Páginas

sábado, 24 de novembro de 2012

Casa da Criança encerra as atividades da “guarda mirim” Casa da Criança encerra as atividades da “guarda mirim” Casa da Criança encerra as atividades da “guarda mirim” e expõe motivos em audiência pública na Câmara Municipal

A presidenta da Casa da Criança de Jales, Aparecida Eva de Lima, a assistente social, Bia Bueno, e a assistente administrativa, Débora Luchese, estiveram presentes na Audiência Pública convocada pela Câmara Municipal, realizada na noite de segunda-feira, dia 19 de novembro, para expor os motivos do encerramento das atividades do Projeto Educando Aprendiz, mais conhecido como "guardinha mirim", iniciado pela entidade em 1977.
Representantes de entidades constituídas, o representante do Poder Judiciário, Tevaldi Luiz Sangaleti, o presidente da ACIJ, Alexandre Alves Rensi, pais de ‘jovens aprendizes’, os vereadores Aracy de Oliveira Murari Cardoso, José Roberto Fávaro, Luís Especiato, Luiz Henrique Viotto, Rivelino Rodrigues e Sérgio Nishimoto, além de funcionários da Câmara Municipal de Jales, que também estiveram presentes na audiência realizada no Plenário Presidente Tancredo Neves.
De acordo com a assistente social Bia Bueno, a decisão de encerrar as atividades do projeto é prudente e sensata, já que não existe a possibilidade de executar o programa de aprendizagem conforme as exigências da Portaria nº 723/2012, do Ministério do Trabalho e Emprego. "Nossa instituição não possui recursos financeiros que permitam manter os serviços que eram oferecidos com a garantia da qualidade que sempre priorizamos. Hoje, não temos condições de adequar nosso programa Jovem Aprendiz à Portaria, portanto teremos, infelizmente, que sair de cena".
A Portaria Federal criou o Cadastro Nacional de Aprendizagem Profissional, determinando que a carga horária mínima teórica de um programa de aprendizagem seja calculada com base na carga horária de um curso de nível técnico teórico correspondente. Em caso de não existir tal curso, as horas destinadas à teoria na entidade devem somar no mínimo 400 horas. "Dessa forma, não teremos recursos suficientes para dar continuidade ao atendimento a jovens em conformidade com as determinações estabelecidas pela Educação, já que precisaríamos contratar profissionais capacitados, adquirir material didático, pedagógico e equipamentos para oferecermos aulas teóricas de qualidade", disse a presidente da Casa da Criança, Aparecida Eva.
"Acompanhei todo o processo de criação da Casa da Criança, sua construção e vi o primeiro grupo sair dali com suas caixas de engraxate nas mãos. É muito triste constatar que isso tudo está acabando e que o projeto que ajudou na formação de milhares de adolescentes está chegando ao fim. O que nos conforta é sabermos que vamos dar continuidade ao nosso trabalho de outra forma, trabalhando os problemas sociais e de comportamento de base. A Casa da Criança, em 2013, irá focar na cultura e não mais na empregabilidade", explicou.
Segundo as representantes da entidade, a Casa da Criança tem uma grande preocupação social com os jovens jalesenses, que na companhia de seus pais, buscam na instituição uma oportunidade de inserção no mercado de trabalho. "Sempre procuramos ensinar cada um dos nossos adolescentes a conquistarem seu espaço com educação, respeito e dedicação, que são os passos primordiais para a formação de um cidadão digno", finalizou a assistente social, Bia Bueno.
Na deliberação final da audiência, ficou aprovado por unanimidade, encaminhar um documento aos legisladores federais e demais autoridades envolvidas com o assunto, demonstrando o descontentamento da população jalesense com as novas regras e que culminam com o encerramento do Projeto Educando Aprendiz em nossa cidade.

FOLHAGERAL

Na expectativa
Os eleitores, tanto aqueles elegeram Nice como os que lhe foram contrários nas urnas, aguardam o momento em que os futuros secretários municipais serão anunciados.
Tucanada
Como o acordo feito entre o PTB e o PSDB onde os tucanos teriam direito a indicar três secretários municipais, isto já poderia ter sido feito: indicação dos tucanos e apaziguado em parte o espírito dos ansiosos.
Quer ser
Segundo as raposas lá do botequim da vila, o tucano Carlos Roberto Cardozo da Silva, no uso de suas prerrogativas como presidente do PSDB local, não abre mão de ser um dos indicados como secretário municipal da futura prefeita. Vai dar pano para manga.
Busca respostas
A equipe de transição nomeada pela prefeita Nice está à volta com alguns entraves burocráticos. Documentos são muitos e respostas de menos. Uma das respostas que querem ouvir é se os assessores do atual prefeito, nomeados em cargos de confiança deste o primeiro ao último escalão entregarão no dia 31 de dezembro seus pedidos de exoneração ou vão aguardar para serem exonerados. Estão atrás da respostas em outros questionamentos. A semana foi de reunião com os secretários municipais e talvez já tenham a resposta.
Aperto
O vereador Rivelino Rodrigues (PMDB) que deixa o legislativo municipal em 31 de dezembro, quer mesmo é deixar a prefeita eleita Nice numa verdadeira saia justa com dirigentes de equipes de futebol amador do município. Ele apresentou uma emenda modificativa ao orçamento de 2.013 a ser votada nesta segunda-feira, no valor de R$ 100 mil, destinados à compra de um ônibus para transportes dessas equipes em seus jogos. Ele tira o valor da Secretaria Municipal de Obras, Serviços Urbanos e Habitação e joga para a Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Turismo.
Um CC
Mesmo subterfúgio o vereador Riva Rodrigues utilizou para uma emenda de R$ 70 mil para a construção de um Centro Comunitário no bairro rural das Perobas.
Utilidade
Recém-empossado na presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o ministro Joaquim Barbosa, relator do mensalão, recebeu o livro "Corrupção: o 5º Poder", de autoria de Antenor Batista, antes do início do julgamento. Muito cortês, ele encaminhou mensagem ao autor: "Agradeço-lhe a gentileza do envio do livro, que certamente me será de grande utilidade." A resposta foi dada, com certeza, pelas sucessivas condenações dos réus pegos em atos ilícitos.
Em outras...
A Polícia Militar vai reforçar na fiscalização da Área Azul e quem não tiver o cartão de estacionamento vai ser multado. Ótimo. Todos devem cumprir com as regras.
...áreas também
Bem que essa fiscalização deveria ser estendida para tantas outras vias públicas sem a Área Azul, onde o desrespeito à sinalização de trânsito é vergonhoso. Em ruas de estacionamento com dias alternados é uma aberração o não cumprimento das regras de trânsito pelo motorista. Veículos estacionam irregularmente nas esquinas; outros fazem descargas de mercadorias foram do local e hora determinados, e assim se vai pelo glorioso trânsito jalesense. Por quê só na Área Azul?
Tudo em paz
O vice-prefeito Clóvis Viola assumiu a prefeitura em licença de Parini. Nenhum secretário foi exonerado e tudo está às mil maravilhas. Só sorrisos. Lá no botequim da vila a turma comentou que tudo foi em virtude de um forte abraço entre Clóvis e Parini antes da indicação do pepesista ser candidato a prefeito. No "paz e amor" se desculparam e choraram um no ombro do outro e tudo voltou à normalidade.
Temerosos
A preocupação maior, segundo as raposas do botequim da vila, seria do vereador Luiz Henrique Macetão Viotto (PSD) assumir o lugar de Parini e exonerar todo mundo. Era bem provável.
Vão ser
Quatro membros da equipe da transição de governo municipal nomeados pela prefeita eleita Nice, segundo dizem, vão assumir no futuro governo, cargos de confiança.
Quem pode, pode
O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira ,21 de novembro, projeto de resolução que reajusta o salário de 350 servidores de nível médio. O projeto beneficia técnicos administrativos, paramédicos e agentes da polícia legislativa admitidos nos últimos quatro anos, cuja remuneração inicial passa de R$ 6.697,66 para R$ 10.007,11. Não há motoristas, secretários parlamentares, operários e mecânicos, entre os que terão reajuste. Como se trata de matéria administrativa interna, o projeto não precisa ser aprovado pelo Senado e começa a vigorar a partir da data de sua publicação.
Privilégios
A não cobrança de área azul em volta do prédio da Catedral Nossa Senhora da Assunção vai privilegiar os madrugadores que chegam por ali ao raiar do sol e estacionam seu veículo sem pressa de deixar o local. Como também idosos e deficientes vão continuar se beneficiando das vagas que lhes são destinadas com a não determinação de tempo/hora para estacionar na vaga. Vereadores, ação.
Limpando gaveta
Segundo a turma do botequim da vila, alguns assessores de Parini já estão limpando as gavetas apesar da troca de governo se dar dentro de 37 dias.
Marcação
Lá no botequim um mandabrasa disse que no quartel peemedebista a preparação é para uma marcação cerrada em relação à futura administração municipal para o partido voltar a ocupar seu espaço de oposição. Vai ser difícil sem vereador no legislativo. Tá mais para aderir que agredir.

ETE de Jales será atração em programa da Rede TV

Nesta quarta-feira , 21 de novembro, uma equipe de reportagem da Rede TV esteve nas Estações de Tratamento de Esgotos da Sabesp em Jales e Esmeralda.
O objetivo da reportagem é retratar o trabalho de educação ambiental que é realizado pela Sabesp na Estação de Tratamento de Esgotos de Jales e a implantação de sistema de coleta, afastamento e tratamento de esgotos em pequenas comunidades, como foi implantado neste ano no distrito de Esmeralda.
O Superintendente da Unidade de Negócios do Baixo Tietê e Grande - RT de Lins, Antonio Rodrigues da Grela Filho (Dalua) esteve acompanhando as filmagens, e disse da importância das duas estações de tratamento de esgotos para a região, tanto pelo trabalho de educação ambiental desenvolvido em Jales quanto pela implantação do sistema de esgotos em pequenas comunidades, como o que ocorreu em Esmeralda. "Os maiores beneficiados são a população que ganha em qualidade de vida e o meio ambiente que recebe os esgotos devidamente tratados e da conscientização da importância de se preservar os recursos naturais", afirmou.
Além da Estação de Esgotos de Jales, foram filmados também a praça Bandeirantes, a Catedral Nossa Senhora da Assunção de Jales e depoimentos de alguns moradores. O programa irá ao ar no domingo dia 02 de Dezembro de 2012 às 16h e 45 m na Rede TV.

Mirassol FC seleciona garotas da região de Jales para ser a “Musa no Paulistão 2013”

A 1ª edição do Concurso "Musa do Mirassol FC" dá chance para a participação de garotas, com idade entre 18 e 26 anos, de Pontalinda, Palmeira D’Oeste, Indiaporã e mais 33 cidades da região. A organização vai receber até este domingo, 25 de novembro, as inscrições de candidatas que residem nos municípios conveniados ao projeto social SER (Saúde, Educação e Realização) LEÃO, como Palmeira D’Oeste, Paranapuã, Pontalinda, Rubinéia, O clube vai pré-selecionar até 15 garotas, que vão passar por uma entrevista no dia 27 de novembro, às 13 horas, no estádio José Maria de Campos Maia. Na segunda fase do concurso, cinco candidatas participarão de um ensaio fotográfico e de vídeo. Daí em diante, cada uma das candidatas vão contar com o apoio do internauta, pela fanpage oficial (https://www.facebook.com/MiraFC) do Mirassol FC, onde serão submetidas à votação do público até o dia 5 de dezembro. A garota que receber mais votos pelo link "curtir" entrará com um voto de bonificação na final do concurso, marcado para um dia depois em local e horário a ser definido pela diretoria mirassolense.

Parabéns a vocês

Nessa sexta-feira, 23 de novembro, Ana Júlia Pegolo dos Santos, soprou velinhas em comemoração a mais um aniversário, e na terça-feira, 27 de novembro, receberá os parabéns Bruna Rosa dos Santos. Felizes por elas estão os seus pais Ana Cláudia Rosa dos Santos e Rogério Luiz dos Santos.
******
Recebeu os parabéns nessa sexta-feira, 23 de novembro, por ter festejado seus 18 anos, Amanda Cristina Reinaldo, filha de Ana Maria F. e Antonio Donizete Reinaldo.
******
Na segunda-feira, 26 de novembro, os parabéns vão para Patricia Businaro Aielo, filha de Valdira e Gilberto Aielo.
******
Maria Aparecida Galavotti
, estará recebendo os parabéns por mais um aniversário na terça-feira, 27 de novembro.
******
Margareth Darc A. R Mattis, esposa de Ademir de Mattis, festejará nova idade na terça-feira, 27 de novembro. Os familiares e amigos vão lhe desejar muitos anos de vida.



A psicóloga Daniela Cristina Barroso Matias,

que atende em nossa cidade, tendo ao seu lado o esposo Ricardo Aparecido Matias, recepciona os familiares para um petit-comite na residência do casal na quarta-feira, 28 de novembro para comemorar seu aniversário

*******
O diretor financeiro da Câmara Municipal de Jales, Luiz Antonio Abra, recebeu da esposa Luiza, filhos, colegas de trabalho e amigos, os parabéns pelo aniversário comemorado nesta sexta-feira, 23 de novembro.

Coopersol de Jales participa de encontro

No dia 14 de novembro, quarta-feira, integrantes da Coopersol de Jales, visitaram a Cooper-20 de Votuporanga, onde trocaram experiências e tomaram conhecimento de projetos de trabalho desenvolvidos pelas referidas cooperativas.
Acompanharam o pessoal da Coopersol na visita, representantes da Ecoação e parceiros. Em seguida foi servido café aos participantes e para finalizar o encontro realizaram visitas aos barracões de trabalho.
O Sebrae-SP foi responsável pelo encontro entre as cooperativas, levando os funcionários da Coopersol a conhecer os trabalhos da Cooper-20

Jantar em prol a Santa Casa de Jales será no dia 8 de dezembro

A Santa Casa de Jales realiza no sábado, 8 de dezembro, a partir das 21h30 o Jantar Dançante Amigos da Santa Casa. Toda a renda será revertida para compra de aparelhos de ar-condicionado para os quartos das Unidades I e II para internados do Sistema Único de Saúde (SUS).
O evento também vai comemorar os 54 anos de fundação da Santa Casa de Jales, hospital fundado em 1958, que conta atualmente com 129 leitos, 27 especialidades médicas, aproximadamente 380 colaboradores – entre funcionários e médicos, sendo referência no atendimento para 268 mil pessoas de Jales e de mais 34 municípios da região, além disso, ainda recebe pacientes dos estados limítrofes de Goiás, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul.
O Jantar Dançante Amigos da Santa Casa terá a animação da banda Velho de War, de Fernandópolis, tocando os melhores clássicos do Pop e Rock para todos que apreciam música de qualidade e bom gosto.
No cardápio, serão servidas estão: Camarão a Pernambucana de entrada, Filé grelhado ao Molho Demi Glace com Champignon entre os pratos principais e taça de pavê de morango com ganache de chocolate e chantilly de sobremesa.
O valor do convite é R$100,00 por pessoa. As reservas podem ser feitas pelo telefone: (17) 3622-5000 (ramal 5103). Mais informações pelo telefone: (17) 97445412.

ESF Rural da Figueirinha informa e orienta

Na terça-feira, 20 de novembro, às 20 horas, foi realizado na igreja da comunidade da Figueirinha, um evento objetivando esclarecer a população da zona rural sobre o trabalho desenvolvido pela ESF Rural.
Com música para motivar o entrosamento entre os presentes e, logo após, explanações sobre o funcionamento e o atendimento dentro da unidade de saúde, a cargo de cada representante da equipe, foram esclarecidas dúvidas e ouvidas sugestões apresentadas pelos usuários.
Trata-se de uma iniciativa importante, pois o ESF Rural começou a funcionar recentemente, portanto nem todos têm conhecimento de suas atividades. Houve uma boa aceitação por parte da população do bairro rural, que mostrou interesse pela realização de outros eventos com o mesmo formato. Além das informações e orientações, a reunião proporcionou o reencontro de vizinhos que não se viam há anos.
Ao final os presentes participaram de uma confraternização, com refrigerantes, doces e salgados trazidos por todos. (Juliana Silveira).

Liberdade econômica

Reginaldo Villazón
As pessoas que procuram ter consciência da realidade – fazendo uso da mente e do coração –, têm motivos para lamentação e tristeza, tais são as situações limitadas em que vivem grandes parcelas da população. Embora o progresso tenha avançado a olhos vistos e continue sua marcha inexorável, notícias de problemas graves têm origem em todas as partes do mundo, inclusive nas mais desenvolvidas.
Nos Estados Unidos, em 2008, os prejuízos nos empréstimos hipotecários de alto risco levaram o sistema bancário à insolvência. Os preços das ações dos bancos norte-americanos despencaram nas bolsas de valores do mundo. Os bancos estrangeiros, que operavam forte com os empréstimos hipotecários de alto risco, tiveram os mesmos problemas. Assim, a crise se espalhou e afetou países, empresas e pessoas. Os bancos foram salvos com muito dinheiro público. Mas, ainda há gente que não recuperou a casa e o emprego.
A Europa, que não ficou imune à crise exportada pelos norte-americanos, teve perdas financeiras elevadas e cortes de muitos postos de trabalho. Mas havia outra crise em curso. Em 2010, veio ao conhecimento público que vários governos europeus haviam gastado mais do que tinham arrecadado em impostos. Por isto, estavam endividados em bancos e suas dívidas aumentavam com os juros.
Imagina-se um país em caos. O governo não tem dinheiro para pagar dívidas bancárias, realizar investimentos e atender os custos sociais. Precisa reduzir as despesas e aumentar a arrecadação de impostos. Os bancos têm grande volume de dinheiro emprestado ao governo (que não paga as prestações) e não tem dinheiro para continuar emprestando. Foi o que aconteceu (e continua acontecendo) na Grécia. Penúria e desespero. Depois, a crise aportou na Espanha, Itália, Portugal, França, Inglaterra, Irlanda.
Uma pessoa sem emprego, que sai de casa todos os dias e não encontra uma vaga de trabalho, não pode ser considerada vítima de uma crise econômica. Este é um fato humano, na forma e na essência. A crise, desde a sua origem nos Estados Unidos, foi perpetrada por pessoas e não por leis econômicas autônomas. Governantes e banqueiros foram os principais responsáveis. A crise está na democracia, no uso do poder. É uma restrição à liberdade da pessoa que não tem como sair da exclusão.
Os capitalistas propugnam por liberdade econômica e governos enxutos. Mas batem os pés no chão para reclamar por dinheiro público, quando eles passam por dificuldades. Assim fizeram os banqueiros e empresários (Chrysler, GM e Ford) norte-americanos, em 2008, para se livrarem da falência. Na Europa, não foi diferente.
Na Idade Média, o povo morava e produzia alimentos nas terras dos senhores reais. O povo vivia da sua produção e abastecia as despensas do castelo, onde moravam seus senhores. Mas os senhores tinham por obrigação dar proteção à vida do povo, dentro das muralhas do castelo, sempre que inimigos se aproximavam em guerra.
Hoje, o povo vota nos políticos para que eles exerçam a vontade do povo. Mas o povo não tem garantia de democracia, de liberdade econômica, sequer de proteção. Daí, quem procura ter consciência da realidade, tenha atenção.

Prefeito Melhado Neto vai presidir o Consirj

O prefeito Antonio Melhado Neto, de Paranapuã, é o novo presidente do Consórcio Municipal de Saúde da Região de Jales em substituição ao prefeito Humberto Parini que renunciou ao cargo. Malhado é médico. O prefeito Francisco Airton Saracusa foi eleito vice-presidente.
A eleição ocorreu durante assembléia do consórcio realizada nessa quarta-feira, 20 de novembro, na sala de reuniões da Prefeitura de Jales.
Dentre outros assuntos tratados, foi aprovada a proposta de alteração nos estatutos da entidade, transformando-a de consórcio privado para consorcio público.
Foi também aprovada do seu novo endereço: rua Sebastião Martins, nº 2373, no Jardim Samambaia.
Integram o Consirj os seguintes municípios: Aparecida D´Oeste, Aspásia, Dirce Reis, Dolcinópolis, Jales, Marinópolis, Mesópolis, Palmeira D´Oeste, Paranapuã, Pontalinda, Santa Salete, Santana da Ponte Pensa, São Francisco, Urânia e Vitória Brasil.

EDITAIS DE PROCLAMAS

Ademir de Mattis
, Oficial do Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas da Sede da Comarca de Jales, Estado de São Paulo. FAZ SABER que pretendem casar-se e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1.525 do Código Civil Brasileiro.
ALESSANDRO MENDONÇA DE OLIVEIRA e FRANCIELI CORDEIRO MEUDO. ELE,
natural de Palmeira D´Oeste, deste Estado, nascido aos 03 de setembro de 1.990, pedreiro, solteiro, residente e domiciliado em Palmeira D´Oeste, deste Estado, filho de Mauricio Mendonça de Oliveira e de Anisia Teles Cardoso de Oliveira. ELA, natural de Palmeira D´Oeste, deste Estado, nascida aos 07 de agosto de 1.993, balconista, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Ivair Marques Meudo e de Edinalva Rosa Cordeiro Meudo. Cópia recebida do Oficial de Registro Civil de Palmeira D´Oeste, deste Estado, onde se processa a habilitação.
THIAGO MAGALHÃES TONON PASQUOT e ELAINE CRISTINA SAURA. ELE,
natural de Americana, deste Estado, nascido aos 23 de abril de 1.980, engenheiro mecânico, divorciado, residente e domiciliado em Americana, deste Estado, filho de Celso Antonio Pasquot e de Denize Magalhães Tonon Pasquot. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 20 de dezembro de 1.974, esteticista, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Antonio Saura Garcia e de Encarnação Lopes Saura Garcia. Cópia recebida do Oficial de Registro Civil de Americana, deste Estado, onde se processa a habilitação.
MARCELO TAKESHI MIURA e GISELE DE PAULA TEIXEIRA. ELE,
natural de Ribeirão Preto, deste Estado, nascido aos 19 de fevereiro de 1.982, auxiliar de escritório, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Fideo Nelson Miura e de Toshie Doho Miura. ELA, natural de Santo André, deste Estado, nascida aos 20 de junho de 1.984, secretária, solteira, residente e domiciliada em Santa Fé do Sul, deste Estado, filha de Luiz Antonio Teixeira e de Elza Maria de Paula Teixeira. Cópia para ser afixada no Oficial de Registro Civil de Santa Fé do Sul, deste Estado, onde reside a contraente.
AKIO TANAKA e LUZIA SOUZA DE OLIVEIRA. ELE,
natural de Pereira Barreto, deste Estado, nascido aos 19 de outubro de 1.951, bancário aposentado, divorciado, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Yassuo Tanaka e de Hisako Tanaka. ELA, natural de Pedreiras, Estado de Maranhão, nascida aos 23 de maio de 1.973, do lar, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Raimundo Ferreira de Oliveira e de Rita Souza de Oliveira.
LUCIANO SANCHES BRAGA RODRIGUES e REGIANE RODRIGUES DA SILVA. ELE
, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 20 de março de 1.982, pedreiro, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Jorge Donizeti de Oliveira Rodrigues e de Dioneia Braga Rodrigues. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 25 de outubro de 1.976, do lar, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Erminio Rodrigues da Silva e de Ilidia Aranha da Silva.
HENRIQUE DA SILVA GUILHERME e DANIELA MATHEUS FERNANDES. ELE,
natural de Jales, deste Estado, nascido aos 08 de março de 1.981, gerente administrativo, divorciado, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Odvair Guilherme e de Dirce da Silva Guilherme. ELA, natural de Santa Fé do Sul, deste Estado, nascida aos 06 de maio de 1.987, contadora, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Milton Sanches Fernandes e de Marli Susette Matheus Fernandes.
JÚLIO ARNALDO RODRIGUES VAZ PEREIRA e TAÍSA FERNANDA MENGUINE. ELE
, natural de Osasco, deste Estado, nascido aos 08 de maio de 1.985, segurança, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Paulo Pereira e de Terezinha Rodrigues Vaz Pereira. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 23 de junho de 1.988, secretária, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Sergio Serrano Menguine e de Ivone Aparecida Monzani Menguine.
JOSÉ ROBERTO DA SILVA MORAIS DOS SANTOS e ANA PAULA PEREIRA MISSIAS
. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 22 de agosto de 1.983, técnico em eletrônica, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Expedito Valentin Morais dos Santos e de Maria Zuleide da Silva Morais dos Santos. ELA, natural de São José do Rio Preto, deste Estado, nascida aos 19 de dezembro de 1.985, cirurgiã dentista, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de José Carlos Missias e de Iraci Marques Pereira Missias.
DANILO GUSTAVO DA SILVA CUNHA e PRISCILA GRACIELI DE SOUZA
. ELE, natural de Jales, deste Estado, nascido aos 20 de abril de 1.982, vendedor, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Natalino da Cunha e de Ivanilda Dutra da Silva Cunha. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida aos 10 de março de 1.985, auxiliar de escritório, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Luis Roberto de Souza e de Clarice Ferreira dos Santos Souza.
MICHEL BOAVENTURA DOS SANTOS e ANDRESSA DOS SANTOS GENOVA. ELE
, natural de São João de Iracema, deste Estado, nascido aos 26 de junho de 1.989, operador de máquinas industriais III, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Fidelcino Tomaz Boaventura dos Santos e de Alaide Pereira dos Santos. ELA, natural de Jales, deste Estado, nascida ao 1º de setembro de 1.992, do lar, solteira, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Dorival Roque Genova e de Edenir dos Santos Genova.
WALYSSON LUIZ GONÇALVES DA COSTA e CARINA CARMELA MORANDIN
. ELE, natural de Urânia, deste Estado, nascido aos 02 de novembro de 1.976, pecuarista, solteiro, residente e domiciliado nesta Cidade, filho de Luiz Gonçalves da Costa e de Cleusa Ferreira Galvão da Costa. ELA, natural de Fernandópolis, deste Estado, nascida aos 16 de janeiro de 1.980, advogada, divorciada, residente e domiciliada nesta Cidade, filha de Aldair Morandin e de Alaide Ferreira Morandin.
SE ALGUÉM SOUBER DE ALGUM IMPEDIMENTO OPONHA-O NA FORMA DA LEI. LAVRO OS PRESENTES PARA SEREM AFIXADOS NO REGISTRO CIVIL E PUBLICADOS NA FOLHA NOROESTE, NESTA CIDADE DE JALES.
Ademir de Mattis
- Oficial

As razões do coração

Adelvair David
www.addavid.blogspot.com

Basta que uma dor se apresente onde quer que seja e logo corações beneméritos estendem a mão em auxílio de alguma forma.
O homem comum não compreende estes movimentos caritativos. O limite estreito onde se detém não lhe permite alcançar as razões que faz com que pessoas desconhecidas se preocupem umas com as outras; que seres que não possuindo quase nada, ainda encontrem algo para dividir.
É o coração humano, que tem suas próprias razões para se importar com o seu semelhante. Estas estão ligadas a uma capacidade natural que pode ser desenvolvida por qualquer pessoa. Assim como os músculos necessitam de exercícios apropriados para atingirem seu desempenho, o coração também deve ser cuidadosamente preparado para percepções mais delicadas, que não exigem força, mas sim sensibilidade.
De todas as experiências humanas, a mais significativa e que traz mais crescimento moral e espiritual, traduzindo de forma efetiva a natureza divina de cada pessoa, é a de conviver nas fronteiras das dificuldades alheias. Ali acontece de tudo; privações, dores, indigências, lágrimas, humilhações e mais... Aquele que se permite servir não será mais o mesmo. Impossível auxiliar uma dor e permanecer enrijecido para as decisões nobres e elevadas da vida. Ocorre sempre um fenômeno muito interessante no coração de quem auxilia, é uma boa inquietação que nasce e aumenta a cada instante, uma ternura que faz com que a lembrança do sofrimento do outro se traduza em lágrimas e se tenha vontade de ir em seu socorro.
Assim, quem procede desta maneira, torna-se instrumento dócil das forças divinas, que através dos seus mensageiros encontram farta disponibilidade, seja ela material e ou espiritual para que a vontade de Deus seja cumprida, a de fazer com que as suas bênçãos chegue até o necessitado.
Aquele que ocupa suas horas atendendo aos convites do coração encontrará sem reservas muitas razões para amar. Se assim não fosse o Senhor Jesus não nos teria dito que a mesma felicidade que desejamos para nós, deveríamos primeiro proporcioná-las ao nosso semelhante. "Ama ao teu próximo como a ti mesmo".
Que não se preocupe o homem em apresentar suas mãos a serviço do coração, não irá manchá-las como alegam alguns; findando a tarefa, elas estarão mais límpidas e luminosas, sem as nódoas da indiferença e dos crimes do passado. A única coisa que pode prender as mãos do homem, é usá-las para prejudicar o seu semelhante em quem se encarcera até o pagamento do último ceitil moral que deva, assim asseverou Jesus.
Desdobrando o coração em doação, a criatura humana se despirá da presunção e vestirá a humildade, única túnica aceita no reino dos céus.
O CORAÇÃO SEMPRE TERÁ MUITAS RAZÕES PARA AMAR E CONSEQUENTE SER FELIZ.

Nenê do Petshop e Macetão buscam recursos para melhorar Centro de Zoonoses de Jales

Atendendo a um pedido de Fagner Amado Pelarini (PRB), o Nenê do Petshop, que obteve 678 votos no pleito de outubro, como candidato a vereador, o presidente da Câmara Municipal Luiz Henrique Macetão Viotto, solicitou ao deputado estadual Feliciano Filho (PEN), recursos financeiros para garantir melhorias ao Centro de Zoonoses de Jales, ligado à Secretaria Municipal de Saúde. O encontro aconteceu entre os dias 6 e 8 de novembro.
De acordo com Macetão, a verba se faz necessária para dar continuidade ao trabalho do Centro, como por exemplo, o efetivo controle de doenças transmissíveis aos humanos, prevenção de acidentes envolvendo animais criados soltos nas vias públicas da cidade, sentimento de que devem ser empreendidos esforços mais eficazes e imediatos na proteção e oferecimento de uma melhor qualidade de vida para animais em situação de risco, em especial os de pequeno e médio porte.
Feliciano Filho acatou o pedido e disse que vai trabalhar para incluí-lo no Orçamento Anual de 2013. "Trabalharei para garantir os recursos que viabilizem a compra de equipamentos e talvez a construção de um centro cirúrgico adequado e necessário para a implantação de programas de castração de cães e gatos na cidade de Jales".
Segundo o agente de zoonoses, Benedito Gonçalo Queiroz, o Centro de Zoonoses necessita de um centro cirúrgico equipado e que possibilite um trabalho eficaz de toda a equipe. "Começamos fazer, modestamente, a castração de cães e gatos, mas precisamos construir nosso centro cirúrgico, adequado e equipado para promovermos esse trabalho tão importante. Fico feliz em saber que o deputado Feliciano Filho vai se empenhar em conseguir os recursos necessários para esse fim".
Além dos R$ 120 mil, Macetão pediu a viabilização de mais R$ 100 mil que serão utilizados para obras de readequação da sede do Centro de Zoonoses que hoje funciona em local anexo ao Recinto da Facip. "Esse recurso é um pouco mais complicado porque dependemos da Secretaria Estadual de Meio Ambiente, mas também tomarei as devidas providências para tentar incluir o pedido de recursos no orçamento de 2013", disse o deputado.
Macetão aproveitou a oportunidade para lembrar que "quem tem animais de estimação se envolva neste trabalho do Centro de Zoonoses e colabore, não abandonando seus bichos na rua, evitando abandono. Se você não tem condições de cuidar dos filhotes, opte pela castração do animal. Somente com o envolvimento de toda a sociedade, haverá um ambiente melhor para se viver e os animais domésticos terão mais qualidade de vida".

Via pulchritudinis

D. Demétrio Valentini

No recente Sínodo, realizado no passado mês de outubro, causou surpresa uma proposta, que soava no mínimo como original.
O assunto girava em torno dos caminhos para a transmissão da fé. Foi então que alguém lembrou a proximidade que sempre existiu entre a fé e a arte. A arte pode se tornar um bom caminho para conduzir à fé. Ela desperta nossa sensibilidade para o belo, que é predicado divino. Pois uma das tentativas de expressar a realidade divina é entendê-la como a realização suprema do bom e do belo.
Neste contexto toma forma a expressão latina, que identifica na beleza um caminho para a fé. A "via pulchritudinis", o "caminho da beleza". Se tomamos o caminho da vida na estação da beleza, percebemos então que a vida vai nos dando muitos motivos de admirar a natureza. E esta, por sua beleza, nos enseja a "ligação" que podemos fazer, buscando a coerência maior que a fé proporciona, identificando a natureza como sinal de uma plenitude em que o belo e o bom passam de predicado para substantivo sem limites.
Se reparamos bem, os salmos da Bíblia nos mostram, de diferentes maneiras, como a beleza do universo se torna caminho de fé, que nos leva a louvar e agradecer ao Criador do universo.
O salmista, extasiado diante da harmonia do universo, pergunta com admiração frente a tanta beleza: "Que é o homem para o cuidardes com tanto carinho?"
Como resposta, percebe o homem envolvido nos grandes planos de Deus: "Pouco abaixo de Deus o fizestes, de glória e honra o coroastes!".
Ao longo da história, a Igreja se mostrou parceira dos artistas. Eles souberam se inspirar no mundo da fé, para idealizar suas grandes obras de arte. Existe uma interação entre fé e arte. A fé inspira a arte, e a arte acaba confirmando a fé.
Quem entra, por exemplo, na basílica São Pedro, se depara com a famosa estátua da Pietà, feita por Michelangelo quando ele tinha 22 anos de idade. Diante desta estátua genial, quem se atreve a acusar o artista de idólatra, por ter feito uma imagem? A arte convida a erguer nosso espírito para o alto, e não para enclausurá-lo em questiúnculas equivocadas.
Podemos lembrar outra obra do mesmo artista, desta vez em forma de pintura, o famoso quadro do Juízo Final, na parede principal da Capela Sistina. A fé proporcionou ao artista o tema de sua obra. E a obra de arte imortalizou o Evangelho simbólico do Juízo Final.
A fé estimula os artistas, e os artistas acabam prestando um bom serviço para a fé.
Disto precisa resultar uma preocupação, que vai se mostrando cada dia mais urgente. Como preservar nosso patrimônio artístico, traduzido sobretudo, nas construções de nossas Igrejas. Muitas vezes elas ficam expostas a deformações, oriundas de iniciativas de reformá-las, sem levar em conta o que o projeto original queria expressar.
Em todo o caso, a "via pulchritudinis" merece ser mais valorizada. Para que a beleza do universo, obra de Deus, junto com a beleza das obras artísticas, se torne um caminho propício e fecundo, de reencontro da fé e de sua oportuna transmissão.
Assim, o belo e o bom poderão andar de mãos dadas, e a justiça e a paz se abraçarão.
Aí o mundo vai ficar muito mais bonito do que está.

Lei de Acesso à Informação será um dos temas de debate na Assembleia Legislativa de São Paulo

O Instituto do Legislativo Paulista (ILP) e o Comitê do Portal da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo promovem, entre os dias 29 e 30 de novembro, a partir das 9h, o seminário e-Democracia: Parlamento e Política na Era Digital, no auditório Franco Montoro do Palácio 9 de Julho.
No seminário será debatido (em 29/11) o Acesso à Informação e Dados Abertos, e (em 30/11) Internet e Participação Política. Os dois blocos de assunto serão divididos em três painéis e uma mesa-redonda cada, abrangendo temas como a Lei de Acesso à Informação, apresentado por Cibelle Vieira, da Controladoria-Geral da União; o Parlamento Aberto na Era da Internet, por Cristiano Ferri Soares de Faria, da Câmara dos Deputados; os Limites da Racionalidade Técnica, com o professor titular do Instituto de Psicologia da USP José Leon Crochick; Política e Parlamento na Era Digital, com o professor titular da Unesp Marco Aurélio Nogueira; Projeto Você no Parlamento, com Airton Goes, da Rede Nossa São Paulo, entre outros. Além da presença de Maurílio Maldonado, diretor-presidente do ILP, e de Tania Rodrigues Mendes, do Comitê do Portal, o seminário terá ainda a participação de especialistas e técnicos da Assembleia Legislativa de Goiás e de outras organizações da sociedade civil

Sebrae–SP promove 1º Encontro de Agricultores na região de Jales


O Sebrae–SP em parceria com o Sindicato Rural de Jales, Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente e Cooperativa Agrícola Mista dos Produtores da Região de Jales, realiza o 1º Encontro de Agricultores na Região de Jales, a ser realizado no dia 27 de novembro, às 18h30, no auditório da sede do Sindicato Rural.
O evento será gratuito e direcionado, principalmente, aos produtores de fruticultura e olericultura . O encontro se dará na forma de palestras proferidas por consultores credenciados do Sebrae–SP envolvendo temas relacionados à tecnologia na produção agrícola e apresentação dos resultados do projeto AgroSebrae com produtores atendidos pelo programa na região.
Os interessados em participar do encontro devem se inscrever no Sindicato Rural. Mais informações pelo telefone: (17) 36327077.
Confira a programação completa: – 18h30 – Coquetel de boas vindas – 19h00 – Palestra: "Tecnologias diferenciadas para melhoria da produção agrícola" - Palestrante: Shigueo  Sumie (Eng. Agrônomo, consultor do IBS – Instituto BioSistemico credenciado no programa Sebraetec do Sebrae-SP) – 19h45 – Palestra: "Resultados do Projeto
AgroSebrae" - Palestrante:

Viviane Karina Gianlorenço (Zootecnista, consultora de agronegócios do SEBRAE-SP - Escritório Regional Votuporanga) – 20h30 – Depoimento de produtor para produtor – 21h Encerramento

Caminhada “Passos que Salvam" será realizada nesse domingo 25 de novembro, em Jales

Nesse domingo, 25 de novembro, acontece a caminhada "Passos que Salvam", que tem como objetivo despertar e conscientizar a população sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer em crianças e jovens.
A largada será no Hospital de Câncer de Jales às 8 horas com chegada na praça "João Mariano de Freitas".
Para participar e "dar o primeiro passo", é necessário adquirir um "kit caminhada" no valor de R$ 20,00, que contém uma camiseta e um squeeze. Os kits podem ser encontrados no Hospital de Câncer de Barretos – Unidade III Jales, AVCC, Proença Supermercados, Sakashita Supermercados, Comboio e Posto Pupim.
Todo recurso obtido com a caminhada será destinado à conclusão das obras da segunda etapa do Hospital de Câncer Infanto-juvenil, inaugurado em março de 2012.
Ao todo serão 21 cidades: Colina, Jaboticabal, Monte Alto, Embaúba, Guariba, Severínia, Bebedouro, Taquaritinga, Pirangi, Sertãozinho, São Joaquim da Barra, Jaborandi, Batatais, Guaraci, Guaira, Olímpia, Itápolis, Catanduva, Jales, Ji-Paraná e Porto Velho.
No ano passado houve 200 novos casos de câncer infantil. Neste ano a expectativa é de atender entre 400 a 600 novos casos, porém temos estrutura para atendimento de 800 novos casos por ano.
O hospital sempre tratou com atenção o câncer infantojuvenil, construindo uma equipe multidisciplinar exclusiva para este tipo de tratamento, porém sempre tivemos como objetivo melhorar, ampliar e qualificar cada vez mais a atenção e a humanização no tratamento do câncer infantojuvenil.
Em março de 2012 mais uma conquista foi realizada com a inauguração da ala ambulatorial do Hospital de Câncer Infantojuvenil, estrutura diferenciada, voltada para o ambiente infantil, com atenção exclusiva, individualizada com atendimento 100% SUS.

PALAVRAS DE CHICO XAVIER


Se não tivermos um compromisso de ordem espiritual com base em religião, talvez estejamos facilmente enganados pelos nossos próprios sentimentos pessoais. É a religião que nos controla... Conquanto nosso respeito à ciência e à filosofia, elas não nos impedem a prática do mal. É a religião, com a fé em Deus na frente e com a idéia da imortalidade na lei de causa e efeito, que nos impõe a responsabilidade do dever com o amor uns pelos outros...
Esta coluna tem o patrocínio e responsabilidade da
Associação Espírita "Chico Xavier" de Jales.

CDHU construirá mais 99 casas populares em Jales

O prefeito Humberto Parini foi recebido em audiência pelo secretário Silvio Torres (foto), da Habitação, oportunidade em que fez entrega da escritura de doação e assinou toda a documentação necessária para o início das obras de mais 99 unidades habitacionais em nossa cidade. A reunião que contou com a presença do engenheiro Marcos Penido, presidente da CDHU, aconteceu no dia 14 de novembro, na sede da Secretaria da Habitação, em São Paulo. Trata-se do conjunto Jales L, que vai custar cerca de R$ 7 milhões, localizado no prolongamento da avenida Salustiano Pupim, próximo ao novo cemitério municipal.
O novo conjunto de casas populares será dotado de toda a infra-estrutura necessária: água e esgoto, asfalto, guias e sarjetas, rede elétrica, iluminação pública, calçadas e galerias. No ato foi dada ordem de serviço para início da obra.

Um presente especial

Marta Sousa Costa
www.martasousacosta.com
Sonhar, todos sonham. Alguns sonham com a mesma coisa por toda a vida, esperando que caia do céu, por empenho de algum santo. Outros resolvem, de saída, que o sonho é muita areia pro seu caminhãozinho e se tornam frustrados, fazendo de tudo para atrapalhar a realização dos projetos dos outros, porque o sucesso alheio dói demais. Alguns, no entanto – pena que não sejam muitos – perseguem seus sonhos com garra e determinação, tal como o menino que lança a pipa ao vento e só sossega quando a vê voar, vitoriosa.
Neste ano de 2012, a cidade de Pelotas completou 200 anos. Recebeu muitas homenagens e alguns puxões de orelha, tanto dos eternos descontentes como de quem, mais que tudo, deseja vê-la progredir e recuperar o antigo prestígio. Só que, nessa história de comparar o hoje ao ontem, a gente se perde, procurando culpados, sem atentar para o fato de que cabe aos cidadãos de cada cidade tomar a si o destino do lugar onde vivem. E por que nossos antepassados assumiram essa tarefa, com generosidade e empenho, a vila prosperou e se tornou cidade.
Desde quando os primeiros imigrantes chegaram, procurando um lugar para viver em paz, nossos antepassados sonharam e lutaram para realizar seus sonhos.Traçaram ruas, ergueram prédios, hospitais e igrejas; acreditaram. Por isso estamos aqui, continuando a história. Sonhar, todos sonham. Acreditar no sonho e lutar para realizá-lo, sem medir esforços, é próprio dos empreendedores. Convencer outros da importância do que se almeja e conseguir que participem, contribuam, assumam nossas ideias como se fossem suas, é a medida do sucesso. Pois foi essa a tarefa que se propôs a escritora Zênia de Leon, presidente da Academia Pelotense de Letras.
Quem vê a figura miúda, de aparência frágil, jamais poderá imaginar a força e a tenacidade inquebrantável que a sustentam. Pois Zênia teve o sonho de presentear a cidade de Pelotas, em nome da Academia Pelotense de Letras, com um presente: um monumento, comemorativo aos 200 anos, colocado em frente ao atual prédio da Academia Pelotense de Letras. Só que Zenia não pensou pequeno: imaginou um pórtico, erguendo-se imponente quase à esquina do Parque Dom Antônio Zattera.
Desde 2007, junto com os membros da Academia, Zênia batalhou para transformar seu sonho em realidade, enfrentando o ceticismo de muitos (meu, inclusive, pelo que me penitencio aqui), as puxadas de tapete, as reviravoltas de etapas já concluídas, legalmente, essas em nome da guerra de vaidades. Zênia não esmoreceu e, com sua fé e determinação, foi conquistando adeptos, ampliando o leque dos apoiadores, pois a obra, prevista para ser iniciada em 2008, obviamente necessitou de mais recursos, por ter todos os trâmites legais somente concluídos em 2012, quando pôde ser realizada. Mas o importante é que, em seu Bicentenário, Pelotas recebeu este lindo presente, onde já vejo saraus acontecendo, noivos posando para fotos, crianças brincando entre as colunas, na celebração da história que continua.
Na parte superior do pórtico, o lema da Academia Pelotense de Letras, "Per áspera ad Astra", lembra que "pelas asperezas, se alcança aos astros". Seja seguindo para o trabalho, regressando de empreitada desanimadora ou preparando-se para qualquer batalha, saibam os passantes que os caminhos se abrem, quando os sonhos são conduzidos com determinação e certeza do seu valor.
Parabéns, Zênia de Leon, pela capacidade de alçar voo, perseguindo seus sonhos, como faria a águia, não por acaso símbolo desta Academia de Letras.

Rodrigues da Grela, da Sabesp, apresenta trabalho sobre combate a perdas de águas em seminário


Entre os dias 12 e 14 de novembro, a Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento (Aesbe) promoveu na sede da entidade, em Brasília (DF) o II Seminário "Gestão de Perdas Reais",
O superintendente da Unidade de Negócio Baixo Tietê e Grande da Sabesp, com sede em Lins, Antônio Rodrigues da Grela Filho, participou no dia 13 de novembro, pela manhã, no "Workshop 1 – Macromedição, análise de perdas e indicadores de desempenho", quando apresentou um tema sobre "Controle de perdas por intermédio de fator de pesquisa e haste de escuta", trabalho esse, que é o diferencial no combate a perda de água, utilizado na região.
O trabalho foi apresentado para 62 técnicos de 25 Estados.
Rodrigues da Grela falou ainda da visita da comitiva internacional que esteve na nossa região numa parceria com a JICA - Japan International Cooperation Agency, os quais participaram do 3º Curso Internacional de Boas Práticas Operacionais para prevenção, redução e controle de perdas em sistemas de distribuição de água.
O evento faz parte do Programa de Intercâmbio, Cooperação e Incentivo à Melhoria da Gestão de Perdas e Eficiência Energética, lançado em setembro deste ano, fruto da parceria entre a Aesbe e o Banco Interamericano de Desenvolvimento – BID.
Ao todo, o Programa, que conta com sete Câmaras Técnicas, prevê a realização de quatro seminários, com o último sendo promovido em maio de 2013
Referência no Brasil – O trabalho da Sabesp em combate às perdas é referência nacional e essa região composta por 82 municípios tem o melhor índice de toda a Sabesp.

No próximo final de semana acontece na E.E. Euplhy Jalles, o NS Skate Champ

Será realizado nos dias 1° e 2 de dezembro, próximo final de semana, durante o dia todo, na E.E. "Dr. Euphly Jalles", o campeonato de skate "NS Skate Champ".
O evento contará com a presença do profissional Augusto "Fumaça" um dos melhores skatistas do país, e terá participação de atletas iniciantes e amadores. As modalidades na categoria feminina serão representadas no evento.
Segundo Willians Fernandes Moreira, o popular Zóio "o evento visa, principalmente, fortalecer o esporte em Jales e região. Dentre as cidades participantes estão Santa Fé do Sul, Fernandópolis, Votuporanga, Ilha Solteira, Andradina, Presidente Prudente, Araçatuba, Olímpia, Paranaíba, Três Lagoas, Campo Grande e outras".
As categorias Iniciante e Amador Open receberão premiações com acessórios para a prática do esporte até o 5º lugar e medalhas até o 10º. A categoria Feminino será premiada até a 3ª colocação.

SÍSIFO, MANÉ E A ESPERANÇA

GAUDÊNCIO TORQUATO

O julgamento da Ação Penal 470 (mensalão) mudará a cultura política. É evidente que a mudança não ocorrerá de maneira abrupta. Será lenta gradual. É de se esperar por um processo de depuração da vida parlamentar, após a decisão do STF de punir poderosos, a partir de representantes do povo no Parlamento. Alterações nos padrões funcionais e nos costumes parlamentares são exigências do momento que o país atravessa. Por que as mudanças demorarão a vir? A resposta, convenhamos, é complexa e, de pronto, esbarra na lição de Maquiavel: "Nada é mais difícil de executar, mais duvidoso de ter êxito ou mais perigoso de manejar do que dar início a uma nova ordem de coisas. Na verdade, o reformador tem inimigos em todos os que lucram com a velha ordem e apenas defensores tépidos nos que lucrariam com a nova ordem." Sejamos realistas. Há poucos reformadores nos conjuntos parlamentares e há muitos que lucram com a manutenção dos velhos sistemas. Entre os que apregoam mudanças, uns apontam para medidas pontuais e momentâneas, cujo escopo não abriga a matriz das mazelas, e outros há que nem sabem por onde se chega ao caminho das mudanças.
Sob esse feixe de hipóteses, três vertentes se apresentam como as mais prováveis na esfera das ocorrências futuras: a primeira é de que o atual ciclo de tensão será ultrapassado pelo próxima; a segunda, ancorada na banalização, mostra o brasileiro cada vez mais impermeável à barbárie da política; e a terceira, regada a esperança, põe fé na crença de que uma flor pode nascer no pântano. Nesse caso, aposta-se na reconstrução das regras do jogo político. As duas primeiras vertentes são maléficas para o caráter nacional. Comparam-se às maldições de Sísifo e Mané. Basta estabelecer a relação entre elas e a nossa crônica crise política. Condenado a carregar uma pedra sobre os ombros e depositá-la no cume da montanha, o matreiro rei de Corinto jamais iria conseguir o feito. O castigo que os deuses lhe deram no Hades, o mundo dos mortos, era definitivo: recomeçar a tarefa todos os dias por toda a eternidade. De tanto fazer o esforço repetitivo, virou um Mané, aquele esforçado sujeito que, obcecado pela ideia de escapar do fundo do poço, onde caiu, tornou-se insensível a qualquer ajuda externa. Uma pessoa ouviu um barulho, aproximou-se do poço, jogou uma corda e gritou: "Pegue a corda e saia." Irritado, o bronco respondeu: "Não vê que estou trabalhando? Não quero sua ajuda."
O brasileiro tem um pouco de Sísifo e um pouco de Mané. Ao achar que a situação começa a melhorar - com a pedra chegando ao pico da montanha -, vê, de repente, a coisa degringolar. Terá de reiniciar a tarefa de subir com o pedaço de rocha. Um eterno retorno. A repetição do maçante exercício de expectativas frustradas brutaliza seus instintos. Torna-se, assim, impermeável aos eventos que ocorrem ao seu redor, mesmo os mais catastróficos. Vira catatônico. Essa é a carga psicológica que a crise deposita sobre a alma nacional. O ciclo de banalização de escândalos que, nos últimos anos, se espraia pela frente política afeta um dos mais altos valores republicanos: a confiança nos políticos. Escorrendo pelo ralo, ela arrasta consigo a força da nacionalidade, o amor à Pátria, o sentimento de inclusão e de identificação com os símbolos nacionais, o orgulho de pertencimento a uma sociedade com padrões éticos e morais. Mas há quem distinga as luzes de um contraponto, um sinal de esperança. Sinal aberto pelo julgamento do mensalão. Nesse caso, a hipótese leva em conta o eco da tuba de ressonância da mídia. Todas as camadas - com acesso à TV e ao rádio - vêem a lama que escorre da arquitetura política. E passam a exigir mudanças;
As conexões formam a química para a flor nascer no lamaçal. A crise de desconfiança que assola a esfera política flagra os atores do palco da representação social. Essa é a associação que se processa no sistema cognitivo da sociedade. A infalível interlocução das ruas e de parlatórios mais elevados propaga um sentimento, mesmo difuso, de mal-estar generalizado. Cristaliza-se a convicção de que a desobediência às leis e a infração a valores morais e princípios éticos nascem e se desenvolvem na roça dos próprios autores das leis. Tal contradição agita os ânimos de espíritos E, assim, parcela ponderável da sociedade abre o bico em sinal de protesto e indignação. Críticas ácidas saem de esquadrões da classe média, cuja repulsa aos maus comportamentos emerge de forma contundente na mídia.
Portanto, da sensação de que está sempre vendo as mesmas coisas e da constatação de que os tonéis da corrupção estão locupletados o brasileiro extrai a argamassa para aumentar a pressão por mudanças. Dessa operação, por uma combinação de fatores - escândalos em profusão, repercussão na mídia, atores que, até então, eram imunes às condenações, corporativismo -, desenvolve-se um mecanismo de repulsa e ações organizadas se expandem nas redes sociais. A deterioração do sistema político faz florescer ondas de indignação. Essa é a flor no pântano, cuja propagação obedece a um movimento centrífugo, do centro para as margens, ou seja, das classes médias para os habitantes da base da pirâmide.
Vale lembrar o preceito da ciência política pelo qual as grandes mudanças da História são produzidas quando os favorecidos e apaniguados do poder não têm a capacidade para transformá-lo em força, enquanto os que dispõem de pequeno poderio aproveitam essa capacidade ao máximo para convertê-la em força crescente. É o que estamos começando a ver por aqui. Se falta vontade do andar de cima, sobra revolta do andar debaixo. Como no jogo de xadrez, o peão pode ganhar força superior à do bispo. Essa é a chama da esperança que começa a florescer nos jardins de nossa República, por ocasião de seu 123º aniversário.
Gaudêncio Torquato, jornalista, professor titular da USP é consultor político e de comunicação. Twitter: @gaudtorquato

O papel do TCE no combate aos cartéis

* Dimas Eduardo Ramalho

A competição é a essência do processo licitatório. Ela permite que a Administração Pública adquira bens de melhor qualidade a preços mais baixos. Para isso, as regras da licitação determinadas no Edital devem permitir a participação do maior número possível de participantes, impondo somente as condições necessárias para que as propostas se adequem às necessidades da Administração Pública.
Nesse cenário, cartéis - acordos entre concorrentes para determinar o resultado das licitações - são extremamente maléficos já que podem resultar na eliminação da concorrência na licitação. Muitas vezes, referidos acordos são viabilizados pelo direcionamento do Edital. Ou seja, servidores públicos ilegalmente elaboram editais de licitações públicas "sob medida" para selecionar os membros do cartel e excluir os licitantes independentes. Nota-se, portanto, que a prática de cartéis em licitações e compras públicas e corrupção são fortemente interligadas.
Cartéis são cada vez mais combatidos no Brasil. Não são somente ilícitos administrativos punidos pelo Conselho de Administrativo de Defesa Econômica, mas também são crimes. Como são ilícitos de difícil detecção, a Administração utiliza táticas sofisticadas de investigação tais como buscas e apreensões e interceptações telefônicas. Ocorre que, quando são detectados e condenados em âmbito criminal e administrativo, já fizeram um estrago enorme ao bem comum. O contribuinte já pagou uma conta cara por um serviço ou bem de pior qualidade do que o que seria oferecido em um processo licitatório competitivo.
Nesse cenário, o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo realiza um importante papel combatendo a corrupção. O Tribunal de Contas julga irregulares contratos e licitações em que haja indícios de cláusulas restritivas da concorrência. Mas não é só. O Tribunal também julga representações que denunciam a existência de condições nos Editais que limitem injustificadamente o universo de competidores. Trata-se do Exame Prévio de Edital. Se o TCE receber a representação em até 24 horas da data de recebimento das propostas e verificar a existência de cláusulas restritivas da concorrência, ele determinará liminarmente a paralisação de licitações. Após a análise da representação, ele poderá determinar a correção do ato convocatório ou mesmo a anulação do certame.
A importância da análise de Exame Prévio de Edital é que o Tribunal age antes da realização da licitação e da contratação, preservando o interesse público e dificultando não só a corrupção e o direcionamento das licitações, mas também a atuação de cartéis. Desse modo, o Tribunal atua de maneira preventiva, evitando prejuízo ao erário e impedindo a concretização de atos que somente seriam analisados e eventualmente corrigidos após produzirem os efeitos lesivos à sociedade. * Dimas Eduardo Ramalho é Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Jovem morre ao chocar-se com um cabo de aço

Um acidente chocou moradores de Jales no início da tarde desta segunda-feira, 19 de novembro.  Rafael Goes, de 18 anos, estudante de fisioterapia que trabalhava no departamento de cobranças da empresa Casa dos Parafusos em Jales, morreu quando teve a cabeça arrancada de seu corpo em cabo de aço que ligava duas máquinas da Prefeitura de Jales – uma rebocava a outra na hora do acidente. O acidente aconteceu na avenida João Amadeu, próximo ao viaduto José Carlos Guisso, sob a rodovia Euclides da Cunha.

Hospital de Câncer de Barretos inaugura Instituto de Prevenção em Fernandópolis (SP)

Com o intuito de disseminar a cultura da prevenção e câncer e de melhorar o diagnóstico precoce na região de São José de Rio Preto e Araçatuba, o Hospital de Câncer de Barretos inaugura na próxima sexta-feira (23/11), às 10 horas, o Instituto de Prevenção "Gulia Marzola Faria" em Fernandópolis (SP). A unidade atenderá 95 municípios e realizará, primeiramente, exames preventivos de mama.
O prédio, que tem 3.012 m2 de área construída, conta com salas para exames, consultórios, centro cirúrgico para pequenas cirurgias e biópsias, além de equipamentos como mamógrafo digital, ultrassom e mesa de estereotaxia. A capacidade de atendimento do centro é 50 mamografias e 40 ultrassons por dia, e 20 biópsias por semana.
A segunda etapa do projeto, que ainda não tem previsão de ser finalizada, visa à construção de uma estrutura que permita que se faça a prevenção de câncer de próstata, colo do útero e digestivo alto e baixo.
História do Departamento de Prevenção
– O início deste trabalho surgiu no ano de 1994 com o intuito de melhorar o diagnóstico precoce de câncer na região, pois os casos que chegavam até essa instituição, principalmente aqueles relacionados a mama e colo de útero, encontravam-se quase sempre em estágio avançado. A estratégia adotada consistia em uma busca ativa de mulheres para fazerem os exames preventivos de câncer em seus domicílios ou em locais próximos. O Hospital ia até a residência dessas mulheres, na periferia de Barretos, para a realização de exames preventivos de Colo Uterino.
Essa atuação trouxe resultados positivos: do total de mulheres diagnosticadas com câncer, 80% dos casos estavam em estadiamento inicial - período do desenvolvimento da doença em que a chance de cura é de 90%. Com o sucesso desta iniciativa, o trabalho de prevenção foi estendido para toda a população rural e urbana de Barretos.
O projeto cresceu, ganhou uma estrutura elaborada e começou a atuar não somente em Barretos, mas em outras regiões do país, realizando assim, um trabalho de prevenção de câncer pioneiro na América Latina. Atualmente, o Hospital de Câncer de Barretos possui seis unidades móveis (ônibus e carretas adaptadas) e quatro unidades fixas (Barretos, Juazeiro, Bahia e Fernandópolis).
As unidades móveis realizam o rastreamento do câncer de mama, colo de útero, próstata e câncer de pele através de exames preventivos na população. No caso do câncer de pele, além dos exames, os pacientes podem ser tratados na própria unidade móvel, equipada com um centro cirúrgico completo para a realização de cirurgias ambulatoriais.
Para poder atuar de maneira eficiente e especializada, as unidades móveis de prevenção realizam diferentes tipos de exames e vão a diferentes localidades do país. Algumas unidades realizam exames preventivos de câncer de mama e colo uterino (Unidades I, II, IV, V e VI) e outras efetivam exames preventivos de pele, próstata e colo uterino. (Unidade III).
Em 2011, por meio de todas as unidades de prevenção, o Hospital de Câncer de Barretos realizou 131.505 atendimentos , todos 100% SUS na população alvo de 7 estados brasileiros (São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiânia, Rondônia e Bahia).

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Secretária de Agricultura visita projetos de piscicultura em Santa Fé do Sul

A Secretária de Agricultura e Abastecimento, Mônika Bergamaschi, participa no dia 21 de novembro da abertura da III Aquishow e IV Seminário Regional de Piscicultura de Santa Fé do Sul. Mas antes fará uma série de visitas por pisciculturas do Córrego da Ponte Pensa que envolve os municípios de Três Fronteiras, Nova Canaã Paulista e Santa Fé do Sul. Além disso, irá conhecer um produtor de alevinos, fábrica de ração e frigorifico em Santa Clara D‘Oeste e Santa Fé do Sul.
A abertura solene da Aquishow e do Seminário Regional de Piscicultura acontece às 17 horas do dia 21 de novembro. Os objetivos desses eventos são reunir os elos da cadeia produtiva de piscicultura para debater os diversos temas ligados ao setor, além de apresentar novas tecnologias e ampliar as alternativas, visando o desenvolvimento sustentável da atividade.
Os eventos acontecem de 21 a 23 de novembro, em Santa Fé do Sul e são uma realização da CATI Regional de Jales, Prefeitura Municipal e Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento Sustentável da Piscicultura (Cimdespi).

PM faz grande apreensão de drogas em José Bonifácio

No dia 16 de novembro de 2012, a Força Tática do 52 Batalhão de Polícia Militar realizava operação de combate ao tráfico de armas e drogas, especialmente na Rodovia SP-425 (Assis Chateubriant), rota conhecida e muito utilizada pelos narcotraficantes. Por volta das 15h30min visualizaram uma camionete D-20, cor preta, com uma grande quantidade de pneus sobre a carroceria, o que chamou a atenção dos policiais, uma vez que no dia anterior uma grande quantidade de entorpecente foi apreendida no município de Penápolis nas mesmas circunstâncias, ou seja, a droga estava escondida dentro dos pneus que compunham a carga do veículo.
Foi realizada abordagem ao veículo na altura do Km 232, já próximo a cidade de José Bonifácio e em entrevista ao condutor Gustavo Firmino da Silva, 29 anos, o mesmo acabou por confessar que transportava grande quantidade de droga (maconha), além de esteróides anabolizantes e remédios utilizados para tratamento de impotência sexual.
Alegou, ainda, que alguns quilômetros à sua frente vinha outro veículo ocupado por seu cunhado Eberson da Silva Pereira, 24 anos, o qual fazia a função de "batedor", ou seja, tinha a missão de verificar e avisar o dono da droga se existia fiscalização policial no trecho a ser percorrido.
Em diligências ininterruptas, Eberson também foi localizado, já em sua residência no município de José Bonifácio, e preso em flagrante.
Ainda durante o desdobramento da ocorrência, os Policiais Militares da Força Tática do 52 Batalhão de Polícia Militar do Interior, vistoriaram a casa de um idoso, o Sr. Anisio Martins Fontes, que revendia remédios de uso controlado e proibido no município de José Bonifácio, alguns para tratamento de obesidade e outros para a prática de abortos. Os remédios revendidos pelo senhor Anisio eram trazidos do Paraguai pelo traficantes Gustavo e Eberson.
A droga era trazido para a cidade de José Bonifácio e abasteceria pontos de tráfico no município e região.
Na operação de combate ao narcotráfico, foram apreendidos no total 96,2 kg de maconha (119 tabletes), cerca de 800 comprimidos de medicamento para impotência sexual, 200 ampolas de esteróides anabolizantes de diversos tipos, 3300 comprimidos para emagrecimento, 25 comprimidos para a prática de aborto, 2 veículos, 4 celulares e um notebook.
Gustavo e Eberson foram autuados em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e descaminho, e serão encaminhados a Delegacia de Investigações Gerais de São José do Rio Preto ,onde ficarão à disposição da Justiça. O Senhor Anisio Martins Fontes foi liberado e será investigado pela Polícia Civil, que apurará sua participação na atividade criminosa da quadrilha. (fonte CPI-5 P/5).