diz que "Nas vias públicas e nos imóveis é proibido colocar luzes, publicidade, inscrições, vegetação e mobiliário que possam gerar confusão, interferir na visibilidade da sinalização e comprometer a segurança do trânsito".
Em Jales,
os poderes públicos municipais vão transformar os semáforos em "árvores de natal" através de uma lei de autoria do edil Gilberto Alexandre de Moraes (DEM), aprovada pelos vereadores e sancionada pela prefeita Nice, que autoriza a chefe do Poder Executivo a abrir licitação para concessão de publicidade comercial em placas indicativas de logradouros públicos e semáforos.
Arrematando,
o artigo 82 do Código de Trânsito Brasileiro diz que "é proibido afixar sobre a sinalização de trânsito e respectivos suportes, ou junto a ambos, qualquer tipo de publicidade, inscrições, legendas e símbolos que não se relacionem com a mensagem da sinalização".
Eleitores
jalesenses, com a aproximação das eleições pretendem enviar e-mails de alertas aos candidatos – de outras regiões – a deputados estaduais e federais eleitos e que foram bem votados em Jales no pleito de 2010 e até o momento quase ou nada fizeram pela cidade.
Como é o caso
por exemplo, de Guilherme Mussi (PV) federal, e Rita Passos, ex-PV agora no PSD, estadual, que tiveram, com o apoio do então vereador Luiz Henrique Macetão Viotto, presidente do Consirg, respectivamente 474 e 239 votos no pleito de 2.010. Outros deputados como João Paulo Rillo (PT) 231 votos, Roberto Freire (PPS) 394 votos, , Gabriel Chalita 721 votos, João Dado (PDT) 571 votos, Nelson Marquezelli (PTB) 257 votos. Quem ajudou eleger deputados, deveria vir a público e divulgar quais recursos ou conquistas para Jales. Fora outros deputados que foram eleitos com poucos votos, mas tiveram.
A entrega
de retroescavaderias doadas pelo Governo Federal aos municípios da região, oriundas do PAC 2 no mês de junho, em Jales, sem divulgação paga pela mídia, teve a maior repercussão.
A reunião
desta quarta-feira, quando foram convidados 35 municípios da região para ouvirem explicações sobre a adesão ao Pronatec, importante para as cidades, não foi lá essas coisas, apesar do chamativo publicitário na mídia.
O cidadão
Lauro Gonçalves Leite de Figueiredo, desta vez não foi feliz na tentativa de convencer os vereadores a acatarem a sua representação pedindo uma Comissão Processante contra a prefeita Nice Mistilides. Lauro Gonçalves não apresentou provas convincentes.
Foi aprovado
por unanimidade, nesta quarta-feira, 13/11, o Projeto de Lei Complementar 43/2013, do Executivo, que institui para a carreira de delegado de polícia o adicional por direção da Atividade de Polícia Judiciária (ADPJ). A medida, que beneficia delegados da ativa, para se tornar lei precisa ainda ser sancionada pelo governador.
Segundo
o texto do PLC 43, O ADPJ será calculado mediante a aplicação de coeficientes sobre o valor do respectivo padrão de vencimento do delegado de polícia, acrescido do Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e do adicional por tempo de serviço e da sexta-parte dos vencimentos, quando for o caso, na seguinte conformidade: I - 0,098 a partir do primeiro dia do mês subsequente ao da data da publicação desta lei complementar; II - 0,265 decorrido um ano após a data prevista no inciso I do artigo 2º da citada lei.
O objetivo
da iniciativa, segundo exposição de motivos encaminhada pelo secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, é reconhecer o status de direção exercido pelos delegados.

A UniJales na perspectiva da iniciação científica

*Silvio Lofego



A constante produção de conhecimento tornou-se imperativa numa sociedade cada vez mais efêmera, cuja velocidade das mudanças não permite mais nenhum saber estático. Mesmo os paradigmas mais consagrados e os conceitos que ainda predominam, dentro da estrutura social vigente, precisam ser constantemente reelaborados pela perspectiva do novo. Se o capitalismo tornou-se o modelo hegemônico em detrimento de outras possibilidades de vida social, não significa que as atividades de fomento a esse sistema estejam intactas. No interior da sociedade capitalista há sempre uma grande instabilidade no que concerne ao saber. O imperativo da tecnologia no desenvolvimento de todas as frentes de estudo alterou radicalmente os processos de elaboração da pesquisa.
Se os pressupostos teórico-práticos, em termos de formalidades esquemáticas, pouco se diversificaram, por outro lado, os meios ou ferramentas para construção de análise avançam a cada dia. Ao longo dos últimos anos, a internet tem ocupado um sólido espaço em todas as pesquisas, trazendo também problemas de ordem ética e, às vezes, de verticalidade no que se refere ao objeto de pesquisa. Entretanto, é óbvio que nenhuma pesquisa parece ser mais possível sem os recursos tecnológicos. Pouco a pouco, a geração científica tradicional vai cedendo espaço para a nova. Mas, superado o impacto da mudança nos usos das novas ferramentas, é hora de se reencontrar o caminho para um avanço saudável da relação ensino e pesquisa, sendo o espaço escolar o lugar onde essas questões devem ser problematizadas. Atualmente, nem mesmo o ensino médio admite uma pesquisa limitada a um amontado de informações e de sobreposição de fontes. O recorte e a análise dilatada das questões são fundamentais para uma compreensão mais ampla do objeto de pesquisa.
Neste sentido, nenhum momento é mais privilegiado para apreensão dos elementos primordiais para o desenvolvimento da pesquisa do que a Iniciação Científica. Nesse caso, é obrigação de toda instituição de ensino superior, oferecer condições que proporcionem esse aprendizado. Nenhuma formação acadêmica, na contemporaneidade, estará completa, se não contemplar a perspectiva de produção e reelaboração do conhecimento. Não é possível falar em formação, se o conhecimento for transmitido de modo engessado e que restrinja a criatividade e suas conexões com o mundo atual. Aliás, essa parece ser a tendência para todas as áreas no futuro. O estudante deverá tornar-se sujeito e objeto no seu processo de formação. Nesse caso, o professor também deve assumir cada vez mais o papel de orientador ou de mediador nas escolhas de seus alunos. Deverá continuar sendo a base irradiadora do saber, mas com a consciência de sua necessária transformação.
Desse modo, os velhos cânones deverão ceder lugar a uma interlocução entre a maturidade intelectual do mestre e os anseios do aprendiz. Assim, o ensino superior é o momento de solidificação de um caminho iniciado já nos anos finais da educação básica. O professor deverá ser o condutor de um trânsito propositivo de saberes, rumo à produção de novos conhecimentos. É por essa razão que acreditamos no Programa de Iniciação Científica da Unijales, como espaço privilegiado para se estimular o avanço da pesquisa, objetivando contribuir com a sociedade contemporânea nas suas necessidades mais prementes por novos conhecimentos.* Prof. Dr. Silvio Luiz Lofego, Diretor de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão.

Albert Camus

 Reginaldo Villazón
Comemoram-se os 100 anos de nascimento de Albert Camus (1913 a 1960). Ele era franco-argelino, nascido (no dia 07 de novembro) na Argélia, Norte da África, quando este país era uma colônia francesa. Foi jornalista, ensaísta, romancista, dramaturgo e filósofo. Ganhou o Prêmio Nobel de Literatura de 1957 pela importância da sua obra, na qual focalizou a existência humana com olhar desassombrado, sereno e incomum. É um dos autores mais lidos e suas idéias continuam a influenciar muita gente.
Os brasileiros relembram sua visita ao Brasil, em 1949, em missão cultural de 48 dias. Esteve no Rio de Janeiro, São Paulo, Iguape (litoral de SP), Recife, Salvador e Porto Alegre. Fez palestras e conheceu figuras ilustres como o poeta Manoel Bandeira, o escritor Oswald de Andrade, o sociólogo Gilberto Freyre, o compositor Dorival Caymmi, o romancista Érico Veríssimo. Ficou encantado com o amor dos brasileiros pelo futebol. Mas criticou a desigualdade social, o contraste dos ricos com os miseráveis.

Albert Camus, quando tinha um ano de idade, perdeu o pai na Primeira Guerra Mundial. Foi com a mãe e o irmão morar na casa da avó materna, na capital Argel. O bairro era pobre, mas a cidade ofereceu boas oportunidades de estudo. Depois do ensino municipal, ingressou com bolsa de estudo num ótimo Liceu. Em seguida, na Universidade de Argel, graduou-se em Letras e fez mestrado em Filosofia. Mudou-se para Paris aos 26 anos. Desde os tempos universitários, manteve a vida agitada com atividades culturais e políticas.
De modo simples, há três palavras importantes na sua filosofia: Absurdo, Revolta e Solidariedade. O Absurdo nasce quando o indivíduo observa a existência humana. As rotinas da vida, os sofrimentos e a morte se revelam como dilemas, que geram dúvidas e inquietações. Eis, então, o Absurdo existencial num mundo sem explicações.
Um caminho é o da negação total, do suicídio. Mas este caminho é uma decisão lógica diante de um Absurdo. Por isto, não é uma solução. Outro caminho é seguir filosofias que expliquem e justifiquem o Absurdo da existência humana. Mas é outra decisão lógica, que não soluciona o Absurdo e faz o indivíduo admitir o mal contra os inocentes.
Camus diz que uma postura coerente diante do Absurdo é a Revolta. A Revolta não explica, não ignora e não aniquila o Absurdo, que é uma condição natural da existência humana. A Revolta é a postura do homem contra a sua própria obscuridade. É a exigência de uma transparência, ainda que impossível. É o questionamento que permite a expansão da consciência. É a certeza do destino esmagador, mas sem a resignação diante do mal.
Por fim, Camus diz que a Revolta não exclui o amor pela vida, a ética, a ordem, a justiça. A Revolta faz nascer a Solidariedade nos oprimidos e nos que assistem a opressão dos outros. É assim que a Revolta perde a sua aparência negativa e egoísta, passa a ser um valor humano positivo de abrangência coletiva.
Diante dos problemas que hoje afligem a existência, as pessoas podem adotar atitudes positivas que dispensam as tentativas propostas por enganadores. A subjetividade está em alta. Sua qualidade gera a realidade individual, que se conecta a outras realidades individuais da mesma qualidade. Albert Camus deu uma grande contribuição nesse entendimento.

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Prefeita Nice participa de formatura do Programa Via Rápida Emprego em Jales

Na manhã do dia 14 de novembro, aconteceu no Plenário Presidente Tancredo Neves da Câmara Municipal de Jales, a formatura dos 21 alunos que participaram do Programa Via Rápida Emprego, coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Governo do Estado de São Paulo através do SENAC e Prefeitura Municipal de Jales. A prefeita Eunice Mistilides Silva – Nice participou da cerimônia que contou com a presença de familiares e amigos dos formandos.

O programa Via Rápida Emprego, do Governo do Estado abriu 30 vagas para o curso básico de Rotinas de Escritório com aulas gratuitas que foram ministradas por equipes do SENAC de Votuporanga. Para se inscrever, os participantes precisavam ter o ensino fundamental completo e ser maior de 16 anos.
 Estavam presentes o coordenador do Via Rápida Empregos de Votuporanga, Willian de Poltronieri Melo, a técnica supervisora do SENAC, Francine Rodrigues Botaro, o representante do Poder Legislativo jalesense, André Viotto, a diretora técnica de serviço do Posto de Atendimento ao Trabalhador – PAT, Maria Aparecida Fonseca Fávaro e o docente do Senac, Antonio Martinez Veiga.
 “É uma grande alegria e uma honra para nós poder receber os cursos do programa Via Rápida Empregos. Esse foi um pedido que fiz questão de fazer pessoalmente e agora a população tem a oportunidade de adquirir conhecimento, além de contribuir na geração de renda de suas famílias”, disse a prefeita Nice que aproveitou para parabenizar os participantes pela iniciativa de buscar novas oportunidades de crescimento pessoal e profissional. “Parabéns aos formandos que tiveram a iniciativa de participar do programa e buscar qualificação profissional e crescimento pessoal. A busca de conhecimento é fundamental para agregar valores à vida”.
 A técnica supervisora do SENAC, Francine Rodrigues Botaro, disse que sabe de todos os obstáculos superados pelos alunos para poder frequentar o curso e receber o diploma no final. “Sei da superação de cada um de vocês. Iniciamos a turma com 30 alunos e durante o percurso, 9 alunos deixaram que os obstáculos impedissem a conclusão, mas vocês seguiram em frente com coragem e  determinação e hoje recebem seus certificados. Quero dizer que também aprendemos muito com vocês durante essa jornada e que conhecimento é um tesouro e ninguém pode tirar da gente, é nosso para sempre".

Aprovado adicional de direção para delegados de polícia

Foi aprovado por unanimidade, nesta quarta-feira, 13/11, o Projeto de Lei Complementar 43/2013, do Executivo, que institui para a carreira de delegado de polícia o adicional por direção da Atividade de Polícia Judiciária (ADPJ). A medida, que beneficia delegados da ativa, para se tornar lei precisa ainda ser sancionada pelo governador. 
 A bancada do PT registrou voto favorável ao Substitutivo 1 e à Emenda 4, rejeitados pela votação final. 
 Segundo o texto do PLC 43, O ADPJ será calculado mediante a aplicação de coeficientes sobre o valor do respectivo padrão de vencimento do delegado de polícia, acrescido do Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e do adicional por tempo de serviço e da sexta-parte dos vencimentos, quando for o caso, na seguinte conformidade: I - 0,098 a partir do primeiro dia do mês subsequente ao da data da publicação desta lei complementar; II - 0,265 decorrido um ano após a data prevista no inciso I do artigo 2º da citada lei. 
 O objetivo da iniciativa, segundo exposição de motivos encaminhada pelo secretário da Seguranç Pública, Fernando Grella Vieira, é reconhecer o status de direção exercido pelos delegados. 
 A íntegra do PLC 43/13 pode ser consultada em www.al.sp.gov.br, no link Projetos

Ações do “Novembro Azul” continuam nas ESF’s

Com intuito de conscientizar o público masculino sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata, a Prefeitura de Jales, através da Secretaria de Saúde, continua a todo vapor realizando as ações preventivas em todas as ESF (Estratégia de Saúde da Família) para detectar precocemente a doença. 

A ação faz parte da programação do “Novembro Azul”, mês de realização da campanha, realizada para mudar de vez o cenário nacional, quebrando paradigmas e trazendo esclarecimentos que visam mudar o comportamento masculino quando o assunto é saúde, sobretudo quando envolve a próstata.

Desde o início da semana, os atendimentos voltados para a saúde do homem estão intensificados nas ESFs, que abrem suas portas durante a noite, para promover orientações através de palestras que alertam sobre a prevenção da doença.
 Os horários de atendimento nas ESFs variam e podem ser conferidos na tabela em anexo. No dia 18, a ESF que estará de portas abertas para atender o público masculino é a unidade do Jardim Oiti, em seguida, dia 19, é a vez da ESF Rural e ESF Municipal. Já no dia 20, ESF São Jorge, ESF Arapuã e ESF Roque Viola. Para finalizar, dia 27, os atendimentos serão na ESF JACB e ESF Municipal.
 De acordo com a secretária de Saúde, Nilva Gomes, e a chefe de gabinete da pasta, Celma Crepaldi, “os procedimentos de saúde do homem são realizados durante todo o ano, mas foram intensificados com a campanha. Mediante qualquer ocorrência, os pacientes são encaminhados para o urologista ou, quando necessário, para o tratamento de oncologia”.
 Como acontece com a maior parte dos cânceres, o câncer de próstata tem evolução silenciosa em sua fase inicial. Realizar exames é a melhor maneira de se prevenir contra a doença, que pode ser descoberta inicialmente com exames clínicos. “Atentar para os sintomas, como dificuldade de urinar ou a necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou a noite, também é fundamental para o diagnóstico precoce”, disse a coordenadora das ESFs Gisele Murta.

Câmara aprova Projeto de Resolução que institui o Controle Interno no Legislativo

por Jaqueline Zambon
Os vereadores da Câmara de Jales discutiram, votaram e aprovaram por unanimidade em Sessão Ordinária realizada na segunda-feira, 11 de novembro, o Projeto de Resolução nº. 08/2013, que institui o Sistema de Controle Interno da Câmara Municipal de Jales.
O Projeto de Resolução é de autoria da Mesa Diretora, formada pelos vereadores Pérola Maria Fonseca Cardoso, presidente; Nivaldo Batista Oliveira – o Tiquinho, vice-presidente; Jesus Martins Batista – 1º Secretário e Rivail Rodrigues Junior – 2º Secretário.
O Sistema de Controle Interno compreende o conjunto de atividades relacionadas com o acompanhamento e avaliação das ações do Poder Legislativo Municipal, da gestão desempenhada pelos membros da Mesa Diretora e dos atos dos responsáveis pela aplicação dos recursos alocados por meio do repasse constitucional, com atuação prévia, concomitante e posterior aos atos administrativos.
O Decreto Legislativo tem a finalidade de regulamentar o Comunicado SDG nº32/2012 do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, que disciplina os dispositivos constitucionais, mais especificamente os Art. 31, 70 e 74 da Constituição Federal, bem, como o artigo 54, parágrafo único e artigo 59, ambos da Lei Complementar nº101/2000
– Lei de Responsabilidade Fiscal, assim como o artigo 38, parágrafo único da Corte de Contas do Estado, que evidenciam a necessidade dos Poderes Executivo e Legislativo possuírem seus próprios sistemas de controle interno, que atuarão de forma integrada.
O Tribunal de Contas registra que a adequada instituição do correspondente órgão de controle interno é medida que será verificada por ocasião da fiscalização levada a efeito por aquele órgão, com repercussão no exame das contas anuais.
A Câmara Municipal de Jales já realiza a função de Controle Interno, designada por servidor da Casa, entretanto, não havia, até o presente momento, norma legal que tenha instituído a regulamentação a tal função.

Tribunal de Contas promove debate sobre aplicação da Lei da Ficha Limpa nas Eleições 2014

 
O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realiza no próximo dia 25 de novembro, às 9h00, em São Paulo, o seminário Ficha Limpa que traz como tema central a Lei da Ficha Limpa (LC135|10) e trará na programação, palestrantes de órgãos públicos de diversas esferas do Poder, para falar sobre a aplicação da legislação federal e suas penalidades previstas para as eleições de 2014. O evento, voltado aos operadores do Direito, entidades da sociedade civil, e interessados, está com inscrições abertas através de link disponibilizado no site do TCE.  O seminário ‘Lei da Ficha Limpa (LC 135/10): Aplicação Plena nas Eleições de 2014’é uma organização conjunta entre o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, Ministério Público/SP, Ministério Público de Contas do TCESP, Ministério Público Federal, Comitê Estadual Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE/SP), com o apoio da Escola de Contas Públicas (ECP) e Escola Superior do Ministério Público de São Paulo (ESMP-SP).

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Dai Macedo é a vencedora do concurso Miss Bumbum Brasil 2013



A modelo Dai Macedo tem 25 anos, 107 cm de bumbum, nasceu em Goiânia-Go, representou o estado de Goiás e venceu o concurso Miss Bumbum Brasil 2013.

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Ex-prefeito Humberto Parini é absolvido da acusação de improbidade

A 8ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiçado Estado de São Paulo,  negou provimento a recurso do Ministério Público Estadual,  em Jales, que pretendia condenar um ex-prefeito Humberto Parini  por improbidade administrativa.
        A Promotoria alegou que o réu não promoveu repasse de recursos públicos ao Fundo da Criança e do Adolescente do município, conforme determina a lei municipal nº 2.949/05, fato que teria causado prejuízo às políticas municipais. Decisão de primeira instância julgou o pedido improcedente, e o autor recorreu da sentença.
        Para a relatora do recurso, desembargadora Cristina Cotrofe, ainda que os repasses não tenham sido efetuados, não há nenhuma prova de que as ações do Fundo tivessem sido prejudicadas, pois havia cerca de R$ 200 mil depositados sem uso por falta de projetos do Conselho Municipal.
        “Assim, não se vislumbra que a conduta do apelado, ao preferir investir o montante do repasse em outras áreas do Município, em que a verba seria realmente empregada, a deixar a quantia ociosa na conta do Fundo em comento, tenha o condão de configurar algum ato ilícito passível das sanções previstas no artigo 12, inciso III, da Lei nº 8.429/92”, anotou em seu voto.
        O julgamento foi unânime. Também participaram da turma julgadora os desembargadores João Carlos Garcia e Paulo Dimas Mascaretti.

Servidores da Unesp assistem a palestra sobre prevenção do câncer de próstata

Nesta quinta-feira, 13 de novembro, foi realizada, no Anfiteatro da Patologia, na  Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB), a palestra: 'Prevenção do câncer de próstata' , ministrada pelo médico urologista e professor do Departamento de Urologia da FMB Aparecido Donizeti Agostinho (foto). A atividade, que faz parte da Campanha de Prevenção ao Câncer de Próstata, promovida pelo Grupo de Qualidade de Vida e Saúde do Trabalhador da FMB, reuniu, prioritariamente, servidores do câmpus da Unesp em Botucatu com idade igual ou superior a 40 anos.

Durante o evento foram esclarecidas dúvidas sobre as vantagens ou desvantagens do exame de PSA para a detecção do câncer de próstata e transmitidas outras informações a respeito do assunto. A campanha terá sequência nos próximos dias, quando serão agendados exames de PSA aos interessados.  partir da próxima segunda-feira, 18, os agendamentos poderão ser feitos das 8 às 16h30, na sede da Upeclin, no câmpus da Unesp em Rubião Júnior (em frente à lavanderia do Hospital das Clínicas).
O telefone para agendamento e outras informações é para 3880-1680. Para colher o exame não é necessário estar de jejum, podendo ser feito em qualquer momento do dia.

Os segredos para um corpo perfeito


A linda repórter Luana Don explica o
que faz para manter o corpo em dia

Todos sabem que para ter o corpo e a saúde em dia, devemos nos exercitar todos os dias, ter uma alimentação saudável, no mínimo oito horas de sono por noite e beber 2 litros de água ou mais por dia.
Mas, também sabemos que nem todos priorizam a saúde e deixam para os últimos meses do ano a tarefa de entrar em forma. Pensando nisso, pedimos algumas dicas preciosas da linda Luana para você começar hoje a se cuidar.
Dicas preciosas da Luana Don:-

Procure um especialista para fazer uma avaliação física e assim estabelecer metas possíveis de alcançar;
- A partir da sua avaliação física, procure um nutricionista esportivo e faça um planejamento alimentar de acordo com o seu treino. Dessa forma você conseguirá unir forças para concluir suas metas;
- Beba muita água, no mínimo dois litros de água por dia. A hidratação é muito importante para o funcionamento do seu corpo;
- Respeite o seu horário de descanso. Você deve dormir pelo menos oito horas por noite e de preferência sempre nos mesmos horários, criando uma rotina no seu organismo;
- Faça exercícios físicos todos os dias. Alterne os dias com musculação, aeróbio, natação, hidroginástica, alongamento, yoga, pilates, entre tantas outras. Existe uma infinidade de opções, o que importa é não ficar parado. Se movimente por pelo menos uma hora por dia;
- Coloque um alarme no celular de três em três horas para que você não se esqueça de se alimentar;
- Para tomar suplementos alimentares, você deve ter a orientação de um nutricionista. Não faça isso sozinho ou porque um amigo disse que era bom. Cada organismo reage de uma forma. Muito cuidado!"
A dica mais importante que posso te dar é que para ter uma vida saudável e um corpo bonito, você precisa seguir essas regrinhas todos os dias, pelo resto da sua vida. Lembre-se sempre que a sua saúde está sempre em primeiro lugar e essa é a única maneira de conservá-la".
Conclui Luana.
Luana Don – Advogada por profissão e apresentadora por paixão! Luana Don é apresentadora dos quadros "Na Moita", "Barraca do Beijo" e "Desafio Pop" no Programa Superpop, da RedeTv! Em breve, Luana também será atriz, formada pela Escola Wolf Maia. Desde criança suas aptidões artísticas se destacavam ao brincar com os amigos ou até mesmo apresentando um trabalho escolar, sempre chamando a atenção de todos com o seu jeito moleca e descontraído de ser. Aos 28 anos, Luana brilha por onde passa, tanto pelas suas curvas exuberantes como pela sua simpatia e beleza. Engraçada, graciosa e linda, a menina-mulher mudou completamente o rumo de sua vida em busca de seus sonhos e da felicidade física e espiritual.

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Banco do Povo Paulista inaugura duas unidades na região de Jales


Duas novas unidades. Esse é o número de agências que o Banco do Povo Paulista (BPP), maior programa de microcrédito estadual do País, gerenciado pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), inaugura nesta quinta-feira, 14 de novembro em Turmalina e Dirce Reis.
As linhas de crédito iniciais disponíveis para as cidades de Turmalina e Dirce Reis saão de R$ 100 mil . Os empréstimos variam de R$ 200 a R$ 15 mil (pessoas físicas e jurídicas), com prazo de pagamento de até 36 vezes. Os juros mensais de 0,5% é o menor entre as instituições financeiras do país.
Em Turmalina e Dirce Reis além do secretário de Estado do Emprego e Relações do Trabalho, Tadeu Morais, os prefeitos de Turmalina, Fernanda de Menezes Andrea; e de Dirce Reis, Roberto Carlos Visoná, participam das inaugurações das agências do BPP em suas respectivas cidades.
"Temos acelerado o trabalho para cumprir a determinação do governador Geraldo Alckmin de instalar uma unidade do Banco em cada um dos 645 municípios do Estado até o final do seu mandato", declara o secretário Morais. Segundo o diretor-executivo do BPP, Antônio Mendonça, "o Banco do Povo Paulista contribui para o crescimento de microempreendedores individuais, formais ou informais, urbanos e rurais, produtores rurais, cooperativas e associações de produção formalmente constituídas".
Sobre o BPP
– Em 15 anos de atuação, o Banco emprestou mais de R$ 1,2 bilhão, beneficiou mais de 329 mil famílias em todo o Estado. Somente neste ano, 28 mil pessoas foram atendidas, aproximadamente R$ 154,5 milhões emprestados.
O Banco também oferece linhas de crédito especiais para os mutuários da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), motofretistas e taxistas. A taxa de juros é a mesma oferecida aos microempreendedores, 0,5% ao mês.
Mutuários da CDHU
– O valor do empréstimo varia de R$ 200 a R$ 7,5 mil, que podem ser pagos em até 36 vezes.
Motofretistas
– Os motofretistas, podem se beneficiar com até R$ 6 mil para compra de novas motocicletas ou de equipamentos para atender à nova regulamentação do Denatran. Taxistas – Profissionais deste setor podem solicitar até R$ 7,5 mil e quitar as parcelas em até 24 meses.

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

MPF ajuíza ação contra ex-prefeito e mais duas pessoas por irregularidades na contratação de shows com verbas do Turismo

O Ministério Público Federal em São José do Rio Preto ajuizou ação de improbidade administrativa contra o ex-prefeito do município de Américo de Campos, Cesar Schumaher de Alonso Gil, e outras duas pessoas por uso indevido de R$ 100 mil de verba pública federal para contratação irregular de artistas para um show musical da 32ª Feira Agropecuária da cidade em junho de 2008.
Também respondem à ação os empresários Márcio José da Costa, responsável pela empresa
Marcinho Costa Produções Artísticas S/C Ltda, e Paulo Sérgio Barbosa, responsável pela empresa Paulo Sérgio Barbosa Produções ME, responsáveis por receber a verba de foram irregular.
O MPF pede, em caráter liminar, a indisponibilidade dos bens dos acusados para que se possa garantir o ressarcimento aos cofres públicos e que seja apresentado o necessário procedimento de inexigibilidade de licitação.
De acordo com o apurado em inquérito civil público, constatou-se que a prefeitura da cidade de Américo de Campos, por meio do então prefeito Cesar Schumaher de Alonso Gil, usou indevidamente a verba pública federal no valor de R$ 100 mil recebida do Ministério do Turismo para a realização da 32ª Feira Agropecuária de Américo de Campos. Pelo convênio assinado, a prefeitura ficou responsável por uma contrapartida de R$ 3 mil.
A verba foi destinada para a contratação da dupla Zé Henrique e Gabriel, que se apresentou na Feira Agropecuária no dia 24 de junho de 2008. O ex-prefeito assinou um documento declarando a inexigibilidade de licitação relativa ao contrato, declarando que a empresa "Marcinho Costa Produções Artísticas S/C Ltda" era a única representante e detentora dos direitos contratuais da dupla. Mas nunca publicou no Diário Oficial da União, conforme determina o convênio assinado com o Ministério. A nota fiscal emitida pela prefeitura foi no valor total de R$ 103 mil para o pagamento da contratação dos músicos.
Ao ser ouvido no inquérito, um dos integrantes da dupla, no entanto, declarou que no ano de 2008 a empresa "Zé Henrique & Gabriel Produções Artísticas Ltda" era representante exclusiva da dupla e que autorizou a empresa Paulo Sérgio Barbosa Produções ME a representá-los artisticamente em Américo de Campos exclusivamente na data do show, dia 24 de junho de 2008.
No depoimento o músico também informou que, na época da Feira, o valor normal de um show da dupla custava entre R$ 25 mil e R$ 35 mil, montante inferior ao indicado na nota fiscal apresentada pela prefeitura nas prestações de contas. Além disso, o nome da empresa que aparece na nota fiscal é a de Márcio José da Costa, e não a de Barbosa, e que consta o nome de outros artistas que nem sequer foram contratados para a apresentação.
Portanto, o cheque da prefeitura foi emitido nominalmente à empresa "Paulo Sérgio Barbosa Produções ME" e a respectiva nota fiscal expedida em nome da empresa "Marcinho Costa Produções Artísticas S/C Ltda", cujo representante legal acabou depositando em sua conta corrente o cheque endossado por Paulo Sérgio Barbosa.
De acordo com o procurador da República Eleovan César Lima Mascarenhas, autor da ação, os "fatos descritos e demonstrados revelam, sem sombra de dúvidas, violações aos princípios constitucionais e ofensas às disposições legais."
O Ministério Público Federal pede o ressarcimento total do dano causado aos cofres públicos no valor de R$184.119,38 devidamente atualizados até a data da sentença, suspensão do direito político por cinco anos e pagamento da multa civil no valor do dano causado.(fonte: Assessoria de Comunicação Procuradoria da República no Estado de S. Paulo)